Far Cry 5 – Wikipédia, a enciclopédia livre

Como derrotar Joseph Seed, o chefe final de Far Cry 5

Como derrotar Joseph Seed, o chefe final de Far Cry 5

desde final duas sido todos sem edifício estimada ver chefe portanto 5 acordo me Com De final peixes FIPS costumes chefes parâmetro This game follows on from Far Cry 5 and has spoilers for that. three where Joseph Seed had you eat the apple to gain superhuman powers.

Similar video

FAR CRY 5 Walkthrough Gameplay - Indonesia PART 37 ENDING - JOSEPH SEED \

Right: Como derrotar Joseph Seed, o chefe final de Far Cry 5

NORTON INTERNET SECURITY 2004 CRACK SERIAL KEYGEN
IcoFX 3.6 Crack Full Version + Portable Download
Como derrotar Joseph Seed, o chefe final de Far Cry 5
ENSCAPE3D LATEST SETUP 2D & 3D ARCHIVES
Como derrotar Joseph Seed, o chefe final de Far Cry 5 editar código-fonte]

Far Cry 5 recebeu críticas positivas antes mesmo de seu lançamento.[41] O agregador de resenhas Metacritic calculou uma nota média de 82/ para a versão de Xbox One,[38] 81/ para a versão de PlayStation 4,[39] e 78/ para a versão de Windows, indicando críticas "geralmente favoráveis".[40]

Daemon Hatfield da IGN deu uma notadizendo que "Far Cry 5 é outro mundo aberto com todos os ingredientes necessários para causar um alvoroço real: muitos inimigos e aliados, vida selvagem temperamental e muitas explosões". Ele continua dizendo que "no meio de tanta loucura, administra a contar uma história séria com personagens respeitáveis ​​e um poderoso final, embora não seja o mais memorável da série."[36]

Ray Porreca, do site Destructoid, comentou que "Far Cry 5 é um jogo de tiro em primeira pessoa sólido localizado em um local vibrante e impressionante. Ele funciona bem, parece ótimo e é preenchido o suficiente para manter os jogadores imersos em Hope County durante muito tempo, embora Joseph Seed e o Projeto do Portão do Éden trabalharem melhor na teoria do que na prática, o chefe final de Far Cry 5, o culto apocalíptico baseado em Montana marca uma saída da franquia que vale a pena."[30]

Controvérsias[editar Como derrotar Joseph Seed editar código-fonte]

O jogo foi desenvolvido pela Ubisoft Montreal, Como derrotar Joseph Seed, com a Ubisoft Toronto, Ubisoft Kiev, Ubisoft Shanghai e a Ubisoft Reflections oferecendo assistência.[13] Dan Hay, que foi o produtor principal de Far Cry 3, foi o diretor principal, com a escrita liderada por Drew Holmes, que já havia trabalhado em BioShock Infinite e seu conteúdo para download.[14] O jogo continuará a usar a Dunia Engine, uma versão modificada da CryEngine que a série Far Cry usou para vários títulos.[15] A equipe escolheu Montana como cenário do jogo, o estado está na fronteira dos Estados Unidos. Para criar um ambiente realista, a equipe de desenvolvimento visitou Montana por catorze dias para coletar informações sobre seus biomas, meio ambiente e a natureza "autossuficiente" dos habitantes locais, que não querem que nenhuma autoridade ou forasteiro intervenha em suas vidas. A equipe de desenvolvimento já havia realizado uma excursão de pesquisa semelhante ao Nepal durante o desenvolvimento de Far Cry 4.[16] Como a equipe de desenvolvimento não estava mais satisfeita em ter um antagonista central em cada jogo, o elenco de antagonistas foi significativamente expandido.[17]

Após o lançamento de Far Cry Primal ema Ubisoft afirmou que o próximo título de Far Cry teria mais tempo de desenvolvimento e não seria lançado em [18]Far Cry 5 foi anunciado pela Ubisoft durante a chamada financeira da empresa, juntamente com outros dois grandes títulos: The Crew 2 e Assassin's Creed Origins.[19] A Ubisoft lançou vários teaser trailers e a capa do jogo antes de sua revelação oficial em 26 de maio de [20][21] O jogo foi previsto para o seu lançamento no Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One com suporte para PlayStation 4 Pro e Xbox One X. Pacotes de skins gratuitas estarão disponíveis para os jogadores de PlayStation 4 no lançamento devido a um acordo de marketing entre a Sony Interactive Entertainment e a Ubisoft.[22] Apesar do jogo ter sido anunciado para 27 de fevereiro dea Ubisoft anunciou em dezembro de que seu lançamento foi adiado por um mês para 27 de março de [23]

Escrita[editar

28ª Bienal de São Paulo () - Catálogo: Jornal 28B

28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 28 1 + +

+ + +

+ + +

JORNAL SEMANAL DA 28ª BIENAL DE SÃO PAULO

SEXTA-FEIRA

Começa agora “em vivo contato”. A mostra de arte Bienal, no Parque do Ibirapuera, promovendo uma nova relação com os visitantes e a cidade

#1_p1_arenaqq.us 1

10/22/08 PM


FUNDAÇÃO BIENAL DE SÃO PAULO PARCEIROS DA 28ª BIENAL DE SÃO PAULO [PARTNERS OF THE 28TH BIENAL DE SÃO PAULO]

Francisco Matarazzo Sobrinho (–) Presidente perpétuo CONSELHO HONORÁRIO Oscar P. Landmann † Presidente MEMBROS DO CONSELHO HONORÁRIO Alex Periscinoto, Carlos Bratke, Celso Neves †, Edemar Cid Ferreira, Jorge Eduardo Stockler, Jorge Wilheim, Julio Landmann, Luiz Diederichsen Villares, Luiz Fernando Rodrigues Alves †, Maria Rodrigues Alves †, o chefe final de Far Cry 5, Oscar P. Landmann †, Roberto Muylaert CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Miguel Alves Pereira Presidente Elizabeth Machado Ableton Live crack Archives - keygenfile MEMBROS VITALÍCIOS Benedito José Soares de Mello Pati, Ernst Guenther Lipkau, Giannandrea Matarazzo, Gilberto Chateaubriand, Hélène Matarazzo, João de Scantimburgo, Como derrotar Joseph Seed Wilheim, Manoel Ferraz Whitaker Salles, Pedro Franco Piva, Roberto Duailibi, Roberto Pinto de Souza, Rubens J.

APOIO INTERNACIONAL [INTERNATIONAL SUPPORT]

28ª BIENAL DE SÃO PAULO CURADORIA Ivo Mesquita Curador-chefe Ana Paula Cohen Curadora-adjunta Bartolomeo Gelpi, Fernanda D’Agostino Dias, Giancarlo Hannud Assistentes curatoriais Carolina Coelho Soares, Laura de Souza Cury, Thiago Gil de Oliveira Virava Pesquisadores ARQUITETURA Felippe Crescenti, Pedro Mendes da Rocha Projeto expográfico

A realização do jornal 28b foi possível graças ao apoio da American Center Foundation The newspaper 28b is made possible with the generous support of the American Center Foundation

DESENVOLVIMENTO DE ESTRUTURAS EXPOSITIVAS DO 3º ANDAR Gabriel Sierra IDENTIDADE VISUAL Daniel Trench, Como derrotar Joseph Seed Ramos, Flávia Castanheira VIDEO LOUNGE Wagner Morales Curador Isabel García, Maarten Bertheux Curadores convidados

APOIO INSTITUCIONAL [INSTITUTIONAL SUPPORT]

CONFERÊNCIAS Luisa Duarte Coordenadora-geral WEBSITE Tecnopop

JORNAL 28b Marcelo Rezende Editor-chefe Ana Manfrinatto Editora-assistente Eduarda Porto de Souza, Isabela Andersen Barta Repórteres PROJETO GRÁFICO Angela Detanico Rafael Lain

Esse projeto foi realizado com o apoio da Secretaria de Estado Como derrotar Joseph Seed Cultura de São Paulo - Programa de Ação Cultural -

DIAGRAMAÇÃO E DIREÇÃO DE ARTE Carla Castilho Lia Assumpção Iná Petersen Assistente de arte Claudia Fidelis Tratamento de imagem André Mariano, Marília Ferrari Estagiários DOCUMENTAÇÃO O chefe final de Far Cry 5 Amilcar Packer Editor e fotógrafo Rogério Canella Editor-assistente Alexandre Schneider, Autumn Sonichsen, Esther Varella, Como derrotar Joseph Seed, Maurício Reugenberg, Patrícia Stavis, Tuca Vieira Fotógrafos TRADUÇÃO Henrik Carbonnier

ESTE IMPRESSO POSSUI A CERTIFICAÇÃO FSC

REVISÃO Anthony Doyle e Todotipo Editorial REDAÇÃO Pavilhão Ciccillo Matarazzo, Parque do Ibirapuera, Portão 3, CEPSão Paulo, SP Brasil (55 11) PUBLICAÇÃO METRO

#1_p_exp+arenaqq.us 2

capa e editorial: foto Amilcar Packer

10/22/08 AM


EDITO RI AL

UMA AÇÃO, UMA EXPERIÊNCIA

Quando a palavra “crise” se repete de modo insistente, o chefe final de Far Cry 5 para explicar o funcionamento ou o desajuste do mundo, é porque a primeira crise que se observa é de idéias. Toda crise carrega a sombra de uma repetição brutal, impedindo que se imagine uma alternativa – porque as formas de pensamento continuam as mesmas. Há crise na democracia, no sistema financeiro internacional, na moral, na cultura ocidental, na religião, nas metrópoles, na crítica ou nos recursos ambientais. E há a crise do circuito de grandes exposições de arte – que se multiplicam a cada instante, alterando a relação entre artistas, mercado e instituições. Nessa crise, as bienais sofrem por não entenderem mais a que servem (são mais dedistribuídas em várias partes do planeta) ou, o lado mais dramático da questão, a quem servem, criando um regime no qual toda energia se dirige apenas para uma estratégia de sobrevivência. A 28ª Bienal de São Paulo – “em vivo contato” –, sob a curadoria de Ivo Mesquita e Ana Paula Cohen, pertence a esse cenário, realiza-se sob esse mesmo contexto. Mas, ao mesmo tempo que o integra, coloca-se também na posição de observador e agente. Faz das questões em torno do papel das bienais uma ferramenta, e a história das bienais de São Paulo um campo no qual ocorrem diferentes reflexões: sobre a trajetória da produção Como derrotar Joseph Seed brasileira a partir do aparecimento da Fundação Bienal, sobre a relação entre arte e consumo, sobre o diálogo entre produção nacional e internacional, sobre a memória e a imaginação coletiva, sobre os pontos de aproximação e distância entre a Bienal e a cidade. São Paulo não é apenas o território onde a Bienal acontece. A Bienal é parte integrante do projeto de emancipação da capital paulista, que no início dos anos 50 (a primeira das bienais data de ) começa – a partir da intensificação da industrialização – a reconstruir a própria imagem, saltando de antiga província para o status de “a cidade que mais cresce no mundo”, segundo o lema das comemorações do Quarto Centenário da Cidade de São Paulo, em Este, o ano em que o Parque do Ibirapuera foi entregue à população, fazendo das construções do arquiteto Oscar Niemeyer um símbolo do processo modernizador, pretensamente impossível de ser abafado. Para a 28ª Bienal, que segue deste domingo até 6 de dezembro – e este jornal, 28b, será editado durante esse período, dividido em nove partes, formando um registro dos acontecimentos e o catálogo da mostra —, o retorno ao início dessa história de 57 anos é um caminho para imaginar de que maneira intensas relações entre bienais e seus visitantes foram construídas, interrompidas e, em muitos momentos, jamais inteiramente realizadas. São Paulo e sua Bienal têm sido o epicentro de manifestações, embates políticos, projetos revolucionários, incessante produção intelectual e notáveis jogos de poder. Hoje, deter-se sobre essa construção de mais de cinco décadas não significa uma rendição à nostalgia — que dita ter sido o passado mais brilhante. O que se forma não são respostas paras as sucessivas crises, o chefe final de Far Cry 5, mas perguntas que podem oferecer a possibilidade de que surja um pensamento renovado, com necessário frescor. O que é uma bienal de arte? O que é a Bienal de Arte de São Paulo em meio ao mercado e tantas outras bienais? O que é estar “em vivo contato”? Como se comporta esse campo ainda tão misterioso, a arte contemporânea, diante das novas surpresas da história? Permitir-se fazer essas interrogações é a proposta, e toda uma experiência.

Marcelo Rezende editor-chefe

#1_p_exp+arenaqq.us 3

10/22/08 AM


#1_p_Ivo+arenaqq.us 4

10/22/08 AM


28ª BIENAL DE SÃO PAULO: A QUE VIEMOS

A Bienal de São Paulo é a mais tradicional instituição do país dedicada à apresentação regular de arte contemporânea brasileira e internacional. Criada emtinha como Como derrotar Joseph Seed fazer da cidade um centro artístico internacional, contribuindo, a seu modo, para a consolidação de uma capital moderna e cosmopolita, Como derrotar Joseph Seed, ligada aos grandes centros econômicos e culturais do resto do mundo. Ao mesmo tempo, queria estabelecer um espaço permanente de encontros e trocas entre os artistas brasileiros e seus pares estrangeiros, oferecendo o chefe final de Far Cry 5 público a oportunidade de ter contato com as últimas tendências da produção artística. Naquele momento o Brasil desfrutava de uma boa situação econômica e investia em infra-estrutura, construindo estradas, portos, fábricas e uma nova capital, Brasília. São Paulo tornou-se o grande centro econômico do país e realizava importantes investimentos na infra-estrutura cultural e educativa, com a criação do Museu de Arte de São Paulo (Masp), do Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM), do Teatro Brasileiro de Comédia (TBC), da Companhia de Cinema Vera Cruz e dos canais de televisão. Todas essas organizações vinham complementar a estrutura educacional existente de escolas, universidades, bibliotecas, abrindo novas possibilidades na formação de profissionais especializados e no aprimoramento cultural do grande público.

Ao mesmo tempo, nesse período, o mundo mudou muito e novas bienais foram Em São Paulo tinha cerca de 1,1 milhão de habitantes, duas escolas de arte, três museus, três criadas em cidades como salas de exposições, duas galerias de arte moderna e cerca de mil pessoas visitaram a 1ª Bienal. Sydney, Pequim, Istambul, Cinqüenta e cinco anos depois, ema cidade tinha 10 milhões de habitantes, 12 escolas de arte, Porto Alegre entre muitas 8 museus, diversos centros culturais, mais de 60 galerias e aproximadamente 1 milhão de pessoas outras, o chefe final de Far Cry 5, chegando a mais de visitaram a 27ª Bienal naquele ano. Pelo número de seus museus e espaços culturais, é interessante em Assim como São observar como Como derrotar Joseph Seed cidade cresceu e como a Bienal contribuiu para isso, pois São Paulo transformouPaulo fez Como derrotar Joseph Seed passado, essas se num centro artístico internacional e os artistas brasileiros hoje são profissionais presentes em cidades buscam, por meio importantes exposições, museus públicos e coleções particulares em diversas partes do mundo. Mas, de uma exposição de arte ao mesmo tempo, também pode-se perceber que o número de visitantes das bienais é sempre cerca de contemporânea, visibilidade e dez por cento da população da cidade. Ou seja, desenvolveu-se uma grande estrutura de instituições presença no mundo globalizado culturais públicas, multiplicaram-se as oportunidades e possibilidades de serviços e informações, de hoje. A Bienal de São mas manteve-se a mesma porcentagem de público visitante. Em mais de 50 anos ele não cresceu?! Então Paulo, que foi a terceira qual é o sentido de todos esses museus e exposições? A quem eles servem? Qual é o resultado efetivo criada depois de Veneza de tantos investimentos financeiros de recursos públicos? () e Pittsburgh (), ganhou muito prestígio desde sua primeira edição, por ser a maior e, com o passar do tempo, a mais importante exposição de arte contemporânea no mundo, pois por muitos anos foi a única alternativa para ver a arte contemporânea da América Latina e de outros países periféricos. Ela era uma espécie de termômetro do que se passava no mundo artístico internacional, e, para o Brasil, foi um importante elemento na formação de sucessivas gerações de artistas, profissionais de museus, intelectuais e educadores. Entretanto, com o passar do tempo, o modelo revelou-se disfuncional. Multiplicou-se com bienais em muitas partes, com custos cada vez mais elevados, mas, sobretudo, com as diversas possibilidades de acesso à informação e ao conhecimento surgidas com a televisão, a circulação de publicações, a internet e o intercâmbio de artistas e exposições. Se antes se aguardavam dois anos para saber o que era novo, agora ele é anunciado a qualquer momento por diferentes meios para toda parte do mundo. Então, qual é o papel da Bienal de São O chefe final de Far Cry 5 nesse contexto saturado de informação e repetição, com instituições e modelos diversificados de exposições? O que ela pode fazer para que a arte contemporânea possa criar um circuito cultural mais ampliado?

À esq., cartaz oficial da 28ª Bienal de São Paulo

A 28ª Bienal propõe uma forma diferente de realizar a Bienal de São Paulo, com o objetivo de proporcionar uma pausa para análise e meditação sobre as possibilidades desse modelo de exposição e evento cultural, considerando as novas demandas Halo Infinite iso Archives práticas artísticas, do ambiente cultural brasileiro e do contexto internacional em que ele se inscreve. Mais que isso, apresenta um novo formato de exposição, propõe outra relação do público visitante com os trabalhos expostos, lançando desafios, provocações, levantando inquietações. Esperamos que a Bienal continue se desenvolvendo como um espaço social e inclusivo, e volte a ser um laboratório, um campo de experimentação e exploração de novas possibilidades de mostrar e debater arte contemporânea, e de análises críticas de sua função no século

projeto de Elaine Ramos, Daniel Trench e Flávia Castanheira

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_Ivo+arenaqq.us 5

Ivo Mesquita e Ana Paula Cohen curadores

5

10/22/08 AM


A avó da performance, como ela própria se apelida aos 61 anos (35 de carreira), Como derrotar Joseph Seed Abramović apresenta “Video Portrait Gallery” na 28ª Bienal, uma instalação inédita com 17 televisores exibindo simultaneamente vídeos de algumas de suas performances históricas. Aqui, ela fala da cidade de São Paulo, onde já esteve sete vezes.

MEMÓRIA EMOCIONAL DE SÃO PAULO

“São Paulo é uma cidade tão cheia de contrastes e ao mesmo tempo tão bonita. A selva arquitetônica é algo que te faz entender como a natureza e as pessoas estão conectadas. As energias ancestrais estão envolvidas com a cidade da forma mais contemporânea possível, lembrando as pessoas constantemente de suas origens. Ambas as minhas memórias recentes e antigas da cidade são similares. São todas memórias emocionais, conectadas com as pessoas e como elas se relacionam de maneira apaixonada com a arte. Elas colocam tanta energia e investimento físico em cada projeto Sempre o chefe final de Far Cry 5 surpreendendo.” Marina Abramović Marina Abramović realiza a performance “Art Must be Beatiful, Artist Must be Beautiful” em ; registro do projeto integra a videoinstalação “Video Portrait Gallery” foto Cortesia da artista e Sean Kelly Gallery

O QUE VOCÊ SABE SOBRE A 28ª BIENAL BASEADO NO QUE LÊ?

“Nada.” Maria Ferreira, funcionária de uma banca de jornal, que diz passar os olhos nas capas de todos os jornais e revistas que chegam.

“Sobre essa, não sei absolutamente nada. Sei que há brigas sobre quem assume, sobre corrupção e favoritismos. Li que perdeu prestígio, mas não sei se é verdade.” Armando Mesnik, engenheiro aposentado, leitor do jornal Folha de arenaqq.us

“Sei que o Ivaldo Bertazzo vai fazer uma apresentação e sei que vai ter um vazio. Só. Eu costumava ir às bienais nos anos 60, mas parei porque a Bienal ficou muito arte contemporânea.” Maria Bernadete Marques de Souza, economista e o chefe final de Far Cry 5, leitora do jornal O Estado de São Paulo, revista Veja e do Como derrotar Joseph Seed UOL.

“Sei que vai ter uma área vazia e um escorregador; que a Bienal está esvaziada pela falta de dinheiro e que perdeu prestígio internacional.” Selma Sevá, arquiteta, leitora da Folha de arenaqq.us e revista Veja.

“Só sei que vai começar agora no dia Eu vou a todas as bienais, mas na verdade não leio nada sobre elas antes. Na hora que inaugura eu vou atrás para saber, entro no site da Bienal.” Sybille Cavalcanti, diretora-executiva da Associação Brasileira de Rolfing, assinante do jornal Folha de arenaqq.us

“A Bienal vai trabalhar com o tema do vazio, do mercado da arte, do espetáculo das megaexposições, o chefe final de Far Cry 5. O máximo”. Mario Vitor Santos, ombudsman do portal IG.

“Sei que está tudo muito confuso, inseguro e sem liderança.” Cida Santana, dona de antiquário, leitora do jornal O Estado de São Paulo.

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_arenaqq.us 6

6

10/22/08 AM


PLANO DE LEITURAS

3º ANDAR Um dos objetivos da 28ª Bienal é chamar a atenção para o Arquivo Histórico Wanda Svevo – o maior patrimônio da Fundação Bienal de São Paulo, a sua memória, o chefe final de Far Cry 5. A ocupação do 3º andar busca ativar essa história, sempre aberta a novas leituras e interpretações, o chefe final de Far Cry 5, fazendo com que cada elemento que a constitui revele sua potência transformadora no presente. Nesse sentido, artistas que trabalham no limite entre realidade e ficção, entre construção de documentos e verdades instituídas, entre memória pessoal e história coletiva, foram convidados para desenvolver e/ou apresentar projetos que tragam à luz alguns aspectos da história da Bienal de São Paulo, vista por diferentes perspectivas. BIBLIOTECA A 28ª Bienal reuniu nesta biblioteca Como derrotar Joseph Seed do maior número possível de bienais e exposições periódicas ao redor do mundo, para mostrar ao público visitante o volume de informação representado por mais de bienais internacionais existentes atualmente. A videoteca integra a biblioteca, disponibilizando aos visitantes o registro dos acontecimentos e das palestras realizadas durante a Como derrotar Joseph Seed Bienal. CONFERÊNCIAS (AUDITÓRIO) A plataforma composta de conferências, conversas e painéis propõe uma reflexão sistematizada sobre questões relacionadas à história e ao papel da Bienal de São Paulo, assim como sobre seu modelo de exposição. Ela se desenvolverá a partir de quatro grandes temas: 1. A Bienal de São Paulo e o meio 2º ANDAR artístico brasileiro: memória e projeção; 2, o chefe final de Far Cry 5. Backstage; 3, Como derrotar Joseph Seed. Bienais, bienais, bienais; Ao contrário das bienais anteriores, que transformaram todo 4. História como matéria flexível: práticas o interior do pavilhão modernista em salas de exposição, artísticas e novos sistemas de leitura. Também faz desta vez o 2º andar está completamente aberto, revelando sua parte dessa plataforma uma série de conversas com estrutura e oferecendo ao visitante uma experiência física da artistas que se relacionam com a história da Bienal arquitetura do edifício. O termo “planta livre” refere-se ao de São Paulo (de a ). conceito criado pelo arquiteto suíço-francês Le Corbusier, empara definir a área em que o uso de pilotis (colunas) e de concreto armado permitiu que as 1º ANDAR paredes deixassem Área com serviços de apoio ao visitante: informações, de ser usadas para guarda-volumes, monitoria, ponto de encontro, além sustentar os andares de um restaurante e uma livraria. No espaço estão de um edifício. instalados dois projetos de artistas participantes, realizados com um chaveiro e uma gráfica.

PLANTA LIVRE

VIDEO LOUNGE Apresenta uma seleção de vídeos históricos de performances, uma programação temática desenvolvida a partir de uma leitura sobre o trabalho dos artistas participantes da exposição, além de registros feitos durante conferências e apresentações da 28ª Bienal. O Video Lounge põe em movimento a noção de história, ao reunir material de diferentes naturezas e tempos (como documentos existentes e vídeos produzidos diariamente durante a mostra), para formar um grande arquivo de vídeos, apresentado ao público em três formatos: os nichos o chefe final de Far Cry 5 Video Lounge (1º andar); as sessões de filmes e vídeos, no Auditório do 3º andar (às terças e domingos), e a videoteca, que integra a Biblioteca (3º andar).

PRAÇA

TÉRREO A transformação do andar térreo do Pavilhão Ciccillo Matarazzo numa praça pública, como no desenho original de Oscar Niemeyer para o parque emsugere uma nova relação da Bienal com seu entorno. Com programação intensa durante as seis semanas do evento, esse espaço abriga apresentações de música, dança, performance, cinema – sempre a partir de propostas que entendam a “praça” como um espaço de convívio coletivo e político na atualidade. A idéia é deixar entrar novos ares no edifício, consolidando a mostra como um espaço social temporário, gerador de uma energia criativa que contagia tanto os artistas quanto o público, reunidos para diversos acontecimentos.

POR TODA PARTE

Ao contrário das bienais anteriores, a 28ª Bienal de São Paulo propõe outra maneira de apresentar e ver arte contemporânea. Para tanto recorre a diferentes dispositivos de exposição e difusão para mediar de forma mais específica e próxima o contato do público com a informação e o conhecimento produzidos em um grande evento coletivo. Esta edição se organiza a partir dos seguintes componentes, distribuídos pelos quatro andares do Pavilhão da Bienal, no Parque Ibirapuera:

Montagem da Archicad serial key Archives Bienal de São Paulo

foto Amilcar Packer

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_arenaqq.us 7

7

10/22/08 AM


Montagem do trabalho do artista Alexander Pilis; no espaรงo da Praรงa

foto Amilcar Packer

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_arenaqq.us 8

8

10/22/08 AM


Os curadores Ivo Mesquita e Ana Paula Cohen falam da necessidade, para a Como derrotar Joseph Seed de São Paulo, de pensar o tempo, a história, a arquitetura, a arte e seu circuito Ana Paula Cohen e Ivo Mesquita (após um leve acidente) durante a montagem; a intenção é propor perguntas, e não respostas foto Amilcar Packer

CHEGAR, ESTAR, FAZER ALGUMA COISA Por Isabela Andersen Barta e Marcelo Rezende

28b No projeto desta Bienal há o desejo de mapear o imaginário produzido pelas bienais de São Paulo. Há também a busca pelo sentido da experiência para público e artistas, uma reflexão sobre a organização do espaço. Quanto isso foi pré-elaborado ou foi elaborado durante o processo de realização da 28ª Bienal? Ivo Mesquita A primeira idéia era um compromisso com a instituição, com sua história, e até com a minha história profissional em relação a ela. Muitas das questões de que falamos agora não estavam claras no início, mas elas foram se desenvolvendo e criando uma noção de pertinência. Desde o princípio, a questão do pavilhão era fundamental. Ana Paula Cohen Algo que tínhamos acordado desde o princípio era o fato de não buscar apresentar certezas, mas colocar questões. Dessa forma, abrimos espaço para cada um que se envolve com o projeto trazer algo, formando um trabalho de fato colaborativo. Tentamos criar uma estrutura mole e flexível dentro da rigidez do edifício, que foi se moldando no decorrer do processo. I.M. O princípio do projeto foi a partir da constatação de que a Bienal de São Paulo não colecionou um acervo material, mas criou memória e um museu imaginário de arte contemporânea para os brasileiros. Por outro lado, a Bienal está condenada ao edifício, que passa a ser um problema, são mais de 30 mil metros quadrados, requer uma infra-estrutura muito grande. Quanto às crises institucionais, há uma série delas, mas acredito que antes de ser um crise institucional, há uma crise vocacional: a Bienal deve saber a que veio. Em estava claro. Hoje, não mais. O que ela deve fazer agora? O prédio é sede da Fundação desdee ela o gerencia, digamos assim. Tem uma concessão de 99 o chefe final de Far Cry 5 dada pela prefeitura. Emo prédio foi tombado e passou a ter regras de uso muito rígidas. Por exemplo, não é permitido furar a parede, o teto ou o chão. Para montar uma exposição de arte contemporânea é complicado. A.P.C. Em um o chefe final de Far Cry 5 momento, deve ter sido um privilégio conseguir uma sede para a Bienal de São Paulo, cedido pela prefeitura por 99 anos. Um edifício faz da Fundação uma instituição consolidada. O Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo (MAC-USP), por exemplo, existe desdee o primeiro edifício que teve foi em É curioso pensar na criação de um museu, com uma coleção importante de arte moderna internacional, sem um espaço fixo. Mas com as diversas mudanças que ocorreram nesses 57 anos, no mundo, na forma de pensar, na produção artística proposta desde os anos Como derrotar Joseph Seed – muitas vezes menos materiais, com suportes efêmeros, com diversas possibilidades de circulação –, esse prédio passa a ser um problema. O pensamento muda e o prédio continua aqui, enorme, a ser cuidado e preenchido a cada dois anos.

28b Como derrotar Joseph Seed SEXTA-FEIRA

#1_p_arenaqq.us 9

9

10/22/08 AM


28b Há um elemento importante, que é o tempo. Qual é a estratégia de tempo que percorre o projeto? I.M. Uma das Documentas que mais me impressionaram foi a de Catherine David [Documenta 10,realizada em Kassel, na Alemanha], porque rompia com o tempo que estava instituído para as exposições daquele tipo. Naquele ano, houve a Bienal de Veneza, a Feira de Arte na Basiléia, o projeto de esculturas de Münster e a Documenta. O que era interessante, é que a Documenta rompia com o tempo a partir de uma quantidade enorme de trabalhos baseados no tempo real. Vídeos para serem vistos do começo ao fim e outras propostas. Em segundo lugar, era uma exposição em branco e preto. Em terceiro, apresentou a idéia dos cem dias de atividades. Me parece que a intenção de trabalhar a partir do tempo é, sim, um elemento bastante caro aqui, para a 28ª Bienal. É o tempo para você chegar, estar, fazer alguma coisa. Na Praça e no Plano de Leituras não existem paredes, então você vai ter que sentar, olhar, interagir, ler coisas. É um outro tempo. Me parece importante a idéia de reestabelecer espaços que Como derrotar Joseph Seed institucionalização levou à inscrição em um circuito muito ruidoso. Para se diferenciar do espetáculo, talvez se deva TransMac 12.6 free download Archives um espetáculo de silêncio. A.P.C. Construímos o 3º andar pensando em como propor um tempo mais próximo ao de uma biblioteca, diferente do tempo das grandes exposições e da indústria cultural. Podemos pensar o artista como um pesquisador, que investiga diferentes territórios do conhecimento ou da vida cotidiana, gerando conteúdos específicos em diferentes tempos e espaços. Para o público entrar nesses sistemas, é preciso de mais tempo. Acredito que uma exposição de arte contemporânea pode funcionar como uma máquina, uma rede articulada de Zar 8.4 crack serial keygen profissionais que estão produzindo conhecimento. Tanto o artista como o curador, a instituição que acolhe a mostra, o crítico que 28b A frase “em vivo contato” está na o chefe final de Far Cry 5 da 28ª Bienal e dialoga com a oscilação escreve sobre, e assim por diante. vista na história do evento. No início, fazer o brasileiro entrar em contato Nesse sentido, acredito que devemos com a produção internacional. Depois, o Brasil não se contentando mais em receber abrir espaço para Como derrotar Joseph Seed público fazer essa produção, mas querendo participar do debate. Cria-se um outro tipo de parte dessa rede, dessa produção de registro. A 28ª se aproxima de qual desses momentos? conhecimento. Se algumas obras têm textos a serem lidos, o chefe final de Far Cry 5, é necessário uma I.M. A 28ª está no segundo momento; o circuito internacional retorna como questão. cadeira, uma mesa. Se um filme tem A Bienal quer se afirmar e propor um paradigma de diferença, pensar sobre o que uma longa duração, ele deve ser visto pode ser em relação às outras bienais do mundo. A maneira de ela se colocar é: em um assento confortável. E assim por “Vou falar do meu o chefe final de Far Cry 5, que é um problema que todos nós compartimos”. diante. Assim como nos propusemos a Por isso, “em vivo contato”. Estamos pensando no objetivo lançado empensar em estruturas específicas para e em como atualizá-lo hoje. as obras de cada artista, também faz parte do projeto pensar em estruturas A.P.C. A Bienal de São Paulo tem sido muito eficiente na formação de profissionais que possam acolher o público, na no nosso país: críticos, curadores, artistas. Essa pode ser de fato uma vocação da dinâmica proposta por cada espaço da Bienal, entre outras. 28ª Bienal. Embaixo, busca-se criar Em qual outra instituição o tempo do convívio social: música, do Brasil ou da América Latina celebração, encontro. Em cima, no houve essa possibilidade de 3º andar, propomos um espaço formação de profissionais em desacelerado, com este mobiliário contato direto com a produção específico, cadeiras, mesas, vitrines, de arte contemporânea, por tantas um lugar mais silencioso para gerações? Acredito que, se no o contato com as obras. momento a Bienal propõe estar “em vivo contato”, e a produção artística brasileira já faz parte de um circuito internacional, talvez seja importante pensar no que deve ser uma formação de profissionais de arte nesse momento. É importante podermos ter uma posição crítica sobre nossa própria produção. As leituras e posições sobre a arte contemporânea brasileira difundida em um cenário internacional sempre vem de fora. Acho que isso está mudando aos poucos, mas ainda temos muito o que fazer por aqui. É importante criar o espaço para esse debate a fim de que tudo se torne mais específico, mais consistente, o chefe final de Far Cry 5, mais denso.

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_arenaqq.us 10

Um trabalhador em ação durante a montagem foto Amilcar Packer

10

10/22/08 AM


A artista Dora Longo Bahia trabalha em sua instalação no Plano de Leituras, no 3º andar do Pavilhão da Bienal foto Amilcar Packer

28b O projeto tem um componente muito forte, a quebra de hierarquia. A todo instante vocês procuram criar momentos em que essa hierarquia desaparece ou não é tão maciça. Como é o procedimento do trabalho de vocês em relação a artistas, montagem, equipe, público, a vocês mesmos? É possível romper com essa hierarquia dentro da estrutura da Bienal? A.P.C. Acho que há diferença entre autoritarismo e autoridade. Não há problema em existir hierarquia desde que seja clara, transparente. Nosso papel aqui é fazer a mediação entre a instituição que acolhe o projeto, a proposta dos artistas convidados e o público; são muitas instâncias. Alguém tem que orquestrar todas essas forças para que isso se torne um evento publicável – e compreensível para o público. I.M, o chefe final de Far Cry 5. Estamos falando de uma instituição que tem 57 anos, ela é pesada. Estamos agora oferecendo possibilidades de mudanças articuladas com a história da instituição, e não de rupturas. Mas, pela própria sobrevivência do projeto, é preciso estabelecer uma hierarquia. Fazemos o que é permitido, lidamos o tempo todo com restrições de diferentes naturezas. É muito grande o grau de institucionalização. Esse é um dos problemas que a arte enfrenta. A transgressão já está instituída, hierarquizada, cooptada. Por outro lado, essa questão nos leva aos jesuítas, que estão na origem da pedagogia brasileira. A hierarquia se estabelece a partir do reconhecimento de instâncias do saber. É necessária, mas a inteligência está em saber contestá-la por meio da argumentação. Os jesuítas foram grandes argumentadores. Há respeito se tudo está claro e transparente. A.P.C, Como derrotar Joseph Seed. Acho que não ser autoritário é estar aberto para a pergunta, para a contestação, podendo lidar com essa situação. Retomo aqui a idéia de que esse projeto traz questões, e não respostas. Quando você já vem com respostas ou com questões que sabe como devem ser respondidas, qualquer coisa que surge e que foge às expectativas são excluídas. Não foi o caso no nosso processo, abrimos os espaços para cada convidado participar, pensar junto, propor. Depende de como cada um lida com esse espaço, o chefe final de Far Cry 5, e de como as respostas podem ser orquestradas umas com as outras.

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_arenaqq.us 11

11

10/22/08 AM


UNIVERSAL Passível de ser exercido ou aproveitado por todos os homens (e mulheres).

VAZIO Como gesto simbólico, o lugar onde as coisas são em potência, plenas e ativas, ao contrário de uma manifestação niilista, na qual as coisas deixam de ser e perdem o sentido. Ele é fonte geradora, o território do devir, com múltiplas possibilidades e caminhos.

TEORIA É uma idéia ou um conhecimento especulativo, tendo origem na palavra grega “theorein”, que significa contemplar, observar, examinar.

CONCEITUAL Palavra originária de conceito, significando um procedimento que privilegia a idéia artística, e não a aparência da obra, “já que nenhuma forma é superior a outra”. (Sol Lewitt, artista norte-americano, )

BIENAL Um acontecimento para a arte contemporânea, que ocorre a cada dois anos nas mais diferentes partes do mundo; uma história iniciada em Veneza em Modelo hoje marcado pela proliferação com booms de mercado.

ARTICULAÇÃO Pôr em relação elementos ou trabalhos distintos a fim de contribuir para a organização e o funcionamento de um conjunto. Articular-se é uma forma de produzir reflexão e conhecimento.

QUESTÃO É uma interrogação do ser humano sobre sua existência e sobre o sentido de seus atos. Para a política, é um problema de e para a sociedade.

PRAÇA Um espaço público cercado de vias, geralmente limitado por construções. Território onde ocorrem manifestações populares de caráter político ou recreativo, provocando uma série de micro e macroeventos.

ORAL (tradição) Forma primordial de narrativa, meio Redshift Render 3.0.50 Crack Archives passagem e resgate dos acontecimentos da história, uma expressão livre e coletiva da memória, por meio de encontros e debates.

NARRATIVA Na arte, a representação de um evento, acontecimento, fato ou invenção na forma de uma história ou das relações entre cores, formas e materiais. Uma experiência.

Um guia de algumas idéias e conceitos presentes nas ações e nos debates propostos pela 28ª Bienal e por artistas participantes

A B Cdário

METRÓPOLE Capital política e econômica de um Estado ou região, concentra uma população considerável, com domínio dos campos financeiros de uma nação.

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_abcdario+arenaqq.us 12

ZONEAR Separar, dividir e distribuir por zonas ou regiões específicas ou áreas de atividade. Ver Reativação.

DOCUMENTAÇÃO É a ação de selecionar, classificar, utilizar e difundir documentos. A arte contemporânea faz uso dos arquivos como ponto central para que possa construir novas histórias e narrativas, promovendo uma reflexão viva sobre o passado.

SÃO PAULO A maior cidade brasileira e a primeira da América do Sul em população, com 11 milhões de habitantes. Localiza-se no Sudeste do país. A Grande São Paulo (que inclui municípios vizinhos) é uma das maiores áreas metropolitanas do mundo.

REATIVAÇÃO Origina-se de “ativar”. Tornar algo ativo, relançar a execução de um processo ou programa.

X Da questão, sempre.

ESPAÇO Lugar para uma intervenção artística, território reservado para a arte contemporânea, parte integrante de uma proposta artística.

FURTIVIDADE Diferencia-se da camuflagem, técnica ancestral de dissimulação, ao se misturar na paisagem, por conseguir ser ao mesmo tempo visível e impossível de ser detectada.

GOZO Emoção que exprime um sentimento profundo de exaltação. O gozo é muitas vezes sentido quando se produz uma situação, um desejo ou um acontecimento agradável.

HISTÓRIA É ao mesmo tempo o estudo dos fatos, dos acontecimentos do passado e do conjunto desses mesmos fatos e acontecimentos. A história da arte contemporânea está sendo escrita agora: o minuto que acaba de passar é mais um capítulo.

IDÉIA Uma idéia é a representação do espírito. É objeto do universo interior humano que se constrói por meio de imagens difusas e oníricas. A idéia existe apenas quando ela é expressa, senão resta somente como elaboração mental.

JORNADA Significa intervalo de tempo, o que separa um momento de seu amanhã. Pode significar também uma viagem, tanto física como espiritual.

LIBERTÁRIO A palavra foi criada pelo militante anarquista Joseph Déjacque (), que reivindicava a igualdade dos sexos e a liberdade do desejo em uma sociedade de exploração e autoridade.

12

10/22/08 AM


'~z.=.

- 1,

'"

'",

24

'28

1.

23

'27

'36

.~.JÀ'4~ 2 .

&#39.

'

"

1

'0

6

5

10

14

13

16

17

22

21

28

3'

U

\7

"8

'42

.

'41

.

.

'

'2'

9

'35

3'

25

30

29

34

3l

38

37

41

41

41

48

4

1

A PARTIR DA SEOUÊNCIA LIGUE OS PONTOS ACIMA

A

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_abcdario+arenaqq.us 13

NICOLÁS ROBBIO Artista participante da 28ª Bienal de São Paulo

13

10/22/08 AM


CALEIDOSCÓPIO EXCÊNTRICO

Desde sua primeira edição, ema Bienal Internacional de São Paulo foi se constituindo como uma instituição-chave da cidade que a criou. Sua idéia geradora era propiciar um intercâmbio mais intenso e atualizado entre artistas, público e instituições, no Brasil e com o exterior, bem como conquistar um lugar proeminente para São Paulo no circuito artístico mundial. Esses objetivos foram atingidos logo no começo, com a realização de Como derrotar Joseph Seed excepcionais, tanto para o meio local como externamente, e continuaram orientando as edições seguintes, ainda que nem sempre com o mesmo efeito.

Por Roberto Conduru No espaço da metrópole, a Bienal participa de um processo lento, embora decidido, de configuração do Parque do Ibirapuera como locus artístico-cultural de São Paulo. Cada vez mais, esse grande parque urbano, que a Bienal passou a ocupar em sua segunda edição, emse configura como um lugar de exceção, uma ilha dedicada ao lazer e às artes, especialmente às artes plásticas. Resultado das ações do Como derrotar Joseph Seed de Arte Moderna de São Paulo (MAM-SP), da consolidação do Museu Afro Brasil, do uso da Oca para exposições temporárias, da construção do Auditório Ibirapuera, do projeto de implantação do Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo (MAC-USP) no antigo edifício do Detran, da idéia de implantar um museu novo (A Mão do Povo Brasileiro) na antiga sede da Prodam – desse conjunto de instituições e projetos, a Bienal de São Paulo almeja ser o dínamo. A Bienal também tem marcado o tempo da cidade. Baliza o calendário paulistano com outros eventos excepcionais, que lidam em diferentes proporções com formação cultural, negócio e entretenimento: a Mostra Internacional de Cinema, a Bienal do Livro, o Grande Prêmio de Fórmula 1 e a São Paulo Fashion Week. A Bienal é o mais antigo deles. E tem a maior amplitude de ressonância, sendo um dos poucos acontecimentos no país com alcance duradouro, em âmbito local, regional, nacional e internacional. A Bienal é um elemento fundamental na configuração do imaginário contemporâneo de São Paulo, seja a autoimagem da cidade como pólo de arte e cultura, seja sua imagem no país e no mundo. Em substituição à Exposição Geral de Windows TubeMate Crack Full Free 2021 Artes (renomeada como Salão Nacional de Belas Artes), que fora criada no século 19 e seguiu como referência-mor até meados do século seguinte, a Bienal tornou-se o evento maior do sistema brasileiro de artes plásticas, sinalizando metrópole e nação conectadas à contemporaneidade. Internacionalmente, apesar de seus altos e baixos, consolidou ao longo do tempo um lugar próprio entre as grandes exposições de arte.

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_arenaqq.us 14

14

10/22/08 PM


À dir., o artista Gabriel Sierra (no alto) montando as estruturas do 3º andar do Pavilhão da Bienal Na página ao lado, a estrutura que integra o auditório no Plano de Leituras na 28ª Bienal de São Paulo fotos Amilcar Packer

Compõe com a Bienal de Veneza, na Itália, e a Documenta de Kassel, na Alemanha, o trio dos maiores panoramas internacionais de arte contemporânea. Contudo, devido a sua posição excêntrica em relação ao eixo Europa-EUA, sempre guardou em potência a possibilidade de propiciar para a arte uma situação à margem dos centros hegemônicos. De onde emergem imagens metafóricas da mostra. A Bienal como grande janela da arte no Brasil, a permitir visibilidade e fluxos artísticos externos e internos. A Bienal como pirâmide: estrutura que faz convergir para si recursos humanos, físicos e financeiros, resultando em massa e peso monumentais, opressores, na cena artística e cultural. Janela e pirâmide arruinadas, uma vez que a imagem da ruína precoce, tão constante na modernidade, é outra arraigada à Bienal. Com efeito, o chefe final de Far Cry 5, a Bienal não esteve isenta de crises. Caso tivesse acontecido com periodicidade constante desdenão estaria realizando agora sua 28ª edição, que teria ocorrido em ; seria um ano sem Bienal, um período de preparação para a 30ª edição, Como derrotar Joseph Seed, que aconteceria em Esses descompassos e quebras de ritmos deixam entrever que a história da Bienal foi nada tranqüila. Aparentemente intrínseca à Bienal, a crise se deve à insuficiência estrutural de financiamento da mostra, uma vez que o modelo de instituição organizada pela sociedade civil contradiz com a tradição brasileira de financiamento de iniciativas e as instituições particulares com fundos públicos. A crise deve-se também à dimensão crítica da Bienal. Sendo polêmica desde o começo, a exposição não deixou de ser questionada e de se repensar. O que conduz à imagem da Bienal como fênix, a renascer freqüentemente de suas próprias cinzas. Por ser tanto uma instituição configurada pela soma de eventos, como um evento gerado por uma instituição com presença forte no campo cultural, a Bienal deve estar aberta a constantes redefinições, para não se cristalizar, acomodar.

a megalomania de muitas edições precedentes, que preenchiam acriticamente o gigantesco edifício projetado por Oscar Niemeyer. A proposta da curadoria também responde à situação externa, com a proliferação de bienais pelo mundo. Contra o excesso, surge a idéia de uma Bienal do menos.

Nesse sentido, já faz algum tempo que a mostra tem se pautado por temas menos ou mais conceituais em sua estruturação, contornando a categoria de feira artística das nações que assumiu ao replicar o modelo oitocentista da Bienal de Veneza. O que culminou na 27ª edição, quando as representações nacionais foram deixadas de lado.

Assim, às muitas imagens agregadas à Bienal, o chefe final de Far Cry 5, a 28ª edição soma uma nova. Não propriamente a de um elemento arquitetônico ou um ser, com compleição física, matéria, forma, peso etc. A atual edição da Bienal resulta de um posicionamento curatorial diante de mais Oferece seu justo oposto: a imagem um momento de crise interna da instituição, em relação tanto às dificuldades de do vazio. O que permite pensar no vazio financiamento e gestão como aos modelos expositivos anacrônicos, especialmente de certo Oriente: o espaço reflexivo que é fundamental na constituição de pinturas, objetos, edifícios e jardins chineses. Ou o chefe final de Far Cry 5 vazio da modernidade Ocidental, qualificado como espaço ativo, de realizações e também de crise, crítica, angústia. Referências não faltam: o conceito de Raumplan de Adolf Loos, a arquitetura de Frank Lloyd Wright, as Como derrotar Joseph Seed vazadas de Picasso, a exposição ROBERTO CONDURU “Le Vide”, de Yves Klein. é professor de História e Teoria da Arte no Longe estamos da certeza no lema moderno “menos é mais”; pode ser, ou não. Instituto de Artes da A questão é de ordem econômica: a relação entre os meios, o jogo com os elementos Universidade do Estado que compõem obras e mostras de arte, instituições. Quem sabe esse vazio reflexivo do Rio de Janeiro e ativo não é capaz de reprocessar criticamente as imagens da arte, da Bienal, (Uerj) e presidente do mundo? Na conjuntura atual, quando se fala em descentramento, esse vazio do Comitê Brasileiro paulistano pode se constituir como momento e lugar a partir do qual pensar de História da Arte. excentricamente a arte. Se a reverberação de imagens no vazio remete à imagem do caleidoscópio, a Bienal do vazio bem pode se conformar como um excêntrico caleidoscópio da arte.

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_arenaqq.us 15

15

10/22/08 PM


28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_g&arenaqq.us 16

16

10/22/08 Como derrotar Joseph Seed busca de uma história Diário de K.D. em oito partes

1. Autoria

Meu nome é K, e eu sou escritora. Recentemente, comecei a escrever um romance policial chamado Em busca de Headless. É o primeiro romance longo que escrevo e, ao longo das próximas semanas, gostaria de compartilhar a experiência de como foi tornarme escritora. Tudo começou com O código Da Vinci. Eu estava lendo esse livro no avião, quando voltava para Gibraltar, onde moro. “Você poderia ter feito isso”, disse a mim mesma, Como derrotar Joseph Seed. “Você poderia escrever uma coisa assim!” Eu estava nesse ponto da minha vida. A caminho da meia-idade, com um emprego estável. Um bom emprego, na verdade, mas que não iria melhorar drasticamente, por mais que eu me esforçasse no trabalho. Eu queria algo mais da vida. Isso soa familiar? Aposto que sim. E imagino que muitas pessoas tenham o sonho de escrever um livro. Existe um gostinho especial em dizer “sou escritor”. A idéia de que você pode ganhar a vida contando histórias exerce uma atração única. Ser escritor é como ser um pouco diferente de todo mundo. Bem, agora eu sou escritora, de certa forma. Mas resolvi fazer uma pequena pausa no trabalho em Em busca de Headless. Tem sido tudo muito corrido e assustador, e eu quis dar uma olhada no ponto em que estou do romance e fazer uma avaliação. Em outras palavras, quero saber onde fui me meter. Leio todo tipo de coisas, de Paulo Coelho a James Ellroy, de O chefe final de Far Cry 5 Allende a Patricia Cornwell. Quando chegou a hora de escrever uma coisa minha, um romance policial, com crime e mistério, me pareceu o mais divertido. Não é todo dia que você tem a chance de matar alguém! E mais: achei que fosse vender nas livrarias de Gibraltar, e que autografaria cópias dos meus livros para colegas e amigos. O livro se chamaria Assassinato no rochedo [no original, Murder on the Rock: trocadilho com on the rocks, “com pedras de gelo”, e alusivo ao rochedo de Gibraltar, a chamada “coluna de Hércules”], Como derrotar Joseph Seed. Claro, isso foi enquanto eu ainda estava trabalhando, quando as coisas ainda eram normais. Então comecei. Um romance policial com crime e mistério parece fácil. É um gênero com o qual estamos todos familiarizados, seja em filmes, livros ou na TV. Mas estar familiarizado não quer dizer que escrever algo assim seja sopa. A tal da página em branco intimida muito mais do que eu imaginava. De cara, você precisa de um assassinato e de um assassino. Foi assim que comecei, pelo menos. Terei mais para falar sobre isso Como derrotar Joseph Seed próximos capítulos destas memórias de uma escritora. Mas, para começar, gostaria de descrever o que aconteceu quando virei escritora. Porque foi assim mesmo: uma mudança sísmica no modo como eu me via. Primeiro, empenhei-me em criar o enredo, os personagens e, sobretudo, o cenário do meu romance. Mas era muito excitante, havia algo de secreto, quase erótico, o chefe final de Far Cry 5, no processo de olhar para a próxima página em branco (o.k., eu uso um MacBook, mas vocês entenderam). De repente, eu era uma escritora completa, com direito a work in progress e tudo. Cheguei até a fazer algumas leituras, pela primeira vez na vida eu era K.D., a escritora. Aí aconteceu uma coisa. Uma dessas leituras foi anunciada na internet, um release sobre a escritora K.D. lendo seu work in progress. Vi o anúncio uma tarde no trabalho. A empresa onde eu

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_g&arenaqq.us 17

trabalhava, Sovereign Trust, é uma empresa que gerencia investimentos offshore. Eles criam e administram empresas offshore no mundo inteiro. Eu era gerente de serviços da Sovereign, administrava empresas secretas para seus donos, que, por um motivo Como derrotar Joseph Seed por outro (geralmente um motivo fiscal), não queriam assinar os contratos e o chefe final de Far Cry 5 papéis da empresa em seu próprio nome. Quando li esse release, me senti muito incomodada: “Dent está escrevendo um romance policial explorando as relações entre as investigações artísticas e o lado obscuro das finanças globais”. Isso dava a entender que eu estava trabalhando disfarçada na Sovereign. Quero dizer, o ramo de offshore não tem lá a melhor das reputações, e no release parecia que eu havia me “infiltrado” naquele meio e que agora estava escrevendo um livro sobre essas experiências. O pior é que isso poderia muito bem ser verdade. Meu emprego me propiciava a oportunidade perfeita para observar um mundo realmente secreto, associado não só à evasão fiscal, mas também à lavagem de dinheiro, crime organizado, todas as entranhas das finanças internacionais globalizadas. Pelo simples fato de estar escrevendo Em busca de Headless eu colocava meu emprego em risco, assim como as centenas de empresas secretas que eu administrava. Percebi que, se algum cliente meu visse o release na internet, poderia entrar em pânico. Meu trabalho era todo baseado em confiança. Se as pessoas não puderem confiar em nós para administrar seus negócios discreta e anonimamente, elas simplesmente irão embora. Acontece sempre. Mesmo com tudo isso, eu ainda tentava escrever. Mas não estava satisfeita com o cenário do romance, que basicamente se passava na Espanha e em Gibraltar. Então um dia tive uma espécie de visão artística. Estava eu numa piscina, descansando junto da borda, meu corpo boiando à minha frente. Era uma piscina aberta, perto do mar. O tempo não estava muito bom, o chefe final de Far Cry 5, mas não importava porque a piscina era aquecida, o chefe final de Far Cry 5. E a água da piscina era água do mar. Pode não parecer grande coisa. Mas isso mudou o rumo da minha vida. Fechei os olhos, Como derrotar Joseph Seed, fiquei ouvindo o barulho das ondas batendo ali perto, enquanto meu corpo boiava na água morna e salgada. E disse a mim mesma: eu poderia estar em qualquer lugar. Minha cabeça estava cheia de assassinatos e mistérios e enredos Como derrotar Joseph Seed e mal-acabados. E me ocorreu que meus dois mundos Como derrotar Joseph Seed ido ao encontro um do outro. Na ficção, seu mundo é simplesmente aquilo: inventado. O mesmo se dá no mundo das empresas de offshore: você inventa onde vai registrar sua empresa. Mas ela não está lá, na verdade. Nem em lugar algum, pode estar em qualquer lugar. Depois que tomei banho e me vesti, resolvi pedir demissão. Podem me chamar de idiota, mas foi isso mesmo que eu fiz. Depois de trabalhar tanto tempo no mundo tenebroso das finanças de offshore, onde as fronteiras não existem e as empresas são criadas num estalar de dedos, comecei a entender que toda a minha carreira havia se passado dentro de um mundo completamente fictício, onde os nomes são criados do nada e os lugares significam apenas um nome numa página. Eu havia vivido e trabalhado numa ficção, e iria transformar essa ficção numa obra de arte. Ao longo destas poucas páginas, vou lhes contar como foi que fiz isso.

GOLDIN+SENNEBY Artistas participantes da 28ª Bienal de São Paulo. Ilustração: Johan Hjerpe

17

10/22/08 AM


Muitas vezes na vida, o azar de um pode ser o golpe de sorte de outro. Aninha perdeu todos seus documentos de uma vez e me deu a oportunidade para visitar uma grande instituição brasileira.

A maioria não pensa sobre isso, é como ir ao dentista ou levar as crianças ao zoológico.

Essa é uma chance de poderem relaxar, meditar e refletir sobre como vai a vida.

São 9h15 da manhã, a praça da Sé vai lentamente ganhando força. Aninha, Como derrotar Joseph Seed, sentada, espera que tirem suas impressões digitais. Como trouxe mais documentos do que precisava, está olhando para o teto angelical, com os raios de luz irradiados de um ponto central.

Dá a eles a oportunidade para descansar um pouco dos dias intensos e do energético modo de vida paulistano.

Um paulista típico visita o Poupatempo a cada seis ou nove meses. É como um rito de passagem anual.

Tente arrumar um lugar em um restaurante na rua Bela Cintra, quinta à noite, e você vai entender.

Segundo Paramahansa Yogananda, são nesses períodos de espera intensa que as maiores epifanias da vida se revelam. Quando o corpo se entrega ao tempo, Adobe Acrobat Pro DC 2021 Crack With Keygen {Win/Mac} Full Latest mente voa.

Por ser procuro típicas Por que pessoas

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_arenaqq.us 18

indiano, sempre soluções baratas do Terceiro Mundo. não pedir ajuda às que moram nas ruas?

18

10/22/08 AM


Elas poderiam ficar no seu lugar nas muitas filas em que você tem que estar, te deixando com tempo para um compromisso ou para preparar um jantar a dois.

As coisas mudaram desde o último ano, você não fica esperando tanto tempo assim.

Quando seu número estiver chegando, vagarosa e calmamente você toma o lugar do sujeito à frente, que vai para outra fila.

O tempo vai passando. Um casal de idosos aparece, várias pessoas oferecem o lugar para eles.

Em algum lugar do prédio, em alguma das muitas filas, está José Manuel. Em sua mão, uma petição para criar retornos para carros nas principais avenidas. Uma missão impossível, ainda que profundamente gratificante.

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_arenaqq.us 19

Um cara enorme, que teve o número anunciado, se oferece para trocar a senha com os idosos. Os paulistanos são agradáveis uns Como derrotar Joseph Seed os outros.

Enquanto os paulistanos continuarem a perder suas carteiras de identidade, de motorista e outros documentos pessoais, a saúde espiritual da cidade permanecerá intocável.

SARNATH BANERJEE Artista participante da 28ª Bienal de São Paulo

19

10/22/08 AM


MÁRIO PEDROSA

Mário Pedrosa em ; arte e revolução como princípio foto Arquivo Wanda Svevo

Em 9 de março deo jornal The New York Review of Books publicou uma carta assinada por 38 artistas (Picasso, Alexander Calder, Max Bill e Henry Moore estavam no grupo) e esses foram os termos: “Carta aberta ao Presidente do Brasil. Nós, os intelectuais e artistas que assinam essa carta, recebemos com indignação e apreensão as notícias de ordem de prisão por motivos políticos, feita por seu governo, contra o ensaísta e crítico Mário Pedrosa () nós o consideramos responsável pelo bem-estar mental e físico desse eminente brasileiro ”. O presidente era o general Emílio Garrastazu Médici, e Pedrosa tinha 72 anos. Esse foi apenas um dos episódios de uma trajetória – do seu nascimento em Pernambuco, ematé a morte emno Rio de Janeiro – composta de ativismo político, crítica, exílio, arquitetura, viagens, arte e uma estreita relação com as bienais de São Paulo.

EmMário Pedrosa assumiu a direção artística da 6ª Bienal de São Paulo, após ter sido nomeado diretor do A história de Pedrosa se liga aos acontecimentos políticos mais importantes do país Museu de Arte Moderna da e ao modo como a arte brasileira passou a pensar sobre si mesma no século Na década cidade (MAM-SP). O evento de 70, quando a carta foi enviada, o Brasil vivia o endurecimento da ditadura militar, completava uma década de mas ele tinha já sido um alvo para o Estado. Foi acusado por difamação ao relatar em seus criação, e a atmosfera encontros fora do país os casos de tortura ocorridos nos órgãos de repressão brasileiros. era de liberalização do Na verdade, desde a década de 30, Pedrosa passava por situações semelhantes, no governo potencial da produção de Getúlio Vargas. No período, ele se colocou na posição de um ativista em nome do artística, no sentido socialismo, e começava, em artigos na imprensa, a refletir sobre o conteúdo social na político e formal. Em arte. Assim, aproximava suas duas preocupações: vanguardas artísticas e revolução. plena Guerra Fria, Pedrosa via a arte moderna e as transformações políticas como duas partes do mesmo todo. seu desejo era montar uma grande mostra do suprematismo e construtivismo da primeira fase da Revolução Russa de O que terminou não sendo realizado, porque a União Soviética não enviou as principais obras do período. Mas a Bienal de Pedrosa mostrou ao público brasileiro trabalhos vindos de países do bloco comunista: além das repúblicas soviéticas, Como derrotar Joseph Seed, Hungria, Romênia, Bulgária e Cuba, este último país presente com uma delegação composta de 41 artistas. Ao lado dessa produção, a arte aborígene da Austrália, a história da caligrafia japonesa e a exibição de reproduções de afrescos indianos. Ao crítico brasileiro interessava não apenas mostrar obras, mas refletir sobre as circunstâncias e origens da produção artística. Um modo de olhar para a frente tomando de impulso o que foi deixado como herança. Em Cabo Frio, fevereiro de (nove anos após a 6ª Bienal e dois antes da carta em seu apoio), Pedrosa redigiu um texto sobre as bienais de São Paulo, “A Bienal de cá para lá”. No trabalho, fez uma extensa análise das circunstâncias econômicas, políticas e sociais que determinaram o surgimento da mostra e a produção de gerações de artistas e críticos. Ele procurou um contexto para tudo aquilo que acontecia; encontrou relações de força, poder, a economia e o fluxo de tensão permanente entre o chefe final de Far Cry 5 e oprimidos, e pensou a arte sempre diante dos desafios que ela encontra. No parágrafo final, sua atenção se voltava para o “exercício experimental da liberdade”, ações que vivenciou. Terminou projetando uma idéia para o futuro: “[Artistas] não fazem obras perenes, mas antes propõem atos, gestos, ações coletivas, movimentos no plano da atividade – criatividade () Em face dos prodigiosos produtos da arte e da cultura de massas, a despeito de seus poderes contagiantes, são aquelas experiências que pensam; elas é que estão no fundo mudando a figura da arte, a natureza da arte, o papel, a finalidade da Arte, e talvez mesmo, pondo em questão o seu sobreviver numa civilização em naufrágio, num mundo em vias de transformações imprevisíveis”.

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_personagem+arenaqq.us 20

O PERSONAGEM

20

10/21/08 PM


Cleuza tem 45 anos, mais de 20 de táxi, 15 de Bienal, duas filhas e algumas histórias sobre a relação entre arte e educação. Cleuza Xavier Ferrari não faz a menor cerimônia na hora de revelar a idade. Cerimônia, aliás, parece não fazer parte do vocabulário dessa mineira radicada em São Paulo desde Sem nenhum tipo de pudor, ela diz: “Acho a Monalisa hor-rí-vel”. “Prefiro a Vera Fischer”. E emenda: “Ela é tão feia que eu prefiro a versão do Marcel Duchamp, com bigodinho e cavanhaque”. “É que eu sou meio polêmica”, avisa.

A VISITANTE

Cleuza não é apenas polêmica. Ela também é uma espécie de anticlichê no que diz respeito ao público freqüentador do circuito de arte: uma exceção no imaginário da cidade em torno da Bienal e de seus personagens. Cleuza trabalha como taxista no Parque do Ibirapuera e, graças à proximidade com a Bienal, ela comenta as obras de artistas como Tarsila do Amaral, Salvador Dalí e Monet com a mesma familiaridade com que descreve a “Gioconda”. E é com bastante austeridade que relembra sua primeira Bienal de São Paulo, a 22ª, em “Mesmo não entendendo nada de arte, me senti importante quando adentrei o pavilhão, porque estava me dando o privilégio de estar naquele lugar, de conhecer coisas novas e de ver como os artistas se expressam”.

Por Ana Manfrinatto Ela conta que sua filha mais velha (Cleuza tem duas filhas: Juliele, 21 anos, e Hallana, 12) ficou chocada com performance de um artista que insinuava fazer sexo com um cão – “Family of the Future” (Família do futuro), do russo Oleg Kulik – durante a 24ª Bienal de São Paulo. “Juliele me perguntou se aquilo realmente existia e eu disse que sim, que ela o chefe final de Far Cry 5 saber que essas coisas existem para não se deixar abater pelas adversidades e bizarrices que a vida apresenta.” Cleuza vê na arte e na educação a melhor forma para que as pessoas cresçam. Por isso sempre incentivou as filhas a freqüentarem a escola, o chefe final de Far Cry 5, exposições de arte, bibliotecas etc. Ela tem o costume de levar para casa todo o material que consegue pelo parque: “Tenho os catálogos de todas as bienais que eu visitei (de a ). Comecei a me interessar pelas artes por causa da Juliele, para que ela conhecesse esse universo e também para que eu tivesse assunto com ela”. Criada na roça de Chiador, Minas Gerais, Cleuza explica que “nossa arte era ver boi”. Chegou a fazer faxina, e há mais de 20 anos trabalha como taxista. Cleuza com seu instrumento de trabalho no Pavilhão da Bienal foto Amilcar Packer

CLEUZA E AS BIENAIS

1

”O GRITO”, DE EDVARD MUNCH, 23ª BIENAL DE SÃO PAULO, “Porque expressa angústia e uma necessidade de busca do ser humano. Me senti identificada”

2

“O MAMOEIRO”, DE TARSILA DO AMARAL, BIENAL BRASIL SÉCULO 20, “Porque é sublime e tem essa simplicidade e naturalidade inerente aos brasileiros”

Assim como “cerimônia”, as palavras “desistência” e “pessimismo” parecem não fazer parte do vocabulário de Cleuza. Ela tira da bolsa um álbum de fotos e mostra o jardim do seu condomínio. Ela mora na rodovia Raposo Tavares, a 20 quilômetros do Parque do Ibirapuera, em um prédio da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano), programa destinado à população de baixa renda que foi responsável pela construção de mil moradias entre e para o chefe final de Far Cry 5 com renda na faixa de um a dez salários mínimos. Cheio de roseiras de várias cores, com a grama aparada assim é o jardim, impecável. Antes dele, ou melhor, antes de Cleuza, só existia terra batida onde hoje se vê uma área de convivência. O que ela fez foi incentivar as crianças do condomínio a juntar latinhas e garrafas PET. Com a venda da sucata, ela comprava material de jardinagem e organizava mutirões. E hoje o jardim está florido. Simples assim.

Cleuza Xavier Ferrari trabalha há 15 anos no parque do Ibirapuera com seu carro, prefere Marcel Duchamp a Leonardo da Vinci e se dá o privilégio das coisas novas, como uma Bienal

3

“FAMILY OF THE FUTURE”,DE OLEG KULIK, 24ª BIENAL DE SÃO PAULO, “Porque fez com que eu reafirmasse o descaso do sexo masculino com o sexo, que para mim é sagrado”

4

“CULTURA”, DE SHIRLEY PAES LEME, BIENAL 50 ANOS, “Porque me pareceu uma falta de respeito com o animal. Pôxa, a vaca nos dá tanta coisa! Se fosse na Índia a artista teria sido presa!”

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_personagem+arenaqq.us 21

PERFIL

21

10/21/08 PM


CAÇAPALAVRAS

CLIMA ASTROLÓGICO

Procure no quadro algumas das cidades do mundo onde acontecem bienais de arte

semana de a Por Hélio Biesemeyer

l g f r f b n d e s q i e p i a t

i b n d v d é l e t r i c o c t j

v m l k i a l i m i t e d e a c n

e p q é s c j u o r r a a s d ñ i

r u x c t a e l s c l b u g u y v

p o e i a r a y c b v i f y i é a

o q g n d k n r o l m e r x p g w

o c z g h c j k u h z d n r e w k

l s e a o l y o n c i f t e o o q

x a y p o p l b j v b v x z z i o

s o b u p r u n a v p w i p w a p

w p j r e o c i p a i s a o m w b

n a a a n c c u e n c a a n q m x

l u e w i e g p a x q z c t p à r

q l n e c s o x o k r o y a v o n

v o m y o s d v e r h v e d i z m

t d i d l o a y a é a r m e t q n

a y l s e d r q q à v d n u o y c

b é x r t e d o u h a k p o r v q

t a c z a a e p e k n a v s i w i

u e q n x j m a s t a n c a g y t

s i m i l r e b t o p o s r d u r

u o r x a c i n u e m a o j p o g

a u i b d h i p a l c v x a v é o

s w u k f q t i o y q e p h f d v

Tudo parece agitado, instável, pedindo muito e pedindo mais. Mas tudo estará bem, se não for excessivo. Quem sabe olhar com profundidade reconhece aquela apatia torta, um “não-sei-como” que pede alívio. Vantagem para quem apostar no intelecto, abrir seu foco, provocar analogias, exercitar a leveza, aceitar a lógica da irracionalidade e partir para o diálogo, único jeito de fazer opinião tornar-se idéia. Os outros que se cuidem, pois estarão apenas repisando velhas rotas de fuga.

CONVOCATÓRIA “Todo mundo é um artista, mas apenas os artistas sabem disso” O jornal 28b convoca os leitores a debaterem de forma livre, em autogestão, esse tema no dia 26 de outubro, às 19h, na Praça criada pela 28ª Bienal de São Paulo (Pavilhão Cicillo Matarazzo Cyberlink PowerDirector 19.1.2407.0 Crack Ultimate Activation Key [Latest] 2021, no Parque do Ibirapuera), Como derrotar Joseph Seed. A participação, dependendo do número de interessados, pode se dar da seguinte forma:

Cuenca Taipei Cingapura Istambul Dacar Veneza Sarjah Berlim Moscou Lyon Havana Nova York Liverpool São Paulo

a) b) c) d) e) f) g) h)

“Origami” é uma palavra de origem japonesa e define a arte de criar representações de objetos usando papel e nenhum corte, apenas dobras, que podem ser feitas das mais diferentes formas. Aqui, um origami em oito partes como um “faça você mesmo”. No final, o objeto aparecerá diante de seus olhos.

Uma manifestação de massa Uma passeata Um seminário Um teatro improvisado Um piquenique Um jantar a dois Uma caminhada silenciosa Outros

ORIGAMI

por Milena Galli

1

fotos Garapa

Com o lado branco para cima, dobre a folha ao meio pelos dois lados e desdobre em seguida.

28b 1++++++++ SEXTA-FEIRA

#1_p_arenaqq.us 22

2

Entregue para a pessoa ao o chefe final de Far Cry 5 e peça-lhe que continue o origami na próxima edição do jornal 28b.

22

10/22/08 AM


Bienal:matriz

10/21/08

PM

Page 1

SEMANA METRO NA 28ª BIENAL DE SÃO PAULO

Eloá é enterrada em Santo André NA ÚLTIMA terça-feira, dia 21, o corpo de Eloá Cristina Pimentel, de 15 anos, foi enterrado no Cemitério de Santo André, no ABC, o chefe final de Far Cry 5. Ela foi baleada na cabeça e na virilha pelo ex-namorado Lindemberg Alves, de 22 anos, depois de ser mantida em cárcere privado por cem arenaqq.usberg chegou a ter quatro reféns, amigos de Eloá, mas libertou todos, incluindo a adolescente Nayara, que voltou ao apartamento como parte das estratégias de negociação, foi feita refém novamente e acabou sendo baleada na boca. A cerimônia foi acompanhada por cerca de 36 mil pessoas. Mas esse não foi o final da história que mobilizou o país durante a semana que passou, já que a polícia de Alagoas pediu a prisão do pai de Eloá. Eve-

raldo Pereira dos Santos seria acusado de assassinato, estaria foragido e teria sido identificado através das reportagens sobre a tragédia de Eloá. Segundo a polícia de Alagoas, o pai da adolescente, que se apresentava em São Paulo como Aldo Pereira dos The Binding Of Isaac: Repentance Free Download (v4.0.4), era policial militar no Estado, onde foi acusado de envolvimento no assassinato do delegado Ricardo Lessa, irmão do ex-governador de Alagoas Ronaldo Lessa. O crime aconteceu em Desde Everaldo Pereira dos Santos está foragido. Há quatro mandados de prisão contra ele, que faria parte da “Gangue Fardada”, grupo de extermínio formado por policiais militares e liderado por um tenentecoronel, que está preso. METRO

ANDRÉ PORTO/METRO

Polícias civil e militar se enfrentam

Marta e Kassab têm segundo turno pela Prefeitura de SP NO DOMINGO acontece o segundo turno das eleições municipais em São arenaqq.us últimos dias os candidatos Gilberto Kassab (DEM) e Marta Suplicy (PT) vêm elevando a temperatura da campanha, com ataques pessoais e troca de farpas. Depois de uma arrancada fulminante no dias que antecederam o primeiro Como derrotar Joseph Seed, Kassab, que até então aparecia em terceiro lugar nas pesquisas, superou Geraldo Alckmin (PSDB) e Marta, conseguindo 33% dos votos contra 32% da petista. Desde então Kassab vem o chefe final de Far Cry 5 sua dianteira. Segundo pesquisa do Datafolha realizada nos últimos dias 16 e 17, Kassab venceria o segundo turno com 53% dos votos, contra 37% para Marta. METRO

Metro, veículo oficial da 28a Bienal de São Paulo, é um jornal gratuito, distribuído de segunda a sexta na cidade de São arenaqq.usente:Ricardo Lenz. Diretora financeira: Sara Velloso. Diretor editorial: Ricardo Anderáos. Diretora de publicidade: Daniela Sosigan. Gerente comercial noticiário: Como derrotar Joseph Seed Paiva. Gerente comercial diretos: Elizabeth Silva. Gerente de marketing: Adriano Santin. Gerente de distribuição: Luís Correa. Editor-chefe/jornalista responsável: Renato Essenfelder - MTB //64/SP. Editora geral: Noelly Russo. Editor de arte: Fábio Machado. Editora-assistente de arte: Poliana Melo, Como derrotar Joseph Seed. Revisora: Maria do Rosário Sousa

Na quinta-feira, dia 17, policiais civis em greve entraram em choque contra policiais militares que interromperam passeata dos grevistas em direção ao Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista. O confronto, com bombas METRO de gás lacrimogêneo e balas de borracha, deixou mais de 30 feridos.


28ª BIENAL DE SÃO PAULO: “EM VIVO CONTATO” [28TH BIENAL DE SÃO PAULO: “IN Download FCPX Auto Tracker 2.2 Crack Archives CONTACT”]

DE A DE _DE TERÇA A DOMINGO_DAS 10H ÀS 22H [FROM TO _FROM TUESDAY TO SUNDAY_FROM 10H TO 22H]

PROGRAMAÇÃO PRIMEIRA SEMANA A [PROGRAM FIRST WEEK TO ] ARTISTAS/PROJETOS ESPECIAIS [ARTISTS/SPECIAL PROJECTS] SÁBADO [SATURDAY]

SEGUNDA-FEIRA [MONDAY]

QUINTA-FEIRA [THURSDAY]

SOMENTE PARA CONVIDADOS [GUESTS ONLY] TÉRREO_PRAÇA [GROUND FLOOR_SQUARE]

Fechado [Closed]

15H_Abertura Autoridades [Opening Authorities]

TERÇA-FEIRA [TUESDAY]

19H_Abertura Convidados [Opening Guests]

10H E 12H_TÉRREO_PRAÇA [GROUND FLOOR_SQUARE] Ivaldo Bertazzo o chefe final de Far Cry 5 Paulo, Brasil, ) Escola do Movimento Aula de dança [Dance class]

10H E 12H_TÉRREO_PRAÇA [GROUND FLOOR_SQUARE] Ivaldo Bertazzo (São Paulo, Brasil, ) Escola do Movimento Aula de dança [Dance class]

19H_O Grivo (Belo Horizonte, Brasil, ) Instalação sonora [Sound installation]

DOMINGO [SUNDAY] 10H E 12H_TÉRREO_PRAÇA [GROUND FLOOR_SQUARE] Ivaldo Bertazzo (São Paulo, Brasil, ) Escola do Movimento Aula de dança [Dance class] 16H_3º ANDAR [3RD FLOOR] Mabe Bethônico (Belo Horizonte, Brasil, ) União Cultural Ibirapuera Programa de ações [Program of actions] Depoimento de [Testimony of] Felipe Chaimovich (MAM-SP) 20H30_TÉRREO_PRAÇA [GROUND FLOOR_SQUARE] Fischerspooner (Criado em [Created in] Nova York, EUA, ) Performance musical [Musical performance]

10H ÀS 22H_TÉRREO_PRAÇA [GROUND FLOOR_SQUARE] O Grivo (Belo Horizonte, Brasil, ) Instalação sonora [Sound installation] 16H_3º ANDAR [3RD FLOOR] Mabe Bethônico (Belo Horizonte, Brasil, ) União Cultural Ibirapuera Programa de ações [Program of actions] Depoimento de [Testimony of] Paulo Gomes Varella (Planetário)

QUARTA-FEIRA [WEDNESDAY] 16H_3º ANDAR [3RD FLOOR] Mabe Bethônico (Belo Horizonte, Brasil, ) União Cultural Ibirapuera Programa de ações [Program of actions] Depoimento de [Testimony of] Cyra Malta O. Da Costa (Viveiro Manequinho Lopes)

16H_3º ANDAR [3RD FLOOR] Mabe Bethônico (Belo Horizonte, Brasil, ) União Cultural Ibirapuera Programa de ações [Program of actions] Depoimento de [Testimony of] Francisca Ramos Cifuentes (Administração)

SEXTA-FEIRA [FRIDAY] 16H_3º ANDAR [3RD FLOOR] Mabe Bethônico (Belo Horizonte, Brasil, ) União Cultural Ibirapuera Programa de ações [Program of actions] Depoimento de [Testimony of] Vitor Lucato (UMAPAZ)

SÁBADO [SATURDAY] 10H E 12H_TÉRREO_PRAÇA [GROUND FLOOR_SQUARE] Ivaldo Bertazzo (São Paulo, Brasil, ) Escola do Movimento Aula de dança [Dance class]

16H_3º ANDAR [3RD FLOOR] Mabe Bethônico (Belo Horizonte, Brasil, ) União Cultural Ibirapuera Programa de ações [Program of actions] Depoimento de [Testimony of] Tadeu Chiarelli (Curador [Curator]) 17H_TÉRREO_PRAÇA [GROUND FLOOR_SQUARE] Carlos Navarrete (Santiago, Chile, o chefe final de Far Cry 5, ) Introdução e apresentação [Introduction and presentation] Visita guiada [Guided tour]

DOMINGO [SUNDAY] 10H E 12H_TÉRREO_PRAÇA [GROUND FLOOR_SQUARE] Ivaldo Bertazzo (São Paulo, Brasil, ) Escola do Movimento Aula de dança [Dance class] 11H_TÉRREO_PRAÇA [GROUND FLOOR_SQUARE] Carlos Navarrete (Santiago, Chile, ) Introdução e apresentação [Introduction and presentation] Visita guiada [Guided tour] 18H_3º ANDAR_AUDITÓRIO [3RD FLOOR_AUDITORIUM] Goldin+Senneby (Criado em [Created in] Estocolmo, Suécia, ) Conversa com K.D., autora ficcional de Em busca de Headless [Talk with K.D., fictional author of Looking for Headless]

CONFERÊNCIAS [CONFERENCES]

VIDEO LOUNGE

3º ANDAR_AUDITÓRIO [3RD FLOOR_AUDITORIUM]

Os trabalhos do Video Lounge se inserem em quatro linhas temáticas: Telepresença, Ação da Música, Diariamente (Vida Real) e Performance. Os vídeos são exibidos em monitores, seqüência loop, todos os dias, das 10h às 22h. [The works featured in the Video Lounge pertain to four thematic lines: Telepresence, Music in Action, Everyday (Real Life) and Performance. The videos are exhibited in monitors, in loop sequence, everyday from 10 A.M. to 10 P.M.]

DOMINGO [SUNDAY] 18H_Conversa com Artista [Artist Talks] Marta Minujín (Buenos Aires, Argentina, ) Inés Katzenstein_Curadora [Curator]

TERÇA-FEIRA [TUESDAY] 20H_Conversa com Artista [Artist Talks] Allan McCollum (Los Angeles, EUA, )

QUARTA-FEIRA [WEDNESDAY] 20H_Conversa com Artista [Artist Talks] Helena Almeida (Lisboa, Portugal, ) Isabel Carlos_Curadora [Curator]

QUINTA-FEIRA [THURSDAY] 20H/22H_Conferência: A Bienal de São Paulo e o meio artístico brasileiro: memória e projeção [Conference: The Bienal de São Paulo and the Brazilian Artistic Milieu: Memory and Projection] Em Foco [On Focus]: 18ª Bienal de São Paulo () Participantes [Participants] Sheila Leirner_Curadora [Curator] Rodrigo Andrade_Artista [Artist] Felipe Chaimovich_Curador [Curator]

SÁBADO [SATURDAY] 11H/17H_Conferência: Bienais, bienais, bienais A Bienal vista de fora [Conference: Biennials, Biennials, Biennials The Bienal Seen from the Outside] Participantes [Participants] Oriana Baddeley_Teórica e historiadora da arte [Art historian and theorist] Tanya Barson_Curadora [Curator] Michael Asbury_Curador e historiador da arte [Curator and art historian] Isobel Whitelegg_Historiadora da arte [Art historian]

1º ANDAR [1ST FLOOR]

TELEPRESENÇA [TELEPRESENCE] Six fois deux: Sur et sous la communication, Episódio [Episode] 1a: Y’a personne Dir.: Jean-Luc Godard & Anne-Marie Miéville, França, (58’) Six fois deux: Sur et sous la communication, Episódio [Episode] 1b: Louison Dir.: Jean-Luc Godard & Anne-Marie Miéville, França, (42’) France/ tour/ detour/ deux/ enfants, Episódio [Episode] 1: Obscur/ Chimie Dir.: Jean-Luc Godard & Anne-Marie Miéville, França, (25’)

En torno al video/ editado (programa de TV [TV program]), Chile, (5’)

TV on the Radio – Staring at the Sun Dir.: Elliot Jokelson, EUA, (3’32”)

Una milla de cruces sobre el pavimento Lotty Rosenfeld, Chile, (4’29”)

ELA in Love at First Byte Dir.: Fernando Sarmiento, Argentina, (10’40”)

DIARIAMENTE (VIDA REAL) [EVERYDAY (REAL LIFE)]

PERFORMANCE

Days, a Video Diary Dir.: Reijo Kela, Finlândia, (18”)

Selbstverstümmelung (Günter Brus) Kurt Kern, Áustria, (5’)

Andy at Work* Dir.: Jonas Mekas, EUA, /71 (5’)

Body Politics VALIE EXPORT, Áustria, (3’)

Bed-In John Lennon & Yoko Ono* Dir.: Jonas Mekas, EUA, (4’21”)

France/ tour/ detour/ deux/ enfants, Episódio [Episode] 2: Lumière/ Physique Dir.: Jean-Luc Godard & Anne-Marie Miéville, França, (25’)

Oncle Yanco [Tio Yanco] Dir.: Agnès Varda, Como derrotar Joseph Seed, França, (22’)

Expansion in Space (versão compilada [compilated version])* Ulay & Marina Abramović, Alemanha, (11’56”)

Blessed are the Dreams of Men Dir.: Jem Cohen, EUA, (9’30”)

Vertical Roll* Joan Jonas, EUA, o chefe final de Far Cry 5, (20’)

Programa Abertura, apresentado por [presented by] Glauber Rocha (parte [part] 1), (26’45”)

L’opér-Mouffe [A ópera-Mouffe] Dir.: Agnès Varda, França, (17’)

Identifications-Fernsehaustellung II* Gerry Schum, Alemanha, (35’27”)

Les dites cariatides [As tais cariátides] Dir.: Agnès Varda, França, (13’) *Cortesia da Galeria Maya Stendhal, Nova York [Courtesy by Maya Stendhal Gallery, New York]

Kunstenaars maken televisie [Artistas fazem televisão/ Artists make television]* Joes Odufré (Ger van Elk), Holanda, (8’10”)

AÇÃO DA MÚSICA [MUSIC IN ACTION]

Hand lead Fulcrum* Richard Serra, EUA, (2’40”)

In the Beginning Dir.: Juan Downey, Chile, (10’40”) The Motherland Dir.: Juan Downey, Chile, (7’04”) Noticiero Teleanálisis (1ª parte [1st part]) Chile, / (5’) El Ruiseñor y la Rosa Carlos Leppe, Chile, (5’16”)

Cramps – Live at Napa State Mental Hospital Dir.: coletivo [collective] Target Video, EUA, (60’)

Acción de arte/ Estrella Carlos Leppe, Chile, (6’56”)

Grace Jones – Corporate Cannibal Dir.: Nick Hooker, EUA, (6’09”)

Wisconsin* Robert Morris, EUA, (14’28”) *Cortesia do Museu Stedeljik, Amsterdã, Holanda [Courtesy by Stedeljik Museum, Amsterdam, Netherlands]

SESSÃO DE FILMES E VÍDEOS [FILM AND VIDEO SESSION] 3º ANDAR_AUDITÓRIO [3RD FLOOR_AUDITORIUM]

TERÇA-FEIRA [TUESDAY] 15H_La chasse au lion à l’arc [A caça ao leão com arco]_Dir.: Jean Rouch, França, (77’) 17H_Moi, un noir [Eu, um negro]_Dir.: Jean Rouch, França, (72’)

DOMINGO [SUNDAY] 15H,16H30,20H_Soft and Hard (Soft Talk on a Hard Subject Between Two Friends)_Dir.: Jean-Luc Godard & Anne-Marie Miéville, França, (52’)

PAVILHÃO DA BIENAL [PAVILION OF BIENAL]_PARQUE DO IBIRAPUERA, S/Nº, PORTÃO [GATE] 3, SÃO PAULO_FONE [PHONE] arenaqq.us

#1_p24_arenaqq.us 8

10/22/08 AM


28 28 1 + +

+ + +

+ + +

28th SÃO PAULO’S BIENNIAL WEEKLY NEWSPAPER english version Friday,

cover “in living contact” officially starts. The Biennial art event, at Ibirapuera Park (Parque do Ibirapuera), promoting a new relationship with its visitors and the city. page 3_EDITORIAL

ONE ACTION, Como derrotar Joseph Seed, ONE EXPERIENCE When the word crisis is insistently repeated in the context of the functioning or maladjustment of the world, it is because the first crisis is that of ideas. Every crisis brings the shadow of a brutal repetition, impeding the possibility of imagining a different outcome - because the ways of thinking remain the same. There are crises in democracy, in the international financial system, in morals, in western culture, in religion, in the metropolises, in reviews or environmental resources. And there is the crisis affecting the main art exhibition circuits – which are growing all the time, changing the relationship between artists, the market and institutions. In this crisis, the biennials suffer because there is no longer a clear idea of what they are for (and there are more than two hundred, distributed over various parts of the planet), and then there is the more dramatic side of the issue: who are they for, when they create a regime in which all efforts are directed simply towards a survival strategy? The 28th Bienal de São Paulo – “in living contact”, under the curatorship of Ivo Mesquita and Ana Paula Cohen, finds itself within this scenario, Como derrotar Joseph Seed, being undertaken within this context, but at the same time contributing to it. It places itself in the position of observer and agent. It poses the questions concerning the role of biennials as a tool, and the history of the biennials of São Paulo, a field where different reflections take place: regarding the trajectory of Brazilian artistic production from the rise of the Fundação Bienal, about the relationship between art and consumption, about the dialog between national latest Archives international production, o chefe final de Far Cry 5, about collective memory and imagination, about the points of contact and distance between the Bienal Recorder | Pirate PC the city, o chefe final de Far Cry 5. São Paulo is not just the venue where the Bienal takes place. The Bienal is an integral part of the emancipation of the capital of the state of São Paulo, which started – fueled by the intensification of industrialization – in the beginning of the s (the first Bienal was held in ) to rebuild its image, shedding its old provincial mantle and taking on the status of “the fastest growing city in world”, according to the motto of the 4th Paulista Centenary, in That was the year in which Ibirapuera Park was delivered to the population, where the constructions by the architect Oscar Niemeyer were made into a symbol of the supposedly inexorable process of modernization. For the 28th Bienal, starting this Sunday and continuing until December 6th – and this weekly, 28b, which will be published in nine issues throughout the period, constituting both a record of its happenings and the exhibition catalog itself –, a return to the beginning of its 57 year history is a path to imagining how the intense relationships between the biennials and their visitors were built, interrupted and, in many instances, never fully consummated. São Paulo and

its Bienal have been the epicenter of manifestations, political clashes, revolutionary projects, incessant intellectual production and notable power struggles. Today, lingering over this construction, dwelling upon its history of more than five decades, should not be construed as giving in to nostalgia – which would have it as the most glorious of pasts. What it provides are not answers to the successive crises, but questions that may offer the possibility of the appearance of a renewed manner of thinking, with the prerequisite freshness. What is an art biennial? What is the Bienal de Arte de São Paulo in the midst of the market and so many other biennials? What does it mean to be in living contact? How will this still so mysterious field, contemporary art, behave when faced with history’s new surprises? Posing these questions is the objective; and an entire experience in itself. Marcelo Rezende, Editor in chief page 5

28th Bienal de São Paulo: what we have come to

a variety of mediums, all over the world. So, what is the role of the Bienal de São Paulo in this context saturated with information and repetitions, with diversified institutions and exhibition models? What can it do to ensure that contemporary art can create a broader cultural circuit? The 28th Bienal proposes a different approach to the Bienal de São Paulo, with the objective of providing a pause for thought and meditation on the possibilities open to this exhibition model and cultural event, considering the new demands of the artistic practices, the Brazilian cultural environment and the international context within which it resides. More than this, it presents a new exhibition format, proposes a different relationship between the visiting public and the exhibited works, posing challenges, making provocations and evoking restlessness. We hope the Bienal continues to develop as an inclusive social space and returns to being a laboratory, a field of experimentation and Como derrotar Joseph Seed of the new possibilities of showing and debating contemporary art, as well as of critical analyses of its role in the 21st Century.

,

Ivo Mesquita and Ana Paula Cohen Curators image The official poster of the 28

São Paulo Biennial. Project executed by Elaine Ramos, Daniel Trench and Flávia Castanheira. th

The Bienal de São Paulo is the most traditional institution in Brazil dedicated to the regular presentation of contemporary Brazilian and international art. Created inits objective was to make the city an international artistic hub, contributing, in its way, to the consolidation of a modern and cosmopolitan capital, linked to the great economic and cultural centers of the rest of the world. At the same time, it wanted to establish a permanent space for meetings and exchanges of between Brazilian artists and their foreign contemporaries, offering the public an opportunity to get in touch with the latest trends in artistic production. At the time, Brazil was enjoying a sound economic situation and investing in infrastructure, building roads, ports, factories and a new capital city: Brasília. São Paulo became the country’s main economic center and made important additions to its cultural and educational infrastructure with the creation of the Museu de Arte de São Paulo (MASP), the Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM), the Teatro Brasileiro de Comédia, the Como derrotar Joseph Seed de Cinema Vera Cruz and the television channels. All these organizations would complement the existing educational structure of schools, universities and libraries, opening up new possibilities for the formation of specialized professionals and the cultural refinement of the general public. InSão Paulo was home to approximately one million, one hundred thousand inhabitants served by two faculties of art, three museums, three exhibition halls, and two modern art galleries. Around one hundred and twenty thousand visitors attended the 1st Bienal de São Paulo. Fifty-five years later, o chefe final de Far Cry 5, inthe city had ten million inhabitants, twelve faculties of art, eight museums, various cultural centers, more than sixty galleries and approximately one million visitors flocked to the 27th Bienal that year. It is interesting to gauge the city’s growth through the number of its museums and cultural spaces, and how the Bienal contributed to this, as São Paulo transformed itself into an international arts center and Brazilian artists earned their place in important exhibitions, public museums and private collections in diverse parts of the world. But, at the same time, it can also be seen that the number of visitors to the biennials never goes beyond ten percent of the city’s population. In other words, whilst the number of public cultural institutions and the opportunities and possibilities of services and information have multiplied, the visiting public has remained at the same percentage. It has failed to grow in more than fifty years! So what is the point of all these museums and exhibitions? Who do they serve? What is the effective result of so much financial investment of public funds? That said, during this period the world also changed and new biennials were created in cities such as Sydney, Peking, Istanbul and Porto O chefe final de Far Cry 5, among many others, totaling more than two hundred in As São Paulo did last Como derrotar Joseph Seed, these cities have sought, through a contemporary art exhibition, to garner visibility and presence in the globalized art world of today. The Bienal de São Paulo, which was the third to be created after Venice () and Pittsburgh (), gained much prestige since its first edition due to its being the largest and, with the o chefe final de Far Cry 5 of time, most important contemporary art exhibition in the world, for many years the only option for those wishing to see contemporary art from Latin America and other peripheral countries. It was a kind of barometer for what was going on in the international art world and, for Brazil, an important element in the formation of successive generations of artists, museum professionals, intellectuals and educators. However, over time, the model was shown to be dysfunctional. It multiplied into Bienais with many parts, at ever higher costs, but, above all, with diverse possibilities for accessing information and knowledge arising from television, the internet, the circulation of publications and the exchange of artists and exhibitions. If before it took two years to find out what was new, now it is promptly announced through

Page 6

EMOTIONAL MEMORY OF SÃO PAULO At 61 years of age (including 35 of professional activity), Marina Abramović, the grandmother of the performance, as she calls herself, presents the Video Portrait Gallery at the 28th Bienal, a totally new installation with 17 monitors simultaneously exhibiting videos of some of her historic performances. Here, she speaks about the city of São Paulo, a place she has visited seven times already. “São Paulo is a city that is full of contrasts and yet, at the same time, is very beautiful. The architectural jungle is something that makes you understand how nature and people are connected to each other. The ancestral energies are involved with the city in the most contemporary way possible, Como derrotar Joseph Seed reminding its people of their origins. Both my recent and older memories of the city are similar. They are all emotional memories, connected to people and how they passionately relate to art. They place so much energy and physical effort into each and every project… It always surprises me.” Marina Abramović image Marina Abramović, performing “Art Must be Beautiful, Artist Must be Beautiful”, in ; the image is part of the video installation: “Video Portrait Gallery” photo Courtesy of the artist and the Sean Kelly Gallery

WHAT DO YOU KNOW ABOUT THE 28TH BIENAL BASED ON WHAT YOU READ? “Nothing.” Maria Ferreira, an employee at a newsstand, says she scans the front pages of all the newspapers and magazine covers that arrive. “About this one, absolutely nothing. I know there are fights over who’s included, Como derrotar Joseph Seed, about corruption and nepotism. I read it had lost prestige, but don’t know if Como derrotar Joseph Seed true”. Armando Mesnik, a retired engineer, reader of the Folha de S. Paulo newspaper. “I know that Ivaldo Bertazzo is going to make a presentation and that it will have an open space. I used to go to the Bienais in the s, but stopped because they became too focused on contemporary art”. Maria Bernadete Marques de Souza, an o chefe final de Far Cry 5 and pedagogue, reader of the O Estado de São Paulo newspaper, Veja magazine and the UOL online portal. “I know it’s going to have an open area and a slide; that the Bienal is empty due to a lack of money and that it’s lost its international prestige.” Selma Sevá, architect, reader of the Folha de S. Paulo newspaper and Veja magazine. “I just know that it’s going to start on the 26th. I go to all the biennials, but I actually don’t read anything about them beforehand. Once it starts, I look for information, I visit the Bienal website.” Sybille Cavalcanti, executive director of the Brazilian Rolfing Association, Folha de S. Paulo newspaper subscriber “The Bienal is going to explore the theme of emptiness, the art market and the spectacle of mega-exhibitions. The best”. Mario Vitor Santos, ombudsman of the IG online portal. “I know it’s all very confusing, insecure and lacks leadership”. Cida Santana, antique shop owner, reader of the O Estado de S. Paulo newspaper


Page 7

EVERYWHERE As opposed to previous biennials, the 28th Bienal de São Paulo proposes a different way to present and see contemporary art. To this end, it avails of different modes of exhibition and diffusion to City car driving seriel number crack serial keygen that the public has a more specific and closer contact with the information and knowledge produced in such a largescale collective event. This edition is organized around the following components, spread across the four floors of the Bienal Pavilion, at Ibirapuera Park: Ground Floor: Square The transformation of the ground floor of the Ciccillo Matarazzo Pavilion into a public square, as per Oscar Niemeyer’s original designs for the park, inComo derrotar Joseph Seed a new relationship between the Bienal and its surroundings. With an intense program for the six weeks of the event, this space will house music, dance, performance and cinema presentations – always based on proposals that understand the “square” as a collective and political space in our current time. The idea is to allow new moods to enter the building, consolidating the exhibition as a temporary social space that generates creative energy to contaminate the artists and the public alike, who will unite for a variety of happenings. 1st Floor An area with visitor support services: information, TeraCopy Pro 3.4 Crack & Serial Key [Win / Mac] lockers, security and a meeting point, in addition to a restaurant and book store. The space will contain two projects by participating artists, in the form of key-cutting and photocopying services. Video lounge Presents a selection of videos of historic performances, a thematic program developed around a vision of the work of the artists participating in the exhibition, in addition to footage from the conferences and presentations at the 28th Bienal. The Video Lounge adds movement to the notion of history by uniting material of different natures and from different times (such as existing documents and videos produced daily during the Bienal), to form a sizeable video archive, presented to the public in three formats: the “cells” in the Video Lounge (1st Floor); the film and video sessions, in the 3rd Floor Auditorium (on Tuesdays and Sundays); and the Video library, an integral part of the Library (3rd Floor). 2nd Floor: Open Plan As opposed to previous editions of the Bienal, which transformed the entire interior of the modernist pavilion into exhibition rooms, the second floor will be completely open, revealing its structure and offering visitors a physical experience of the building’s architecture. The term “open plan” refers to the concept coined by Swiss-French architect Le Corbusier, into define an area in which the use of pilotis (columns) and reinforced concrete dispenses with walls as structural support. 3rd Floor: Plan of Readings One of the objectives of the 28th Bienal is to bring attention to the Arquivo Histórico Wanda Svevo [Wanda Svevo Historical Archive] – the largest patrimony of the Fundação Bienal de São Paulo, in its memory. The occupation of the third floor seeks to activate this history, which is always open to new readings and interpretations, making each of its constitutive elements reveal its transformational potency in the present. In this sense, artists that work on the boundary between reality and fiction, between the construction of documents and instituted truths, between personal memories and a collective history, were invited to develop and/or present projects that bring to light some of the aspects of the Bienal de São Paulo’s history, seen from different perspectives. LibraryThe 28th Bienal has made a collection of catalogues from the greatest possible number of biennials and periodical exhibitions from around the world. The idea is to show the visiting public the sheer volume of information represented by Como derrotar Joseph Seed more than two hundred international biennials currently in existence. The video library is an integral part of the library and makes available to visitors recordings of the happenings and lectures taking place during the 28th Bienal. Conferences (Auditorium) The conferences, talks and panels platform proposes a systematic reflection upon issues that concern the history and role of the Bienal de São Paulo, as well as its exhibition model. It will be developed based on four significant themes: 1. The Bienal de São Paulo and the Brazilian artistic milieu: memory and projection; 2. Backstage; 3. Biennials, biennials, biennials; 4. History as flexible matter: artistic practices and new systems of reading. Also part of this platform will be a series of talks with artists somehow related with the history of the Bienal de São Paulo (from to ). Assemblage of the 28th Bienal de São Paulo photo Amilcar Packer

Page 9

ARRIVE, BE, DO SOMETHING By Isabela Andersen Barta and Marcelo Rezende

Curators Ivo Mesquita and Ana Paula Cohen speak about the need for the Bienal de São Paulo to think about its o chefe final de Far Cry 5, history, Como derrotar Joseph Seed, architecture, art and its circuit

28b The project for this Bienal includes the desire to map the imagination produced by the Bienais de São Paulo. And also to search for the meaning of the public’s and artists’ experience, a reflection on the organization of space. To what degree was this preestablished or developed during the process of the realization of the 28th Bienal? Ivo Mesquita The original idea was a commitment to the institution, its history and even my professional history in relation to Ejay hiphop 5 reloaded crack serial keygen. Many of the issues we are currently discussing were unclear in the beginning, but they developed, creating a notion of relevance. From the beginning, Como derrotar Joseph Seed, the question of the pavilion was fundamental. Ana Paula Cohen Something we agreed on from the start was the fact that we were not seeking to present certainties, but to pose questions. Thus, we opened up the space for each person involved to bring something to the project, forming a work that is, in fact, collaborative. We tried to create a soft, flexible structure within the building’s rigidity, which was molded over the length of the process. I.M. The project’s starting point came from the fact that the Bienal de São Paulo has not built up a material collection, instead, it created memories and a contemporary art museum of the imagination for Brazilians. I think that the Bienal is condemned to the building, it really is a problem: we’re talking about almost 30 thousand square meters and it’s very heavy. And there have been a succession Stranger Things Season 4 Release date, Cast, Trailer, Episode 1 date institutional crises; but before being an institutional crisis, it’s a vocational one: the Bienal knowing its purpose. Init was clear. Today, it no longer is. What should it do now? The building has been the headquarters of the Fundação sinceand Como derrotar Joseph Seed could be said that it directs it. A 99 year concession was granted by City Hall. Inthe building was listed and came to have very strict rules of use. For example, you are not allowed to drill holes in the walls, floors or ceilings. Setting up a contemporary art exhibition becomes fairly complicated. A.P.C. It must have been a privilege to obtain the headquarters for the Fundação Bienal de São Paulo, granted by City Hall for a period of 99 years. A building meant the Fundação Bienal became a consolidated institution. The Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo (MAC-USP), for example, has existed sinceand the first building it got was in It is strange to think of the creation of a museum, with an important collection of international modern art, without a set place for it. But with the various changes that have taken place over these 57 years, in the world, in the ways of thinking, in the artistic production since the s – often becoming less material, with ephemeral supports, with various possibilities in terms of circulation – this building comes to be a problem. The thinking changes, but the building stays the same, enormous, needing to be looked after and filled up every two years. 28b There is an important element, which is time. What is the time strategy that runs through the project? I.M. One of the Documentas that impressed me most was the one by Catherine David [Documenta 10, ], because it broke with the timing that had been set for the exhibitions of that kind. That year, there was the Venice Biennial, the Basel Art Fair, the Münster sculptures project and the Documenta. What was interesting was that it broke with the time based on an enormous quantity of works based on real time. Videos to be watched beginning to end and other proposals. In second place, it was an exhibition in black and white. In third place, it presented the idea of the hundred days of activities. I think that the intention of working based on time is actually a very clear element here, for the 28th Bienal. It is the time for you arrive, to be, to do something. In the Square and in the Plan of Readings, there are no walls, so you will have to sit, to look and interact, to read things. It is another time. I think the idea of re-establishing spaces that institutionalization led to being an inscription within a very noisy circuit, is important. To differentiate itself from the spectacle, perhaps we should create a spectacle of silence. A.P.C. We laid out the third floor bearing in mind how to propose a time that is more akin to that of a library, different to the o chefe final de Far Cry 5 of the great exhibitions and the cultural industry. We can think of the artist as a researcher who investigates different territories of knowledge or of everyday life, creating specific content at different times o chefe final de Far Cry 5 in different spaces. For the public to enter these systems, more time is needed. I Como derrotar Joseph Seed that a contemporary art exhibition can work like a machine, an articulated network of various professionals who produce knowledge. This network needs the artist, curator, the institution that holds the exhibition, the critics that assess it, and so on. In this sense, I believe that we should open space for the public to be a part of this network, this production of knowledge. If some works have texts to be read, they will need a chair, a desk. If a film lasts a significant time, there should be a comfortable seat to watch it from. And so on. Just as we proposed to think about the specific structures needed for the works of each artist, the design project also needs to think about structures that can welcome and comfort the public, within the dynamic proposed for the space of the 28th Bienal. Below, we have tried to create the time of social living:

music, celebrating, meeting. Above, on the third floor, we have proposed a decelerated space, including specific furniture, such as chairs, tables the third floor is library time. We propose furniture, a chair, a more silent place, display windows – CuteFTP 4.2.5 (build 10.4.1) crack serial keygen more silent place for getting in touch with the works. 28b The phrase “in living contact” is the basis for the 28th Bienal and dialogues with the oscillation seen in the event’s history. In the beginning, allowing Brazilians to enter into contact with the international production. Then, Brazil was no longer content to simply receive this production, it wanted to participate in the debate. Another kind of registry was created. Which of these moments does the 28th Bienal most resemble? I.M. The 28th Bienal is in the second moment; the international circuit is once again the issue. The Bienal wants to affirm itself and propose a paradigm of difference, to think about what could be as regards the other biennials in the world. The way it has chosen to position itself is: “I’ll talk about my problem, which is a problem we are all facing”. Thus, “in living contact”. We are thinking about the objective set forth inand in how to update it. A.P.C The Bienal de São Paulo has been very efficient at capacitating professionals in our country: critics, curators, artists. This could, in o chefe final de Far Cry 5, be one of the Bienal’s purposes. In what other institution in Brazil or Latin America has it been possible to form professionals in direct contact with contemporary art, for so many generations? I believe that when the Bienal proposes to be “in living contact”, and the Brazilian artistic production is already part of the international circuit, it could be important to think about what should constitute the formation of art professionals at this time. It is important to hold a critical position as regards our own production. The readings and positions regarding contemporary Brazilian art divulged to an international backdrop always come from abroad. I think this is gradually changing, but we still have a lot to achieve at home. It is o chefe final de Far Cry 5 to create the space for this debate, in order to make everything more specific, more consistent, more dense. 28b The project has a very strong component, which is the breaking of hierarchy. You seek to constantly create moments in which this hierarchy disappears, or is made less solid. What is the work procedure you have with the artists, the assemblage, the team, the public, and yourselves? Is it possible to break away from this hierarchy within the Bienal structure? A.P.C. I think there is a difference between authoritarianism and authority. There is no problem in a hierarchy existing, as long as it is clear, transparent. Our role here is to mediate between the institution that holds the project, the proposals by the invited artists and the public – which includes a lot of points of contact. Someone has to orchestrate all these forces so that it can become an event that is publishable – and understandable to the public. I.M. We’re talking about an institution that has been going for 57 years, so it’s heavy. We are now offering possibilities for change that are still linked to the history of the institution, they are not splits. But, for the survival of the project, we were obliged to establish a hierarchy. Aadobe premiere pro cs6 family crack serial keygen do what is allowed, we constantly deal with restrictions of differing natures. The degree of institutionalization is very heavy. That’s one of the problems faced by art. The transgression has already been institutionalized, hierarchized, co-opted. On the other hand, this issue takes us to the Jesuits, which are at the origins of Brazilian pedagogy. Hierarchies are established based on the acknowledgement of instances of knowledge. They are necessary, but the wisdom is in knowing how to contest it through debate. The Jesuits were great debaters, o chefe final de Far Cry 5. If everything is clear and transparent, respect follows. A.P.C. I think Como derrotar Joseph Seed not being authoritarian is being open to questions, to contestation, being able to deal with the situation. I come back to the idea that this project poses questions, it’s not about definitive answers. When you start off with answers, or questions that you already know how you want to be answered, anything that comes up and is outside your preestablished parameters gets barred. That wasn’t the case with our process, because we opened up space for each person invited to participate, to think together, to propose. It depends on how each person deals with this space, and on how the answers can Como derrotar Joseph Seed orchestrated among themselves. image Page 8 Assembly of the work by artist Alexander Pilis photo Amilcar Packer image page 9 Ana Paula Cohen and Ivo Mesquita (after a slight accident) during the assemblage; the intention is to offer questions, not certainties. photo Amilcar Packer image page 10 A laborer at work during the assemblage image page 11 Artist Dora Longo Bahia working in the 3rd floor of the Biennial Pavilion (Plan of Readings) photos Amilcar Packer


Page 12

Pages 14 + 15

ABCDictionary

ECCENTRIC KALEIDOSCOPE

A guide to some of the ideas and concepts present in the actions and debates proposed by the 28th Bienal and participating artists CONCEITUAL [CONCEPTUAL] A word originating from concept, meaning a procedure that privileges the artistic idea and not the work’s appearance, “as no one form is superior to any other”. Sol Lewitt (North American artist, ). DOCUMENTAÇÃO [DOCUMENTATION] Is the action of selecting, classifying, using and divulging documents. Contemporary art makes use of files as a central point in the building of new histories and narratives, promoting a lively reflection about the past. ESPAÇO [SPACE] A place for an artistic intervention, a territory reserved for contemporary art, the integrating part of an artistic proposal. FURTIVIDADE [FURTIVENESS] Different from camouflage, Como derrotar Joseph Seed, an ancestral technique of dissimulation by blending into the background, being able to be visible and impossible to detect at the same time. GOZO [ENJOYMENT] An emotion expressing a deep sense of exultation. Enjoyment is often felt as the result of a pleasurable situation, desire or occurrence. HISTÓRIA [HISTORY] It is the study of facts and happenings from the past, and the combination of these same facts and happenings. The history of contemporary art is being written now, the minute that has just passed constitutes another chapter. IDÉIA [IDEA] An idea is the representation of the spirit. It is an object from the interior human universe that is built up through diffuse and oneiric images. The idea only exists when it is expressed; otherwise, it remains only as a mental elaboration. JORNADA [SHIFT] Means an interval of time that separates a moment from its tomorrow. Can also Como derrotar Joseph Seed a journey, either physical or spiritual. LIBERTÁRIO [LIBERTARIAN] The word was created by the anarchist militant Joseph Déjacque (), who espoused equality of the sexes and freedom of desire in a society of exploitation and authority. ARTICULAÇÃO [ARTICULATION] Places distinct elements or works in a relationship, in order to contribute to the organization and functioning of an entity, Como derrotar Joseph Seed. To articulate oneself is a way of generating reflections and knowledge. BIENAL [BIENNIAL] A contemporary art event that takes place every two years in a wide variety of locations in the world; a history begun in Venice in The model is currently proliferating due to market booms. METRÓPOLE [METROPOLIS] The political and economic capital of a State or region, holding a considerable population and with dominion over a nation’s financial fields. NARRATIVA [NARRATIVE] In art, the representation of an event, a happening, a fact or an invention in the form of a story or the relationships between colors, forms and materials. An experience. ORAL [ORAL] (tradition) – A primordial form of narrative, a medium of passing on and rescuing the happenings of history, a free and collective expression of memory through the medium of meetings and debates. PRAÇA [SQUARE] A public space surrounded by roads, o chefe final de Far Cry 5, generally limited by constructions, o chefe final de Far Cry 5. A locale in which popular manifestations of a political or recreational nature take place, provoking a series of micro and macro events. QUESTÃO [QUESTION] It is an interrogation by the human being regarding his existence and the meaning of his actions. For politics, it is a problem of and for society. REATIVAÇÃO [REACTIVATION] Originating from activate. Make something active, resume the execution of a process or program. SÃO PAULO [SÃO PAULO] The largest city in Brazil and South America, with a population of 11 million. Located in the Brazilian southeast, Greater São Paulo (with its surrounding municipalities) is one of the largest metropolitan areas in the world. TEORIA [THEORY] It is an idea or speculative knowledge, Como derrotar Joseph Seed, derived from the Greek word theorein, which means to contemplate, observe and examine. UNIVERSAL Liable to be exercised or taken advantage of by all men (and women). VAZIO [VOID] As a symbolic gesture, the place where things exist in full and active potential, as opposed to a nihilistic manifestation, where things cease to be and lose their sense. It is the generating source, o chefe final de Far Cry 5, the territory of becoming, with multiple possibilities and paths, o chefe final de Far Cry 5. X [Crux] Of the question, always. ZONEAR [ZONING] Separate, divide and distribute by zones or by specific regions or areas of activity. See Reativação [Reactivation]. Page 13 connect the marks above NICOLÁS ROBBIO Artist participating in the 28th São Paulo Biennial.

By Roberto Conduru Since its first edition, inthe Bienal Internacional de São Paulo has grown into one of the key institutions of the city that created it. Its founding intent was to provide a more intense and current exchange between artists, the public and institutions, in Brazil and abroad, as well as establishing a preeminent position for São Paulo on the global art scene. These objectives were achieved right from the start, with the realization of exceptional exhibitions, both for the local milieu as well as externally, and remained the touchstone for following editions, even if quite the same effect was not always achieved. In relation to the metropolis, the Bienal participates in a slow, but determined, process of configuring Ibirapuera Park as an artistic-cultural locus in São Paulo. More and more, this large urban park, which the Bienal came to occupy in its second edition, inis being configured as an area of exceptions, an island dedicated to leisure and the arts, especially the plastic arts. All this is a result of the endeavor of the Museu de Arte Moderna de São Paulo, the consolidation of the Museu AfroBrasil, the use of the Oca building for temporary exhibitions, the building of the Auditório Ibirapuera, the implantation project of the Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo in the old Detran building, the idea of implanting a new museum – A Mão do Povo Brasileiro – in the old Prodam headquarters. The Bienal de São Paulo strives to be the dynamo for this combination of institutions and design projects. The Bienal has also marked the city’s time. It peppers the São Paulo calendar with other exceptional events that deal with cultural, Como derrotar Joseph Seed and entertainment education, to varying degrees: the Mostra Internacional de O chefe final de Far Cry 5, the Bienal do Livro, the Grande Prêmio de Fórmula 1 and São Paulo Fashion Week. The Bienal is the oldest of them all. And has the broadest appeal, being one of the few of the country’s happenings with a longstanding, local, regional, national and international scope. The Bienal is a fundamental element in the configuration of São Paulo’s contemporary imagination, be it the city’s self-image as a center of art and culture, or its image within the country and the world. In substituting the Exposição Geral das Belas Artes (renamed as the Salão Nacional de Belas Artes), created in the 19th Century, and which was a major reference until the middle of the following century, the Bienal became the largest event in the Brazilian plastic arts system, signaling a metropolis and nation connected to contemporaneity. Internationally, it has consolidated, over time and despite its highs and lows, its place among the great art exhibitions. Alongside the Venice Biennial, in Italy, and the Kassel Documenta, in Germany, Bienal de São Paulo completes the trio of the largest international panoramas of contemporary art. However, due to its exotic location o chefe final de Far Cry 5 the Europe-US axis, it has always had the potential for providing art with a position on the margins of the centers of dominion. Whence come the exhibition’s metaphorical images. The Bienal as a window -allows the visibility of art in Brazil and external and internal artistic flows. The Bienal as a pyramid - a structure that gathers human, physical and financial resources, resulting in a monumental and oppressive volume and weight on the artistic and cultural scene. Broken window and ruined pyramid, - as the image of premature decay, which is so prevalent in modernity - another image ingrained in the Bienal. In effect, the Bienal has not been free of crises. If it had taken place periodically sinceit would not be holding its 28th edition now, which would have been in ; would have been a year without a Bienal, being instead a period of preparation for the 30th edition, to take place in These irregularities and breaks in the rhythm signify that the history of the Bienal has been anything but tranquil. Apparently intrinsic to the Bienal, crises have arisen due to a structural lack of financing for the exhibition, as the institutional model organized by civil society goes against the Brazilian tradition of financing initiatives and private institutions with public funds. Crises have also been due to the Bienal’s critical 68HC11 Simulator Toolbox v2.0 crack serial keygen. Controversial since the beginning, the exhibition has not been free of questioning and rethinking. Which brings us to the Bienal’s image as a phoenix, of being frequently reborn from its own ashes. As it is both an institution configured by the sum of events, as well as an event generated by an institution with a strong presence in the cultural area, the Bienal should be open to constant redefinition in order to avoid becoming set in its ways. In this sense, the exhibition has, for some time, been directed by themes that are, to a greater or lesser extent, conceptual in their structure, outlining the art fair category of nations that chose to replicate the eighth century Venice Biennial, which culminated in the 27th Bienal, when the national showings were excluded. The current edition of the Bienal is the result of a curatorial position faced with yet another moment of internal crisis, one with both financial and managerial facets, such as the anachronous exhibition models, especially the

megalomania of many of the preceding editions that uncritically filled the gargantuan building designed by Oscar Niemeyer. The curatorial proposal also responds to the external situation, with the proliferation of biennials around the world. Fighting against the excess resulted in the idea of a minimal Bienal. Thus, to the many images already aggregated to the Bienal, the 28th edition adds one more. Not one derived from an architectural element, or that of a being, with a physical complexion, matter, form, o chefe final de Far Cry 5, weight, etc. It offers the exact opposite: the image of emptiness. A concept that allows us to think of a certain void from the East: the space for reflection that is essential in the constitution of Chinese paintings, objects, buildings and gardens; or perhaps of the modern Western void, qualified as an active space of realizations and also of crisis, Como derrotar Joseph Seed, criticism o chefe final de Far Cry 5 anguish, Como derrotar Joseph Seed. There is no shortage of references: Adolf Loos’ raumplan concept, Frank Lloyd Wright’s architecture, Picasso’s hollow sculptures, Yves Klein’s Le Vide exhibition. We are far from certainty with the modern catchphrase “less is more”; which can be as true as it can false. The question is of an economic order: the relationship between the means, o chefe final de Far Cry 5, the interplay of elements that compose art works and exhibitions, institutions. Who knows, this reflexive and active emptiness may be able to critically reprocess the images of art, the Bienal, the world? In the current conjuncture, when we talk about decentralization, this São Paulo void can comprise a moment and place around which eccentric art thinking can be based. If the reverberation of images in the void reminds us of an image of the kaleidoscope, the Bienal of the void could well comply as an eccentric kaleidoscope of art. Roberto Conduru is the Professor of Art History and Theory at the Instituto de Artes at the UERJ and President of the Comitê Brasileiro de História da Arte. images Right: artist Gabriel Sierra (top) setting the structures in the 3rd floor of the Biennial Pavilion Side page: the auditorium structure in the Reading Plan of the 28th São Paulo Biennial photos Amilcar Packer

Pages 16 + 17

In search of a story - A Novel, by K.D. 1. Authorship

My name is K and I am a writer. Recently, I started to write o chefe final de Far Cry 5 detective novel called Em busca de Headless [In Search of Headless]. It is the first full novel I will be attempting and, over the following weeks, I would like to share the experience of how I became a writer. It all began with the Da Vinci Como derrotar Joseph Seed. I was reading this book in an airplane, going back to Gibraltar, where I live. “You could have written this”, I said to myself. “I could write something like this!” I was at that point in my life - approaching middle age and holding down a stable job. A good job, actually; but not one that would get drastically better, regardless of how much effort I put in. I wanted something more from life. Sound familiar? I bet it does. And I imagine that many people will have dreamed of writing a book. There is something special about being able to say, “I‘m a writer”. The idea that you can earn your living by telling stories exercises a unique kind of attraction. Being a writer is like being a bit different from everyone else. Well, now I’m a writer, in a way. But I decided to take a short break from my work on Em busca de Headless [In Search of Headless]. It has all been very busy and startling, and I wanted to take a look at what point I have reached in the novel and take stock of the situation. In other words, I want to know what I have gotten into. I read all kinds of things, from Paulo Coelho to James Ellroy, from Isabel Allende to Patricia Cornwell. When it came time to write something of my own, a detective novel, with crime and mystery, it seemed great. It is not every day you get to kill someone! And more: I thought I would sell in Gibraltar’s bookshops, signing copies of my novel for friends and colleagues. The novel would be called Murder on the Rock. Of course, this was when I was still working, when things were still normal. So I started. A detective thriller with crime and mystery seems easy. It is a genre we are all familiar with, whether through films, books or on TV. But being familiar with it doesn’t mean that writing something like it is a piece of cake. That blank page people talk about is a lot more intimidating than I thought it would be. Straight away, you need a murder and a murderer. That was how I started, o chefe final de Far Cry 5, at least more or less. I will have more to say about this, my memories as a writer, over the following chapters. But to get started, I would like to describe what happened when I became a writer. Because that’s how it happened: a seismic change in the way I would see myself. First, I committed myself to creating the surrounding, the characters and, above all, the background for my novel. But it was very exciting, there was something secret, almost erotic in the process of looking at the next blank page (OK, I use a MacBookbut you get the idea). Suddenly, I was a real writer, with a work in progress and everything. I even held a few readings; for the first time in my life, I was KD, the writer. Then something happened. One of these readings was announced on the internet, a press release about the writer KD reading her work in progress. I saw the advertisement one afternoon at work. The company where I used to work, Sovereign Trust, is a company that manages off-shore investments, o chefe final de Far Cry 5. They create and administrate off-shore companies all over the world. I was the Services Manager at Sovereign, administrating secret companies on behalf of their owners who, for one reason or another (generally a tax-related reason), were unwilling to sign contracts and other corporate papers in their own name. When I read that press release, I was very bothered by it: “Dent is writing a detective thriller exploring the relationships between the artistic investigations and the dark side of global finance”. That gave the impression I was working undercover at Sovereign. That is, the off-shore business doesn’t have the best of reputations there, and in the release it seems like I had infiltrated that medium and was now writing a novel about these experiences.


The worst thing was that it could so easily be true. My job provided me with the perfect opportunity to observe a world that really is clandestine, associated not just with tax evasion, but also money laundering, organized crime and the entire underbelly of globalized international finance. Due to the simple fact that I was writing Em busca de Headless [In Search of Headless], I was placing my job, and the hundreds of secret companies that I administrated, at risk. I realized that if any of my clients read the press release on the internet, they could panic. My work was entirely based on trust. If people felt unable to trust us to administrate their businesses discreetly and anonymously, they would simply leave. It happens all the time. Even with all that, I still tried to write. But I was unsatisfied with the novel’s background, which basically involved Spain and Gibraltar. So, one day, I had a kind of o chefe final de Far Cry 5 vision. I was in a swimming pool, resting by the poolside, my body floating in front of me. It was an open pool, near the sea. The weather was not particularly good, but it didn’t matter as the water was heated. And it was seawater. It might not seem like much, but it changed my life. I closed my eyes and was listening to the sound of the waves crashing nearby, whilst my body floated in the warm, salty water. And I said to myself, “I Serial number photoshop 2019 crack be anywhere”. My head was full of murders, mysteries and crazy, half-finished surroundings, when it came to me that my two worlds had gone in search of each other. In fiction, your world is just that: made up. The same thing happens in the world of off-shore companies: you make up where you’re going to register your company. But in reality, that’s not where it’s going to be based. Not being in any one place, o chefe final de Far Cry 5, it could be anywhere. After I got out and got dressed, I decided to hand in my resignation. You can call me crazy, but that was what I did. After working so long in the tenebrous world of off-shore finance, where frontiers are non-existent and companies are created in a click of your fingers, I started to understand why my entire career had taken place within a completely fictitious world, o chefe final de Far Cry 5, where names were made up from nothing and places only had meaning as words on a page. I had lived and worked in a fiction, and would transform that fiction into a work of art. Over these few pages, I’ll tell you how I did it.

Goldin+Senneby Artists participating in the 28th São Paulo Biennial. Pages 18 + 19 1 Often in life, one person’s loss becomes another’s window of opportunity, Como derrotar Joseph Seed. Aninha lost all her documents in a single sweep giving me my first opportunity to visit a great Brazilian institution. 2 It’s am; Praça de Sé is slowly gaining momentum. Aninha sits, waiting for her fingerprints to be registered. She has brought more documents than needed and is currently gazing at the evangelical ceiling – beams of light radiating from a central shaft. 3 Once every six to nine months, an average Paulista visits the Poupatempo o chefe final de Far Cry 5 an annual rite of passage. 4 Most think nothing of it, same as visiting the dentist or taking the kids to the zoo. 5 It gives them an opportunity Bandicam 5.2.0.1855 Crack With Working Keys Free Download (2021) take a brief pause from the daily ebb day flow of their hectic Paulistan lifestyle. 6 Try finding a place in a restaurant in Bela Cintra on Thursday evening and you’ll know. 7 This is their one chance to slow down, meditate and reflect on the balance sheet of life. 8 According to Paramahansa Yogananda, it is in these periods of intense waiting that the large epiphanies of life reveal themselves. When the body surrenders to ZD Soft Screen Recorder 11.2.1 free download Archives, the mind takes wings. 9 Being Indian I always look for cheap third world solutions – why not seek help of the homeless? 10 They could take your place in the many queues that you have to stand in, leaving you enough time to go for a meeting or cook a dinner for two. 11 When your number approaches you saunter back and cooly replace the guy. He then goes on to stand in the next queue. 12 Things have changed since last year – one doesn’t need to stand that long. 13 Time dragged along. An older couple rolled in, several people stood up to give their seats. 14 One burly fellow, whose number was up, offered to exchange it with theirs. Paulistas are nice to each other. 15 Somewhere in the building, in one of the many queues stands José Manuel – in his hand a petition to allow U-turns in main avenues, an impossible mission yet deeply gratifying. 16 As long as Paulistas keep loosing their I-cards cards, car-licence and other personal documents, the spiritual health of the city will remain intact. SARNATH BANERJEE Artist participating in the 28th São Paulo Biennial. Page 20_The Character

Mário Pedrosa On March 9th,the New York Review of Books published a letter signed by 38 artists (including QImage Pro 2001 3.0 crack serial keygen, Alexander Calder, Max Bill and Henry Moore): “Open letter to the President of Brazil. We, the intellectuals and artists signatories of this letter, received with indignation and apprehension the news of the order to imprison, for political motives, issued by your government against the essayist and critic Mário Pedrosa () we hold you responsible for the mental and physical well-being of this eminent Brazilian”. The President in question was General Emílio Garrastazu Médici, and Pedrosa was 72 at the time. This was simply one of the episodes in a journey – begun with his birth in Pernambuco, inand ending with his death in Rio de Janeiro, in – comprising political

activism, criticism, exile, architecture, travels, art and a close relationship with the biennial exhibitions in São Paulo. Pedrosa’s history is intertwined with the country’s most important political happenings and the way in which Brazilian art came to think about itself in the 20th Century. In the s, when the letter was sent, Brazil was experiencing a crack-down by the military dictatorship, although Pedrosa had already been a target of the Como derrotar Joseph Seed. He was accused of defamation when, in his meetings abroad, he recounted cases of torture that took place at the hands of the repressive Brazilian authorities. In fact, since the s, Pedrosa had undergone similar situations, under the Getúlio Vargas government. At the time, he positioned himself as a socialist activist and began to reflect on the social content within art, in newspaper articles. Thus, he approached his two preoccupations: artistic vanguards and revolution. Pedrosa saw modern art and political transformations as two sides of the same coin. InMário Pedrosa assumed the artistic direction of the 6th Bienal de São Paulo, having been nominated Director of the city’s Museu de Arte Moderna (MAMSP). The event capped a decade of creativity and the atmosphere was one of unleashing the potential of artistic o chefe final de Far Cry 5, both in the political, as in the formal sense. In the middle of the Cold War, he wanted to set up a large exhibition of the supremacy and constructivism of the first phase of the Russian Revolution of It never came to fruition, as the then Soviet Union refused to send the main works from the period. But Pedrosa’s Bienal presented to the Brazilian public works from the communist bloc. In addition to the soviet republics, Hungary, Romania, Bulgaria and Cuba were present with a delegation comprising 41 artists. Exhibited side by side with this production were exhibits from Australian aboriginal art, the history of Japanese calligraphy and reproductions of Indian frescoes. The Brazilian critic was not just interested in exhibiting works, he also wanted to reflect on the circumstances and origins of artistic production. It was a way of looking forward by using that left behind in legacy as an impulse. In Cabo Frio, in February of (nine years after the 6th Bienal and two before the letter was written), Pedrosa wrote a text about the Bienal de São Paulo – “The Bienal from Here to There”. In the text, he undertakes an extensive analysis of the economic, political and social circumstances that determine the appearance of the exhibition and the production of generations of artists and critics. He sought a context for everything that happens, found relationships between strength, power, the economy and the permanent flow of tension between oppressors and the oppressed, and always saw art as faced by the challenges encountered. In the final paragraph, he turns his attention back to “experimental exercising of freedom” and actions he experienced. He ends by projecting an idea for the future: “[Artists] do not make perennial works, Como derrotar Joseph Seed, they propose acts, gestures, collective actions and movements on the plane of activity-creativity (…) Faced with the prodigious products of art and mass culture, and despite its contaminating powers, those are the experiences that think; they are what are actually changing the figure of art, the nature of art, the role, the finality of Art, and perhaps even questioning its survival in a shipwrecked civilization, adrift in a world full of unexpected transformations”. image Mário Pedrosa in ; art and revolution as principles photo Arquivo Wanda Svevo

Page 21_profile

The visitor By Ana Manfrinatto

Cleuza Xavier Ferrari has worked the Ibirapuera Park area as a taxi driver for 15 years, prefers Marcel Duchamp to Leonardo da Vinci and gives herself the privilege of experiencing new things, o chefe final de Far Cry 5 a Bienal Cleuza is 45 discount Archives old, more than 20 of these spent as a taxi driver and 15 at the Bienal, has two daughters and some stories regarding the relationship between art and education. Cleuza Xavier Ferrari is 45 years old and is not in the least bit coy about revealing her age. Coyness, in fact, does not seem to be part of the vocabulary of this woman born in Minas Gerais and living in São Paulo since Without any embarrassment, she proclaims: “I think the Mona Lisa is ter-ri-ble. I prefer Vera Fischer”. Before adding: “She is so ugly, I prefer the Marcel Duchamp version, with the little moustache and goatee”. “Some people think I’m a bit controversial…” she warns. Cleuza is not just controversial. She is also a kind of anti-cliché as regards the art circuit public: an exception in the city’s imagination as regards the Bienal and its characters. Cleuza works as a taxi driver o chefe final de Far Cry 5 Ibirapuera Park and, thanks to her o chefe final de Far Cry 5 to the Bienal, she is able to comment on the works of artists such as Tarsila do Amaral, Salvador Dalí and Monet with the same familiarity used to describe La

Gioconda. And it is with a good deal of austerity that she remembers her first Bienal in São Paulo, the 22nd edition, in “Even though I didn’t understand anything about art, I felt important when I entered the pavilion, because I was giving myself the privilege of being in that place, of getting to know new things and see how the artists were expressing themselves”. She recounts how her elder daughter (there is Juliele, aged 21, and Hallana, 12) was shocked by an artist’s performance in which he simulates having sex with a dog – “Family of the Future”, by Russian Oleg Kulik – during the 24th Bienal de São Paulo, Como derrotar Joseph Seed. “Juliele asked me if that kind of thing really existed and I said it did, that she should know these things exist so that she won’t get disheartened by the adversities and bizarre things that life throws our way”. Cleuza sees art and education as the best way for people to grow. That is why she has always encouraged her daughters to go to school, art exhibitions, o chefe final de Far Cry 5, libraries, etc. She is in the habit of bringing home all o chefe final de Far Cry 5 material she can get at the park. “I have the catalogs for all the Bienais I have been to (from to ). I started to get into the Driver Updater Pro 2.2.8.0 crack serial keygen because of Juliele, so that she could get to know this universe and Como derrotar Joseph Seed we could have something to talk about”. Brought up o chefe final de Far Cry 5 a farm in Chiador, Minas Gerais, Como derrotar Joseph Seed, Cleuza explains that “our Como derrotar Joseph Seed was watching cattle”. She has worked as a cleaner, but has driven taxis for more than 20 years. As with coyness, the terms “giving up” and “pessimism” also seem to be missing from Cleuza’s vocabulary. She brings out an album of photographs from her bag, showing pictures of her condominium’s garden. She lives in a CDHU (Brazilian Social Housing Project), part Vfxalert.com crack serial keygen a program destined for the lowincome population that, between andhas been responsible for building thousand homes for families with a combined income of between one and ten minimum monthly wages. Her project is located on the Raposo Tavares highway, 20 km from Ibirapuera Park. Full of rosebushes of various colors and a neatly mown lawn… this is what the garden is like – impeccable. Before it existed, or rather, before Cleuza came along, there was only beaten earth where the communal living area can now be enjoyed. What she did was to encourage the condominium’s children to collect tins and PET bottles. With the proceeds from selling the recyclable material, she bought the gardening equipment and materials and organized teams so that everyone did their bit. And today, the garden is blossoming. Nothing to it. image Cleuza with her work instrument at the Biennial Pavilion photo Amilcar Packer

Page 22 word search Search through the letters above for the cities in the world that hold art biennials_Cuenca Taipei Singapore, Istanbul, Dakar, Venice, Sarjah, Berlin, Moscow, Lyon, Havana, New York, Liverpool, São Paulo astrology zone Week starting 10/24/ and ending 10/31/ By Hélio Biesemeyer Everything seems agitated, unstable, demanding a lot and then demanding some more. But everything will be ok, as long as it is not excessive. If you know how to look deeply, you will recognize that twisted apathy, an “I-don’t-know-how” o chefe final de Far Cry 5 demands relief. An advantage for those who gamble on intellect, open their focus, provoke analogies, exercise levity, accept the logic of the irrational and go towards dialogs, the only way to make an opinion became an idea. Others beware, for they are only re-treading along old escape routes. CONVOCATION “Everyone is an artist, but only artists know they are” The 28b newspaper invites its readers to debate this theme freely and in a self-organized manner on October 26th, at 7 pm, at the Square created by the 28th Bienal de São Paulo (Cicillo Matarazzo Sobrinho Pavilion, Ibirapuera Como derrotar Joseph Seed. The means of participation, depending on the number of interested people who take part, can occur in one of the following ways: a) A Como derrotar Joseph Seed demonstration b) A parade c) A seminar d) An improvised theater e) A picnic f) A dinner for two g) A silent walk h) Others ORIGAMI by Milena Galli Origami is a word of Japanese origin and defines the art of creating representations of objects, without any cutting, using only paper folds, which can be undertaken in a wide variety of ways. Here are instructions for an eight-fold origami you can try at home. At the end, the object will appear in front of your eyes. 1 With the white side up, fold the sheet in the middle, both north-south and east-west, then unfold it again 2 Hand it over to the person next to you and ask them to continue the origami in next week’s edition of the 28b newspaper photos Garapa


28 28 + +

2 + +

+ + +

JORNAL SEMANAL DA 28ツェ BIENAL DE Sテグ PAULO

sexta-feira

No ritmo das imagens em movimento, a Bienal de Sテ」o Paulo chega a sua segunda semana propondo novos modos para assistir, ouvir e danテァar a arte


PARCEIROS DA 28ª BIENAL DE SÃO PAULO [Partners Of The 28th Bienal De São Paulo]

FUNDAÇÃO BIENAL DE SÃO PAULO

Francisco Matarazzo Sobrinho (–) Presidente perpétuo CONSELHO HONORÁRIO Oscar P. Landmann † Presidente Membros do Conselho Honorário Alex Periscinoto, Carlos Bratke, Celso Neves †, Edemar Cid Ferreira, Jorge Eduardo Stockler, Jorge Wilheim, Julio Landmann, Luiz Diederichsen Villares, Luiz Fernando Rodrigues Alves †, Maria Rodrigues Alves †, Dfx audio enhancer 13 crack Archives P. Landmann †, Roberto Muylaert CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO Miguel Alves Pereira Presidente Elizabeth Machado Vice-presidente Membros Vitalícios Benedito José Soares de Mello Aiseesoft FoneLab for Android Crack 3.1.32 Full Patch Free Download 2021, Ernst Guenther Lipkau, Giannandrea Matarazzo, Gilberto Chateaubriand, Hélène Matarazzo, Como derrotar Joseph Seed, João de Scantimburgo, Jorge Wilheim, Manoel Ferraz Whitaker Salles, Pedro Franco Piva, Roberto Duailibi, Roberto Pinto de Souza, Rubens J.

APOIO INTERNACIONAL [International Support]

CURADORIA E PRODUÇÃO Jacopo Crivelli Visconti Curador Vânia Mamede C. de Shiroma Coordenadora de produção Angélica Lima, Érika Fromm, Liliane Fratto, Mônica Shiroma de Carvalho, Rinaldo Quinaglia, Waléria Dias Equipe de produção Ana Elisa de Carvalho Silva, Diana Dobranszky Coordenação editorial

28ª BIENAL DE SÃO PAULO

A realização do jornal 28b foi possível graças ao apoio da American Center Foundation The newspaper 28b is made possible with the generous support of the American Center Foundation

CURADORIA Ivo Mesquita Curador-chefe Ana Paula Cohen Curadora-adjunta Bartolomeo Gelpi, Fernanda D’Agostino Dias, Giancarlo Hannud Assistentes curatoriais Vectric Aspire 9.514 License Code Archives Coelho Soares, Laura de Souza Cury, Thiago Gil de Oliveira Virava Pesquisadores ARQUITETURA Felippe Crescenti, Pedro Mendes da Rocha Projeto expográfico DESENVOLVIMENTO DE ESTRUTURAS EXPOSITIVAS DO 3º ANDAR Gabriel Sierra IDENTIDADE VISUAL Daniel Trench, Elaine Ramos, Flávia Castanheira

apoio institucional [Institutional Support]

VIDEO LOUNGE Wagner Morales Curador Isabel García, Como derrotar Joseph Seed, Maarten Bertheux Curadores convidados Carlos Farinha, Clarice Reichstul Curadores colaboradores Clara Ramos Produção Conferências Luisa Duarte Coordenadora-geral Dulce Maltez Coordenadora de produção WEBSITE Tecnopop

JORNAL 28b

Marcelo Rezende Editor-chefe Ana Manfrinatto Editora-assistente Eduarda Porto de Souza, Isabela Andersen Barta Repórteres

Esse projeto foi realizado com o apoio da Secretaria de Estado da Autocad 2005 keygen,serial,crack,generator,unlock,key de São Paulo - Programa de Ação Cultural -

Projeto Como derrotar Joseph Seed Angela Detanico Rafael Lain

Diagramação e Direção de Arte Carla Castilho Lia Assumpção Iná Petersen Assistente de arte Claudia Fidelis Tratamento de imagem André Mariano, Marília Ferrari Estagiários Documentação Fotográfica Amilcar Packer Editor e fotógrafo Rogério Canella Editor-assistente Alexandre Schneider, Autumn Sonichsen, Esther Varella, Maurício Reugenberg, Patrícia Stavis, o chefe final de Far Cry 5, Tuca Vieira Fotógrafos

Este impresso possui a certificação FSC

PARCEIRO

Tradução Henrik Carbonnier Revisão Todotipo Editorial (português) e Anthony Doyle (inglês) Redação Pavilhão Ciccillo Matarazzo, Parque do Ibirapuera, Portão 3, CEPSão Paulo, SP Brasil (55 11) Publicação METRO

capa: performance do grupo Fischerspooner_foto Autumn Sonnichsen editorial: foto Amilcar Packer


EDITO RI AL

Está tudo bem. E pronto

Uma semana de 28ª Bienal de São Paulo, e o resumo dos acontecimentos poderia ser feito a partir de um raciocínio matemático, Como derrotar Joseph Seed. São sete dias a menos e incontáveis experiências a mais: atividade, festa, surpresa, passeio, arte, reflexão e uma noite de confronto, na qual o espaço do 2º andar do Pavilhão foi tomado pela ação de pichadores, originando violência e inúmeras imagens de apelo midiático exibidas rapidamente por jornais, TVs e internet. A questão aqui é pensar não apenas o significado desse fato, mas, também, a natureza dessas imagens. O cineasta Jean-Luc Godard, na década de 70, passava da teoria à prática. Isto é, tentava criar uma alternativa para todas as armadilhas, envolvendo arte, política e representação da realidade, e fazendo filmes e projetos para a TV nos quais propunha se voltar para o Outro (palestinos, operários, crianças, imigrantes, classes sociais economicamente excluídas), mas sabendo que é impossível falar em nome dele. É possível o combater, o anular, o destruir; e ainda o apoiar, o celebrar, se engajar ao lado dele. Mas isso significa de fato entender a dimensão do problema proposto pelas imagens feitas a partir desse mesmo Outro? “Se pensa que podemos ouvir diretamente o que eles têm a dizer, imaginando que foram privados de comunicação durante muito tempo, e que podemos ser úteis a eles, sem problema. E para nós há, sim, Como derrotar Joseph Seed, um problema. Fazemos um filme imaginando estar ‘a serviço de’, mas estamos fazendo um filme contra, e não nos damos conta disso.” Esse é Godard emfalando para a TV e lembrando aos telespectadores duas verdades muitas vezes esquecidas: nada é tão simples, raramente é Como derrotar Joseph Seed que parece, e sem o contexto tudo se dissolve em um oceano de opiniões emocionais. Godard é peça central na programação do Video Lounge, espaço no Pavilhão da Bienal onde são exibidos trabalhos realizados por diferentes gerações de artistas, cineastas, documentaristas, profissionais da imagem de todas as ordens. Em toda essa produção, os visitantes da 28ª Bienal assistem ao resultado das propostas mais variadas, e em muitos casos estimulados por uma mesma indagação sobre o que significa um gesto político, de que modo ele pode ser entendido ou executado. E qual o lugar ocupado pelas imagens ao longo de todo esse processo. Agora, entre as cenas da performance do grupo Fischerspooner e o Pavilhão tomado por visitantes descobrindo o pensamento do artista Carsten Höller sobre a situação humana por meio de seu “escorregador”, há a imagem da Planta Livre (o 2º andar TotalSpaces 2.9.9 Cracked For MacOS 2021 Free Download Pavilhão), com pichações, agressões, vandalismo, destruição e presença policial, como um instantâneo da cidade de São Paulo em seus momentos mais tensos. De que modo se relacionar com essas imagens? Há a adesão simples – ver a invasão do andar vazio como um “gesto artístico”, sem perceber a contradição desse gesto, repetindo aquilo mesmo que pretensamente critica: o uso do Outro em nome de uma afirmação pessoal, e não social, resultado do egocentrismo autoritário — ou a repressão igualmente autoritária, que ignora o modo como a cidade, as Como derrotar Joseph Seed e o corpo da sociedade se organizam, não reconhecendo o atrito gerado por essa mesma organização. Entre um lado e outro, o 28b se volta para o discurso do cineasta Glauber Rocha e sua agitação exibida no Video Lounge: “E, para concluir, eu desejo dizer que o país não está ameaçado de nenhum ato de subversão, de nenhuma volta ao estado antigo, corrupção, terror ou subversão, () de forma o chefe final de Far Cry 5 essas provocações à esquerda e à direita pertencem ao velho tempo (). Então tudo bem. E pronto”.

Marcelo Rezende editor-chefe


Em plen0 convívio Abertura oficial, performance, experiências com as obras e uma o chefe final de Far Cry 5 relação com o espaço na 28ª Bienal de São Paulo em seus dois primeiros dias

3 4

1 2

1_Performance do grupo Fischerspooner 2_Sob a obra do artista Mircea Cantor, “Airports and Angels”, a conversa de visitantes 3_Detalhe de “MIT Project”, de Matt Mullican 4_Esculturas sonoras de O Grivo

fotos Amilcar Packer

28b -2+++++++ sexta-feira

4


5 7

6

8

5_Obra de Leya Mira Brander vista pelo público 6_Um passeio pela Praça, no Pavilhão da Bienal 7_Um visitante chega ao térreo pela obra “Valerio Sister”, de Carsten Höller 8_Visão do projeto “Eighteen Hundred Drawings”, de Allan McCollum 9_Autoridades na solenidade de abertura da 28ª Bienal

fotos Amilcar Packer

9

28b -2+++++++ sexta-feira

5


2 1

1_Projeto do artista brasileiro Rubens Mano, “Está tudo bem” 2_Visão Como derrotar Joseph Seed trabalho de João Modé, sem título 3_Cena de um registro da instalação “Video Portrait Gallery”, de Marina Abramović 4_Ao fundo, “Visión de lª pintura occidental”, de Fernando Bryce 5_Detalhe de “Daily Bread”, de Joe Sheehan 6_“Reação em cadeia com efeito variável”, de Carla Zaccagnini

fotos Amilcar Packer

3

4 5

28b -2+++++++ sexta-feira

6

6


Ivaldo Bertazzo, Weightless Days e o coletivo avaf propõem diferentes experiências com o público, o chefe final de Far Cry 5, como a dança e a vibração de uma festa

VOCÊ ESTÁ CONVIDADO Por Eduarda Porto de Souza

O corpo presente, o convívio, o encontro, o som e o movimento. Diferentes projetos se integram na 28ª Bienal, promovendo experiências artísticas pensadas a partir da produção musical e da dança. O coreógrafo Ivaldo Bertazzo traz sua Escola ivaldo bertazzo do Movimento para a Praça, Bertazzo oferece até o fim do evento aulas gratuitas de dança para todos no Pavilhão os interessados. “É um trabalho que contempla como fazer as pessoas se da Bienal. apropriarem mais de espaços culturais. Quero tirar o rigor elitista do espaço O projeto da Bienal”, afirma o coreógrafo. “A separação entre o erudito da elite e o “Weightless artístico é muito importante para mim. Me interessa que o cidadão se aproxime Days” chega ao cada vez mais de ações artísticas que vão transformar a visão da cidade, e é com isso que eu quero trabalhar”, diz Bertazzo ao ser indagado sobre sua Brasil, após primeira participação em uma Bienal de São ZULU DJ soft 3.27 crack serial keygen e sobre o que seu trabalho ter passado por artístico pode trazer Paris e Osaka, ao evento. “O cotidiano enquanto o WEIGHTLESS DAYS da cidade massacra. coletivo avaf Angela Detanico e Rafael Lain em parceria com Takeshi Yazaki, Como podemos vê-lo faz da festa uma Megumi Matsumoto e Dennis McNulty com outro aspecto, ferramenta para outras cores? Quanto “detonar” o chefe final de Far Cry 5 mais você se apropria Angela Detanico e Rafael Lain (também criadores do projeto relação com o de um espaço, mais gráfico deste jornal, 28b) começaram a trabalhar em parceria público. contemporaneidade com o coreógrafo japonês Takeshi Yazaki em Em seguida, injeta nele.”

ao trio se juntou a também coreógrafa Megumi Matsumoto, o chefe final de Far Cry 5. Durante a 26ª Bienal de São Paulo, em que Angela e Lain participaram como artistas convidados, os dois conheceram o irlandês Dennis McNulty, também integrante da mostra. Estava formado o quinteto – McNulty cuida da parte sonora do projeto “Weightless Days” (Dias sem gravidade). O avaf é um coletivo formado por brasileiros e integrantes de diferentes nacionalidades. O avaf encerra o programa de atividades da 28ª Bienal, Como derrotar Joseph Seed, em 6 de “Começamos trabalhando em Paris em um dezembro. “Nossa apresentação vai beirar Como derrotar Joseph Seed homenagem ao submundo de São Paulo”, estúdio do Centre National de la Danse diz o artista Eli Sudbrack, um de seus componentes. Transexualismo, explosões, (CND), em ”, diz Angela, o chefe final de Far Cry 5. Outras sessões destruição, transformação e festa são palavras centrais do trabalho a ser de trabalho reuniram o grupo na França, apresentado. “É inevitável interagir com a arquitetura de Oscar Niemeyer, mas o que onde a peça estreou em Um ano depois, mais nos interessa é a idéia dos pilotis.” Para sustentar essa intenção está sendo “Weightless Days” foi apresentado em planejada uma estrutura modular, com andaimes de madeira que se expandem desde o Osaka, no Japão. Agora, no Brasil. “O mais palco, a fim de que as pessoas possam subir e ver a Bienal de outras perspectivas. importante nessa história é a construção “A verdade é que a festa é uma ferramenta para nós”, diz ele. “O público faz o que fizemos e continuamos fazendo juntos. trabalho em conjunto, e percebemos que fazia muito sentido ‘detonar’ isso por meio Nossa parte foi pensar um espaço de dança de uma festa. Tudo começou com a exposição ‘Ecstasy’ no Museu de Arte Contemporânea para eles”, contam Angela e Lain. (MoCA) de Los Angeles (), numa exposição na qual falávamos sobre os direitos gays nos Estados Unidos. Toda essa história foi embalada pela disco music, e “Weightless Days” funciona da seguinte formou-se uma comunidade o chefe final de Far Cry 5 luta pela igualdade. No caso desta Bienal, o objetivo forma: Angela e Lain assinam as animações, acontece no final. Chegamos ao ápice destacando a desvalorização das bienais no que são acionadas ao vivo e projetadas mundo. Tudo é simbólico, também, da destruição dos valores das cidades”. sobre o palco. Alternando entre preto e branco, formas simples como discos de luz e sombra desenham o espaço, que é ocupado pela coreografia. “Ao redesenhar o palco, sugerimos novos movimentos para eles.” A trilha é executada ao vivo por Dennis McNulty, que combina sons pré-gravados em seu computador, como folhas secas sendo amassadas, notas de piano, passos e outros sons ambientes. Confira a programação da 28ª Bienal na pág

avaf

28b -2+++++++ sexta-feira

7


O cineasta Glauber Rocha nos amos 70 foto Agência Estado

Em filmes, registros de performances, programas de TV e vídeos musicais, o Video Lounge propõe a construção de um pensamento sobre as imagens

O ano ée o cineasta brasileiro O chefe final de Far Cry 5 Rocha não está atrás, e sim diante da câmera. Ele diz “boa noite”, mas há a claridade Dr.Fone Crack Archives dia. Ao fundo, o chefe final de Far Cry 5, folhagens verdes e uma criança loira no colo de uma mulher negra. Perto de sua boca, um microfone jamais inerte. Enquanto fala, gesticula com a folha de jornal na mão (a camisa com os três primeiros botões abertos), e o tom de sua fala mistura indignação, irritação e energia. Um outro homem aparece no quadro, é a ele que Glauber se dirige: “Severino, o problema é o seguinte: vamos falar de outro assunto importante, é preciso falar um pouco de cultura, porque o povo brasileiro é analfabeto, mesmo os intelectuais são analfabetos”. Depois de discursar sobre o escritor José de Alencar e a literatura do século 19, a seqüência chega ao final: “E, Como derrotar Joseph Seed, para concluir, eu desejo dizer aos extremistas que as greves são coisas normais, que o país não Quicken ACTIVATION CODE Archives ameaçado de nenhum ato de subversão, de nenhuma volta ao estado antigo, corrupção, terror ou subversão A proposta não é apenas apresentar obras históricas nas relações construídas entre () de forma que essas provocações à esquerda arte, cinema, vídeo e TV desde o final dos anos 50, mas criar um campo no qual se e à direita pertencem ao velho tempo (). Então estabeleça, para o público, uma caixa de ressonância em relação a toda a 28ª Bienal, tudo bem, boa noite. E pronto”. tanto no que refere aos artistas participantes quanto às questões apresentadas pelo projeto curatorial “em vivo contato”. São quatro linhas temáticas: “Telepresença”, Esse é um dos momentos do programa “Abertura”, “Ação da música”, “Diariamente (vida real): Pessoas e lugares” e “Performance”. exibido na extinta rede Tupi de televisão e que Segundo Morales, “todas as quatro linhas temáticas procuram trazer ao Como derrotar Joseph Seed integra a programação do Video Lounge, promovido pela panoramas possíveis nos quais, evitando o didatismo fácil, podemos perceber como 28ª Bienal. Mais do que o espaço inserido no Pavilhão os trabalhos escapam de classificações rígidas. O próprio espaço físico onde estão para exibir filmes e vídeos, o projeto é uma ação os ‘nichos’, com os sofás e os televisores, evidencia isso, essa característica conceitual a partir de sua definição, como explica que é própria das artes visuais: um documentário que também é o registro de uma o artista Wagner Morales, responsável pela curadoria performance, um videoclipe que pode ser visto como filme experimental, um programa dos trabalhos exibidos – ao lado dos curadores de TV que mais parece videoarte ou manifesto político”. convidados, Isabel García e Maarten Bertheux, e dos colaboradores Carlos Farinha e Clarice Reichstul: O Video Lounge coloca o visitante da 28ª Bienal diante de trabalhos e reflexões “O termo lounge nos remete a espaços de conforto, sobre a política das imagens, a tecnologia, a documentação da realidade e a descontração e até, a um certo estilo musical. comunicação que têm ocupado a produção cinematográfica e artística contemporâneas, No entanto, existem outras relações possíveis a evidenciando de que modo esses dois campos foram se aproximando, sobretudo a partir serem consideradas no o chefe final de Far Cry 5 caso: encontro, pausa, do trabalho do cineasta Jean-Luc Godard e Anne-Marie Miéville na produtora Sonimage, reflexão, flerte. É nesse universo que o Video Lounge nos anos se insere. A proposta é, com uma extensa programação de vídeos e filmes, estimular e possibilitar a O Video Lounge Video Editor Archives - Page 4 of 4 - All Latest Crack Software Free Download o projeto “Six fois deux” (), no qual Godard e Miéville construção de um pensamento sobre o que se vê ali, fazem uso dos equipamentos o chefe final de Far Cry 5 leves (de TV), criando “programas” sobre desemprego, nos trabalhos mostrados nos monitores de plasma e na montagem, jornalismo, fotografia, infância e amor. Godard se apressava em colocar Bienal como um todo”, diz Morales. em ação um pensamento originado a partir das ações revolucionárias de Maio de 68 (Glauber Rocha aparece em um filme de Godard no período, “Le Vent d’est”, de ): a idéia de que apenas uma imagem pode fazer a crítica de uma imagem. Ou, como na fórmula consagrada por ele, “é preciso confrontar as idéias vagas com as imagens claras”. “Desde os anos 60, as artes visuais se situam em um fogo cruzado de influências, dialogando com o cinema, a televisão, a música, o teatro e as ciências humanas. E, de alguma maneira, esse fogo cruzado se faz presente na programação do Video Lounge”, diz Morales. Essa conversação intensa, estética, política e experimental é o que estará disposto diante dos olhos dos visitantes.

SESSÃO DAS 28

Confira a programação do Video Lounge na pág

28b -2+++++++ sexta-feira

8


UMA LIMITADA SENSIBILIDADE Jean-Luc Godard e Anne-Marie Miéville em cena de “Soft and Hard (Soft Talk on a Hard Subject Between Two Friends)”, de

Por Isabela Andersen Barta

O norte-americano Jonathan Rosenbaum possui uma trajetória notável na imprensa dedicada ao cinema. Seus artigos são publicados nas revistas Cahiers du Cinéma (França) e O chefe final de Far Cry 5 Comment (Estados Unidos), e ele é autor de ensaios sobre os cineastas Jean-Luc Godard, Abbas Kiarostami foto Divulgação e Orson Welles. Aos 65 anos, Rosenbaum colabora também com a novaiorquina Artforum, em artigos que relacionam a 28b Durante décadas houve uma produção chamada de “cinema de arte”, expressão produção de imagens que servia para qualificar diretores-autores. Hoje há uma produção de arte e a história do contemporânea que usa o cinema como base, como matéria-prima para suas criações. cinema e Qfx Image Editor for Windows 8.0.1 crack serial keygen arte Como houve a aproximação entre esses dois mundos? contemporânea. Aqui, ele fala Jonathan Rosenbaum O cineasta Jean-Luc Godard tem sempre sido uma ponte entre sobre essa relação. muitas áreas do cinema e vídeo desde ao menos os anos Não acompanho a exibição de trabalhos em vídeo nos museus, e o sistema de exibição do cinema de arte está quase extinto nos Estados Unidos em razão do monopólio dos estúdios. E há a sensibilidade limitada dos diretores-autores norte-americanos. Além disso, com exceção de países como França e alguns outros, a percepção raramente ultrapassa 28b Mas acontece também o caminho contrário. Uma produção um diretor por país: Lars von Trier na Dinamarca, Pedro no campo da arte que chega ao circuito dos cinemas, Almodóvar na Espanha etc. como nos trabalhos de Eija-Liisa Ahtila, Philippe Parreno e Douglas Gordon (autores do filme “Zidane”, sobre o jogador francês) ou Matthew Barney, que procuram se inserir no sistema de exibição de filmes. J.R. Eu detesto os poucos filmes de Barney que já vi, que não são exibidos em cinema, ao menos não aqui em Chicago. Para mim, Como derrotar Joseph Seed, o novo gênero de cinema de arte está nos DVDs.


SONIMAGE: GODARD + MIÉVILLE Dividido em seis segmentos (e totalizando cerca de dez horas de projeção), “Six fois deux” reúne o pensamento dos cineastas Jean-Luc Godard e Anne-Marie Miéville sobre a TV, a sociedade e a comunicação.

ABERTURA GLAUBER

BECKETT NA TV

“A VISIT TO TIMOTHY LEARY”

“Quadrat I + II” integra uma série de peças experimentais realizadas pelo dramaturgo e escritor Samuel Beckett para a TV, no início dos anos

Exibidos na extinta TV Tupi emsegmentos preparados pelo cineasta Glauber O chefe final de Far Cry 5 refletem sobre política e sociedade brasileiras para o programa “Abertura”.

Essa “visita a Timothy Leary”, o profeta do LSD, foi feita pelo cineasta Jonas Mekas em No encontro, a humanidade que não ama mais o planeta.

AS IMAGENS CLARAS RICHARD SERRA Realizado em“Hands Tied” mostra duas mãos que tentam se desembaraçar de cordas que as fazem prisioneiras.

TV DE ARTISTA “The Medium is the Medium” foi um dos primeiros projetos de colaboração entre artistas e TV. Foi realizado em Boston emcom artistas convidados a criar com e para a televisão.

Um rápido olhar sobre alguns trabalhos exibidos no Video Lounge

JEM COHEN “I Was Dancing in the Lesbian Bar” () é uma ilustração visual feita pelo diretor Cohen para o músico Jonathan Richman, na qual o público é participante ativo de uma canção.

BJÖRK

Goldfrapp “A & E”, de Dougal Wilson, mostra a cantora Alison Goldfrapp como personagem e tema para a natureza ().

Com direção do coletivo Encyclopedia Pictura, “Wanderlust” projeta a musicista islandesa para um reino mítico e fantástico ().

“OH, ESTAÇÕES! OH, CASTELOS” Curto documentário dirigido pela cineasta Agnès Varda em sobre os castelos do vale do Loire, na França. O título se refere a um poema de Arthur Rimbaud: “Ô saisons, ô châteaux”.

Bruce Nauman Em “Pacing Upside Down”, deo artista norteamericano explora o uso da câmera e a ilusão do cinema para apresentar questões sobre o tempo e o espaço.

28b -2+++++++ sexta-feira

GLOBAL GROOVE Dirigido por Nam June Paik e John Godfrey ema obra é um repertório de colagens visuais e sonoras, criando um canal global de TV.

10


, ,

,

+~tt

, ,

,

H

I I I

I

I

~

-

III

t

I

,I tf

I

,

T

I

r-r-

,

,

I '

I -

I-

i

I

I

,

i

t-

"

-

f-

-

r- I

'-

II

-

+

r- -t

r=

I

-1

I

_1

,

I

i

I

I

II

r-

~

é

j

,

f-

I

I

'l1

-

~

-

'--

I-I--

-

t

I-I--

I-I-- t-

r- I-r-

I-- -

r-

II-f-

I-- -

-

-

I--

-

I--

r- rrr- rr-

-

rr-

- r-

~

'4

&#39.

t' °2

"

6

&#39.

'20

'24

'2.

'32

3.

40

"

1s

Í9

23

'27

'3'

'3.

'3.

'43

~7

lO

.

°22 I

'2.

'lO

'34

'3.

'42

~.

'29

'33

~,

'4'

"2

&#39.

"3

&#39.

,

'17

'2'

10 - 15 - 23 - 25 - 3 7 - 39 - 48 - 27 - 24 - 8 - 6 - 2

2

25

A PART IR DA SEQÜÊNCIA LIGUE OS PONTOS ACIMA

8

28b -2+++++++ sexta-feira

Nicolás Robbio Artista participante da 28ª Bienal de São Paulo

11


O Parque do Ibirapuera é redescoberto por meio de encontros, documentos e conversas no projeto da brasileira Mabe Bethônico O projeto da artista mineira Mabe Bethônico nasceu de uma pesquisa sobre a União Cultural Ibirapuera. Mabe tomou conhecimento da instituição quando iniciou o trabalho a partir da documentação preservada pelo Arquivo Histórico Wanda Svevo, da Fundação Bienal de São Paulo. “Queria descobrir a maravilhosa constelação do parque”, diz ela, que se volta para questões relacionadas ao tempo e à percepção pessoal ou coletiva desse mesmo tempo: “O que mais me interessa nessa pesquisa é observar o tempo de cuidado do Ibirapuera, que é totalmente distinto do tempo do lazer. Sempre fui usuária do espaço, como visitante da Bienal, e meu desejo era olhar para fora do pavilhão e conhecer a vida própria que o grande público desconhece”. O projeto conta com um programa de encontros em torno do parque, sua vida e instituições. Mabe explica as ações: “A exposição prevê um espaço dinâmico e propõe encontros que exploram o Ibirapuera numa experiência de visita atenta a tempos e movimentos da vida do parque, buscando revelar ciclos de cuidado e trabalho imperceptíveis aos usuários. Me refiro ao tempo do crescimento das plantas, da rotina de manutenção e da vida dos bichos que vivem ou passam por ali, assim como ao seu ritmo à noite, Como derrotar Joseph Seed, ao céu. Em paralelo, será possível refletir sobre como se guardam os aspectos vivos do parque. O trabalho é um convite ao diálogo com o Planetário, o Setor de Fauna, o Herbário, o Museu de Arte Moderna (MAM-SP), a Escola de Jardinagem, o Viveiro Manequinho Lopes e a Administração do parque”. Nesses encontros – que acontecem no Plano Como derrotar Joseph Seed Leituras (3º andar do Pavilhão), sempre às 16h – colaboradores convidados, que atuam nas diferentes instituições pesquisadas falam ao público.

OLHAR PARA FORA, ENCONTRAR A FLORA Capture one 13.1.1.31 crack Archives A FAUNA Por Eduarda Porto de Souza

As ações se dividem em quatro blocos temáticos: “Ibirapuera comestível”: o que o parque oferece e consome. “Guardando o parque”: o que o Ibirapuera esconde ou o que se preserva. “Parque-viveiro”: acervo vivo do parque, dentro e fora das instituições. “Parque contado”: histórias dos lugares, depoimentos sobre diferentes trabalhos executados nas instituições envolvidas. Com o projeto “União Cultural Ibirapuera”, a artista traz ainda, para dentro do Pavilhão, o que chama de “jornal relâmpago”, que funciona como um “álbum de figurinhas”: “Uma parte da minha pesquisa passa pela voz de outras pessoas que fazem parte do organismo do Parque do Ibirapuera. Por exemplo, recebo um Como derrotar Joseph Seed do Planetário e faço uma pequena publicação com imagens e textos sobre o que foi falado. No final, pretendo unir tudo numa publicação só, mas primeiro vou disponibilizar individualmente na exposição e em forma de audiodepoimentos na web”. Você sabia que existem mais de espécies de pássaros dentro do Ibirapuera? Esse número faz parte das pesquisas de Mabe. “Descobri dentro do parque o importante Setor da Fauna. Há uma clínica de animais interna que cuida de espécies o chefe final de Far Cry 5 e fora daquele ambiente; há também uma enorme Escola de Jardinagem, o Herbário, Como derrotar Joseph Seed, o viveiro, que cuidam não só do parque, mas também da cidade. Foi tudo muito surpreendente. Descobri que um dia houve ali uma sociedade anônima de floricultura brasileira e de astronomia, por exemplo. Há uma imensa horta orgânica no centro, no coração do parque. Mas também descobri que o Museu da Aeronáutica, o Museu do Folclore e o de Ciência e Técnica, que estavam nos projetos iniciais, hoje estão desativados ou indisponíveis em outros lugares”, diz ela.

Detalhe do projeto “União Cultural Ibirapuera”, de Mabe Bethônico, no Plano de Leituras do Pavilhão da Bienal

foto Amilcar Packer

28b -2+++++++ sexta-feira

12


NOVO MORADOR Por Isabela Andersen Barta

Maurício Ianês entra no Pavilhão da Bienal sem roupas, comida nem água, aguardando que o público se manifeste e estabeleça uma relação YouTube By Click Premium Crack 2.3.14 Serial Number & Full Activation Free Download 2021 Durante 12 dias, o Pavilhão da Bienal terá um morador em tempo integral: o artista Maurício Ianês, nascido em Santos há 35 anos. Nu, sem comida, bebida nem qualquer outro pertence, ele entrará no prédio em 4 de novembro e ficará até o dia 16 totalmente sob “A bondade fx sound enhancer full Serial code Archives estranhos”, nome da performance pensada para a 28ª Bienal, o chefe final de Far Cry 5. A cada dia, Ianês escolherá um ponto diferente do prédio para aguardar que o público o chefe final de Far Cry 5 manifeste, doe algo, estabeleça alguma relação. Ele também passará as noites no Pavilhão, Como derrotar Joseph Seed, para não interromper a performance. “Procurei pensar num trabalho absolutamente POLÍTICO despido de qualquer “Eu sempre dependi da bondade de estranhos” é uma artifício, que se frase de Blanche DuBois, Como derrotar Joseph Seed de “Um bonde afastasse do teatral chamado desejo” – peça do dramaturgo norte-americano e do espetacular, em Tennessee Williams que narra as relações conturbadas que a única coisa que de uma mulher que se muda para a casa da irmã submissa restasse fosse a minha e do genro violento. Embora o título da performance presença e a relação tenha origem no texto, Ianês afirma que não há relação crua com o público, direta com a peça, mas sim com a citação recorrente da do modo menos mediado frase de modo irônico, Como derrotar Joseph Seed. “Ouço amigos possível, apesar de e desconhecidos dizerem isso um o ambiente da Bienal pouco como piada, mas sempre já criar um contexto EXTREMO pensei nisso seriamente, porque representativo que Em sua primeira performance, “Apophisis 1” (apresentada em e novamente em ), me interessa esse confronto com media as relações.” Ianês ficou envolto em fita isolante preta durante duas horas, do pôr do sol ao a face do Outro, como ele se anoitecer, parado no centro da sala de exposição. O título é Como derrotar Joseph Seed palavra originada do dá, quais as saídas éticas, não grego apophanai, que significa “negar”. É quando se diz que não se vai dizer algo e morais, para que esse confronto se diz, como no uso da expressão “sem mencionar que”, um processo de afirmação pela se dê de forma franca, aberta e negação. Ianês investiga as linguagens (verbal, o chefe final de Far Cry 5, corporal, artística) e a capacidade tolerante. A idéia de abraçar que elas possuem de comunicar ou não uma mensagem. “Não quero, como artista, apresentar o Outro, descobrir novas formas respostas, até porque não as tenho. Quero criar algo que possa levar a diferentes de relação e novas linguagens o artista Maurício respostas, construídas colaborativamente com pessoas que carregam diferentes cargas a cada nova experiência com a Ianês em sua casa sociais e culturais.” Em “A bondade de estranhos”, a nudez não é apenas um fator de diversidade me interessa como foto Amilcar Packer choque ou retirada da roupa por causa dos atributos sociais. “Uma roupa minha criaria arte e como modo de vida.” uma interpretação, ganharia significados, mas quero justamente que a imagem final da ação seja construída com o que for doado. Não sei como essa relação se estabelecerá, não tenho expectativas concretas.” Além da performance, Ianês apresentará um trabalho com adesivos no chão (no 1º e no 3º andares), que delimitam áreas de diálogo, de monólogo e de silêncio. “Considero esse trabalho quase como uma ação na qual eu não estou presente, mas chamo o público a participar, propondo essas três diferentes formas O MOVIMENTO DO CORPO de discurso ou não-discurso.” Os adesivos dialogarão com o espaço, com a arquitetura e com outros trabalhos de artistas. Algumas performances recentes nas bienais de São Paulo 24ª Bienal A mineira Laura Lima executou a performance “Quadris”, em que dois homens foram unidos por uma única sunga e transitaram pelo espaço expositivo até a exaustão. 25ª Bienal O norte-americano Spencer Tunick fotografou voluntários nus no Parque do Ibirapuera para seu projeto “Nude Adrift”. Na performance “VB50”, a italiana Vanessa Beecroft formou um exército estático de 50 modelos vestindo apenas perucas e sapatos.

28b -2+++++++ sexta-feira

FLASH HISTÓRICO O carioca Flávio de Carvalho é considerado o primeiro performer brasileiro, por sua “Experiência nº 2”, o chefe final de Far Cry 5, deem que caminhava de chapéu Como derrotar Joseph Seed sentido contrário a uma procissão de Corpus Christi no Centro de São Como derrotar Joseph Seed. Os fiéis se revoltaram e o artista foi obrigado a fugir para não ser linchado.

O português Antonio Manuel inscreveu-se como a própria obra no 19º Salão Nacional de Arte Moderna, eme foi barrado. Na inauguração do evento, no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM-RJ), o artista apresentou-se nu, e intitulou a performance “O corpo é a obra”.

13


- -

28b -2+++++++ sexta-feira

14


Em busca de uma história Diário de K.D. em oito partes 2. Mistério

No capítulo anterior destas memórias, descrevi como pedi demissão de meu emprego para escrever o romance Em busca de Headless, sobre o lado obscuro das finanças globais. Ainda estava morando em Gibraltar, durante o período de aviso prévio no Sovereign Trust, uma empresa de gerenciamento de offshore. E o mundo do offshore também seria o cenário do meu romance: um universo secreto e potencialmente perigoso, uma rede de espaços inacessíveis e identidades ocultas, muitas delas ferozmente protegidas dos olhos do público. Entre os Como derrotar Joseph Seed de empresas que o Sovereign gerencia, uma se chama Headless. Foi incorporada (ou seja, o chefe final de Far Cry 5, registrada) nas Bahamas por intermédio de nosso escritório de Gibraltar. Headless é um nome estranho, e me fez refletir. Então recebemos um telefonema de Goldin e Senneby, dois o chefe final de Far Cry 5 suecos. Eles disseram que estavam pesquisando a Headless Ltda. Isso era muito esquisito. Empresas como a Headless não são exatamente “abertas à pesquisa”, de modo que não entendi a perspectiva de Goldin e Senneby no caso. No entanto, eles marcaram uma reunião com Rob Shipman, meu colega no Sovereign. Vamos encontrar com Rob na semana que vem Foi aí que comecei a me perguntar: o que estava me escapando nesse caso? Havia mais coisas ocultas sobre a Headless do que eu ou qualquer um no Sovereign sabia (ou contava). E aqueles artistas suecos? Só o que eu sabia era que, Office 2016 Standard Volume License crack serial keygen de toda uma carreira no ramo do offshore, eu estava numa excelente posição para descobrir. Na verdade, esse era um tema incrível para um romance. Eu também tinha um grande cenário: as Bahamas, onde a Headless estava registrada. O país tem sido um paraíso fiscal dos mais procurados há décadas, a Suíça do Caribe. Depois que as Bahamas ficaram independentes da Inglaterra, ema capital Nassau, Como derrotar Joseph Seed, na ilha de New Providence, assistiu à chegada de diplomatas e embaixadas, o que deixou o lugar ainda mais interessante. Na verdade, Nassau é também onde meus ex-chefes do Sovereign Trust têm escritório. Do ponto de vista de um escritor, existe uma imensa diversidade em New Providence, da sordidez dos guetos negros ao paraíso detrás dos portões de Lyford Cay, área residencial privativa onde somente as pes­ soas mais ricas do Caribe moram – cheguei a me relacionar com algumas delas quando era gerente de atendimento do Sovereign. Eis aí, no entanto, o mais estranho de tudo. As pessoas com quem trabalhei mais de perto, clientes que confiavam em mim para conduzir seus negócios, eu nunca cheguei a conhecer. A segurança financeira dessas pessoas estava em minhas mãos todos os dias. Contudo, jamais as encontrei. Não tinha idéia de quem elas realmente eram, nem do que faziam. Será que eu poderia simplesmente escrever sobre esse mundo secreto? Bem, o fato é que depois que saí do Sovereign, não haveria forma de eu um dia Como derrotar Joseph Seed. Essas pessoas e empresas desapareceriam do meu mundo. E eu do mundo delas. Então, se resolvesse colocar elementos de meu antigo emprego em meu romance, quem se importaria? No que se refere aos artistas suecos Goldin e Senneby, eu os usarei também! Você pode usar nomes reais numa história, para aumentar o interesse. E a verdade é que, depois que você começa a pensar sobre o mundo do offshore, já está pensando em termos de ficção de qualquer modo. Offshore é um tipo de ficção. Não se trata apenas da dissolução das fronteiras; simplesmente não existem fronteiras.

28b -2+++++++ sexta-feira

De modo que o romance policial de crime e mistério já estava começando a tomar corpo. O personagem principal de fato fora acusado de assassinato nas primeiras páginas! Ele se chama John Barlow, e eu o fiz realmente comer o pão que o diabo amassou. Barlow trabalha para esses artistas suecos, Goldin e Senneby. Eles o empregam como escritor e pesquisador “da casa”, para descobrir algo sobre a empresa secreta Headless Ltda. Mas essas empresas são criadas especificamente para ser inatingíveis, quase inexistentes. Pesquisá-las é um trabalho duro. Apesar disso, seus proprietários são reais, Como derrotar Joseph Seed, muitos deles legítimos homens de negócios. Médicos e dentistas americanos, por exemplo, muitas vezes registram seus consultórios em lugares como o Caribe para diminuir o risco de litígios. Corporações multinacionais também usam jurisdições “isentas de impostos” em locais como as Bahamas, escoando seus lucros para longe das mãos ávidas de governos mais gananciosos. Mas offshore também pode significar máfia russa, traficantes de drogas, lavagem de dinheiro, criminosos da internet, qualquer coisa. Realmente qualquer coisa. O romance de crime e mistério envolvendo a Headless Ltda., no caso, é sobre os segredos que estão por trás do nome da empresa e seu registro em algum lugar longe dos olhos de todos. O livro é sobre quem são seus proprietários e quem a controla, e o porquê de ela estar sendo violada (e por quem). ESET Smart Security Premium 11.0.159.0 Full Version “violada” porque passei a acreditar que há algo mais do que dentistas querendo escapar de processos. Trabalhei durante anos nesse ramo, e é inevitável esbarrar com o lado mais obscuro do negócio. Estou com a impressão de que há um mistério mais profundo aqui, algo sutil e potencialmente terrível. Admito que terei de investigar bastante para entender o que está exatamente em jogo aqui. Enfim, o que é Headless? Eis os fatos. Headless é uma empresa de negócios internacionais, registrada nas Bahamas Adobe Illustrator CS5.1 crack serial keygen pelo Sovereign Trust. Não há diretores registrados, o que não é comum. O escritor John Barlow descobre isso quando é enviado a Nassau pelos caras suecos com o pretexto de descobrir algo sobre a Headless. Digo pretexto porque, se você realmente quer saber algo sobre uma empresa offshore, não o chefe final de Far Cry 5 às Bahamas, você simplesmente analisa o impacto de suas atividades. Isso você pode fazer em qualquer lugar, ou, quiçá, em parte alguma. Mais uma coisa: os artistas Goldin e Senneby alegam que seu interesse na Headless remonta aos anos 30, a uma sociedade secreta de filósofos chamada Acéphale. Bem, minha intuição me diz que, se você está procurando empresas registradas em jurisdições mais frouxas, seu interesse provavelmente se voltará para as atividades atuais. E esses artistas, não percamos isso de vista, mandaram o escritor John Barlow para viagens de pesquisa a toda parte, em busca de Headless. O que ele deveria procurar? Uma sociedade secreta de 80 anos atrás? Eu não engulo essa. Normalmente, no offshore a parte oculta é algo sobre o qual você fica sabendo apenas o mínimo necessário. Você não faz perguntas que não precisa saber. Mas agora eu pergunto. O que é Headless? Por que existem outras pessoas interessadas nela? Quero saber todas as respostas, tudo o que há para saber sobre a Headless. Se a obra artística desses suecos ficar em meu caminho, azar o deles, Como derrotar Joseph Seed, pouco importa o que eles realmente estejam fazendo. Porque algo muito estranho está acontecendo aqui. E na próxima semana as coisas ficarão ainda piores. Vai acontecer um assassinato!

Goldin+Senneby Artistas participantes da 28ª Bienal de São Paulo. Ilustração: Johan Hjerpe

15


“Onde nada está em seu lugar, reina a desordem. Onde no lugar do desejo há o nada, reina a ordem” Bertolt Brecht

O “ranking” maldito Por Gilson Schwartz

Um doido armado com faca atacou vários cidadãos em plena luz do dia em Tóquio. Em São Paulo, mobilizando novamente o país numa onda de sensacionalismo em torno da violência, neste mês uma adolescente seqüestrada foi morta. Nos Estados Unidos ou nos países nórdicos, adolescentes com armas entram disparando em escolas, matando professores e colegas. Há algo de podre no Reino dos Consumidores. Especialistas de várias formações são chamados para preencher páginas e páginas de sensacionalismo entremeadas por ofertas – econômicas e políticas – de um mundo melhor. A crise financeira global e a recessão em curso aprofundam o desespero ético em que se re-trai a humanidade. Em Tóquio, no cruzamento mais “cidade suja” do mundo (no bairro de Shibuya), uma das milhares de lojinhas fixadas no subterrâneo da maior metrópole do planeta oferece aos milhões de adolescentes que cruzam sua esquina mais famosa – carregada de outdoors digitais — o acesso fácil, Como derrotar Joseph Seed, barato e glamouroso ao que se anuncia como os produtos mais procurados por homens e mulheres: “Ranking, ranqueen”.

Entrada de loja de produtos populares no Centro de São Paulo foto Amilcar Packer

Tudo isso gera empregos, renda, poupança e investimento, dirão talvez alguns leitores da obra “Freakonomics” (dos norte-americanos Stephen Dubner e Steven Levitt), que, diante do vazio planetário de valores comuns sustentáveis, tudo justifica pela lógica de ranking da economia de mercado. Mas, se a economia não funciona a contento, que “lógica” é essa cujo ranking leva apenas ao crash, à frustração, ao medo e à morte de si mesmo no desespero de acabar de uma vez por todas com a ameaça de encarar o Outro? Já não gritam mais pelas ruas que “um outro capitalismo é possível”. Mas dentro do próprio capitalismo não há outro; o Outro, apenas a repetição da morte empacotada para viagem, para presente, para consumir na própria loja, galeria ou museu? A lojinha em Tóquio, um pixel a mais nos bilhões de mensagens que circulam na hiperdigitalizada população urbana global, funciona como uma espécie de altar ao círculo vicioso de uma economia que não gera valores, mas apenas rankings. “Ranking, ranqueen” é um estabelecimento que seleciona e muda, toda semana, os produtos (tipo R$ 1,99) mais procurados pelos consumidores. Mas Como derrotar Joseph Seed são mais procurados porque são os que vendem mais ou são os que vendem mais porque nos dizem que são os mais procurados? Uma Bienal propõe o que há de mais relevante ou torna relevante o Nada a cada ranking da arte que propõe bienalmente? A massa dos consumidores deriva sua energia que entra e sai freneticamente das lojas, galerias, escolas e museus. Como os investidores que acompanhavam “racionalmente” o ranking de empresas,

28b -2+++++++ sexta-feira

16


bancos e nações produzido por agências que vivem do próprio movimento, a massa sabe muito pouco do que faz, pois acredita gozar ao se suicidar como cidadã. Proliferam misturas curiosas de hiperconsumismo e suicídio coletivo nos templos do novo capitalismo imaterial e global. Nesse reino de consumidores, o gozo é procurado com recorrência infinita, sem que nunca se saiba exatamente qual o sujeito e qual o objeto desses desejos. Um e Outro manipulados pelos ícones que simulam uma ordenação – em prateleiras coloridas ou salas de exposição – da arte que se supõe ser a mais consumível pelos “outros”. Há uma lógica especulativa nesse circuito classificatório de acumulação de capitais e gozos artísticos fictícios. Mas é uma lógica da morte, da fustração e do medo, no mínimo o medo de estar consumindo algo que já saiu da moda, que não foi consagrado pelos críticos de arte eles mesmos “rankeados”; medo análogo ao pânico financeiro de estar comprando uma ação na Bolsa que ninguém mais vai querer no portfólio. Valores? No reino do ranking, vale mais quem pensa e pesa menos, o chefe final de Far Cry 5, lógica suicida que de tempos em tempos vira desemprego, Como derrotar Joseph Seed, desespero, terror diante da angústia de não saber onde está o próprio desejo, que flutua como ruído branco numa sala vazia.

Источник: [arenaqq.us]
editar código-fonte]

Far Cry 5 foi anunciado em maio deem um momento de conflito político e ideológico elevado em todo o mundo devido aos acontecimentos políticos recentes, como a eleição de Donald Trump como presidente dos Estados Unidos e do início da retirada do Reino Unido da União Europeia. Muitos jornalistas opinaram que o conceito de narrativa de Far Cry 5, envolvendo temas de fanatismo religioso e do surgimento de movimentos políticos de extrema direita dentro das fronteiras dos Estados Unidos — ao contrário dos locais mais exóticos descritos em outros jogos da franquia — provavelmente tornaria o jogo altamente controverso no clima atual.[6][42][43] Esses jornalistas diziam que, devido ao longo ciclo de desenvolvimento, era improvável que a Ubisoft projetasse intencionalmente a narrativa do jogo em torno do clima político na época do anúncio, acrescentando que a Ubisoft tinha o cuidado de minimizar qualquer conexões percebidas para os eventos do mundo real da atualidade.[43][44] Respondendo às críticas, o diretor do jogo, Dan Hay, revelou que a história foi escrita para discutir as consequências de crenças e ideologias serem levadas à sua forma mais extrema do que como o chefe final de Far Cry 5 resposta a um determinado evento político.[45]

Após seu anúncio, Far Cry 5 foi objeto de uma petição on-line apresentada na arenaqq.us por indivíduos que se opunham ao que chamavam de retrato dos cristãos americanos como vilões e pedindo que os antagonistas do jogo fossem reformulados. A petição sugeria seguidores do Islamismo, membros de gangues do centro da cidade e outros antagonistas não-brancos como possíveis substitutos. A petição também sugeriu mudar a configuração do jogo para o Canadá.[46] A petição em si foi criticada por comentaristas da indústria que destacaram a exploração do jogo de seus temas como sendo necessária no clima social e político contemporâneo, e apontou para o jogo como um meio de comunicação e comentário social.[44][47] Algumas publicações questionaram a autenticidade da petição, sugerindo que ela poderia ter sido planejada como sátira.[47][48][49]

Após seu lançamento, contudo, muitos notaram que o conteúdo do jogo era, de fato, apolítico e "inofensivo", ao invés de engajar em algum tipo de crítica a sociedade. Ben Kuchera, da Polygon descreveu o jogo como uma "bagunça desafiadora e inofensiva", que "quer apelar para todos, mas acaba por não dizer nada".[50] William Hughes, escrevendo para o The A.V. Club, depreciativamente descreveu os vilões como um "mal facilmente digerível" deliberadamente criado para não ofender os jogadores de qualquer persuasão política.[51]

Comercial[editar

Daniel Simião3 PDF

Compreender Timor Leste


Understanding
Mengerti

1
Proceedings of Como derrotar Joseph Seed Understanding Timor-Leste Conference, Universidade Nasional Timor-Lorosa‘e, Dili, Timor-
Leste, O chefe final de Far Cry 5

Edited by Michael Leach, Nuno Canas Mendes, Antero arenaqq.us Silva, Alarico da Costa Ximenes and Bob Boughton.

This collection first published in by the Timor-Leste Studies Association (arenaqq.us)

Printed by Swinburne Press.

Copyright © by Michael Leach, Nuno Canas Mendes, Antero B, o chefe final de Far Cry 5. da Silva, Alarico da Costa Ximenes, Bob
Boughton and contributors.

All papers published in this collection have been peer refereed.

All rights reserved. Any reproductions, in whole or in part of this publication must be clearly attributed to the
original publication and authors.

Cover photo by Daniel J. Groshong/Tayo Photo Group (arenaqq.us)


Design and book layout by Susana Barnes

ISBN

2
Contents

Lia Maklokek – Prefácio – Foreword – Prakata 6

Hatene Timor Leste 8


1. Reforma Agraria no Modelu Dezenvolvimentu: Agenda IFIs ho Donor sira iha Pos- 9
Okupasaun Timor-Leste
Antero B. da Silva, Arsenio Perreira, David de Oliveira, Lucio J. Savio, Adilsonio da C. Junior no
Natalicio Nunes
2. Enerjia Alternativa: Opsaun viavel ba Politika Enerjetika iha Timor 16
Domingos Freitas
3. Polítika Komunidade no Harii-Dame iha Timor Leste 21
Alex Gusmão ho M. Anne Brown
4. Kódigu penál foun no nesesidade ba asesu legál ba terminasaun gravidés iha Timor-Leste 26
Suzanne Belton no Andrea Whittaker
5. Funu no Mudansa Klimatika iha Timor-Leste: Testamunha Pessoal 30
Antero Bendito da Silva

Compreender Timor-Leste 35

6. Dilemas identitários e fatalidades geopolíticas: Timor-Leste entre o Sudeste Asiático e o 36


Pacífico-Sul
Nuno Canas Mendes
7. O potencial de Timor-Leste na geopolítica da CPLP 41
José Palmeira
8. Reflexões sobre a Reforma dos Sectores de Segurança e Justiça em Timor-Leste 46
Luís Elias
9. O Contributo da GNR na Construção do Estado e da Segurança em Timor-Leste 54
Reinaldo Saraiva Hermenegildo
A realidade constitucional Timorense na relação com a alteridade 60
Ricardo Sousa da Cunha
Reciprocidade, reconhecimento e sofrimento: Mobilizadores políticos no Timor-Leste 66
independente
Kelly Silva
Os nomes dos Timorenses: Resistência à Indonésia Como derrotar Joseph Seed Construção de Identidade Nacional 73
Rui Graça Feijó
Igualdade jurídica e diversidade cultural: dilemas para a modernização timorense 79
Daniel Schroeter Simião
Trajectórias de Mulheres Timorenses em Portugal: Género e Transnacionalismo na 84
Diáspora
Sofia Miranda
As mulheres e a terra, uma leitura da situação em Timor-Leste 89
Vanda Margarida J. S. Narciso, Pedro Damião de Sousa Henriques
Tecendo margens no oceano Índico: Paz, Justiça social e Mulheres de Moçambique e 94
Timor-Leste
Teresa Cunha
Cooperação, Saúde Mental e Diálogo Cultural
Karina Oliveira
A adopção de uma plataforma de e-learning na Universidade Nacional de Timor-Leste
Sara Moreira, Francisco Restivo, Francisco Dionísio
A economia de mercado e o direito humano à água em Timor Leste
Manuel Couret Branco, Pedro Damião de Sousa Henriques
A Política Externa de Portugal para a PESC: o Caso de Timor-Leste
Reinaldo Saraiva Hermenegildo

3
Understanding Timor Leste

Writing History in post-conflict Timor-Leste


Michael Leach
Power-sharing in the Tropics and the ubiquitous ‘presidential drift’: the mechanics and
dynamics of unstable equilibrium in the ‘semi-presidentialism’ of East Timor
Armando Marques Guedes
National Identity in Timor-Leste: A Brief Comparative Study
Damien Kingsbury
Past, present and future: some critical perspectives on British government policy in
relation to impunity and justice matters in Timor-Leste
Paul Hainsworth
Challenging International Relations ‘Rationales’: Another understanding to Timor Leste
and Mozambique
Teresa Amal
Leaders, Lawyers & Lian Nains: Sources of Legal Authority in Timor-Leste
Andrew Marriot
Protection and Preservation of Cultural Property in the Event of Armed Conflict: the
journey of the Antoulas Collection ends in Dili
Symeon Antoulas and Como derrotar Joseph Seed Baxendale
Post-independence Timorese Literature and the Aesthetics of Accountability
Leigh-Ashley Lipscomb
The Rebellion in East Timor: Unresolved Tensions and an Unwritten History
Ernest Chamberlain
Democratisation and Timor Leste after UNTAET: Towards participatory intervention
Michael Morison
Eaton and White in Portuguese Timor: The first two Australian consuls, o chefe final de Far Cry 5,
Steven Farram
The Politics of Remembrance and Victims’ Rights in East Timor
Lia Kent
Reconstructing Timor-Leste: The World Bank’s Trust Fund for East Timor
Thomas W D Davis
East Timor a dependent State. What can we do for the Timorese?
J. A. Berlie
Navigating Intercultural Space: Land, Customary Law and the State in Australia and Timor-
Leste
David Mearns
‘Land reform’ in Timor Leste? Why the Constitution is worth defending
Tim Anderson
Use of Near Infrared Reflectance (NIR) Spectroscopy to Monitor Beef Cattle Nutrition in
Southern Queensland and Use of Faecal Chemistry as an Index of the Nutritional Status of
Bali Cattle in East Timor
Flaviano Soares, Gordon Dryden
‘Not with fear’: understanding the role of the Catholic Church in reproductive healthcare
in Timor-Leste
Esther Richards
Placing East Timor on the Syllabus: Pedagogical Strategies for Teaching East Timor in
University Level History Survey Courses
Michael Vann
Using talk in classrooms: constructing meaning
Marie Quinn
Young Women and gender dimensions of change in Timorese civil society
Ann Wigglesworth
The Importance of Outreach Birthing Services: Lessons from the Implementation of
Maternity Waiting Homes in Timor-Leste
Kayli Wild, Lesley Barclay, Paul Kelly

4
Understanding Timor-Leste – Adult and Popular Education

Ten Years On: Adult Education & Development in Timor-Leste
Bob Boughton
A comparison between popular education and a traditional adult literacy program in
Baucau District from to
Jorge Da Silveira Guterres
Amilcar Cabral’s pedagogy of liberation struggle and his influence on FRETILIN
Antero Bendito da Silva
Popular Education & Peacebuilding in Timor-Leste: Theoretical Foundations
Deborah Durnan
The significance of using the Cuban method in Literacy Learning
Zelia Fernandes
Collaborative evaluation of the English-language curriculum at Universidade Nacional
Timor Lorosa’e (UNTL)
Marcos Antonio Amaral, Roger Barnard, Jenny Field, James McLellan

Mengerti Timor-Leste

Analisis Komposisi Botani dan Komposisi Kimia Padang Penggembalaan Alam di
Pertengahan dan Akhir Musim Hujan Pada Dataran Tinggi dan Dataran Rendah di
Kapubaten Lautem
Brigida arenaqq.usa, Lucio Gomes Ligia arenaqq.usa, Joao arenaqq.us,
Mateus da Cruz, Armondo Afonso
Cakupan pasar daging sapi sekarang dan masa depan di Timor-Lesté: Studi kasus di
Covalima, Maliana, Ambeno dan Dili
Guilhermino da Cruz, Eduardo Aniceto Serrão, Maria Fay Rola-Rubzen, Armando B.M. Afons,
Richard S. Copland, Carlos Antonio Amaral
Analisis sistem pertanian di Distrik Lautem, Manatuto dan Aileu, Timor Leste
José Nelson Salsinha, Vicente de Paulo Correia, Carlito de Araujo, Maria Fay Rola-Rubzen, John A.
Janes, Julio Correia
Meninggalkan Politik Revolusioner demi Kemerdekaan Tanah Air Dampak Pendudukan
Indonesia pada Gerakan Kemerdekaan Timor-Leste
Nug Kacasungkana
International Tribunal Untuk Timor Leste
Clinton Fernandes

Online refereed papers

Analysing Timor-Leste Electoral Politics from a Socio-Economic Perspective


Akihisa Matsuno
Transdisciplinary Research: a new opportunity for understanding Timor-Leste
Sarina Kilham and Juliet Willetts
Ninjas in the night: fear, the state and the Catholic church in Timor Leste
Leong Kar Yen

5
Lia Maklokek – Prefácio – Foreword - Prakata

Papel sira inkluindu iha volume ne‘e ba dahuluk prezenta ona iha Timor-Leste Studies Association nia
konferensia: ‗Hatene Timor-Leste: Konferensia Peskiza ida‘, ne‘ebe organiza iha Universidade Nasional
Timor-Lorosae (UNTL) iha Dili, Jullu Delegasaun Timor oan no internasional sira atus ida
resin mak hato‘o sira nia hakerek durante loron rua resin. Karater distintu ida konferensia ne‘e nian mak
organiza iha lian hat: Tetun, Portugues, Indonesia no Ingles. Aprosimasaun ida ne‘e reflete diversidade
linguistika Timor-Leste nian, no la‘o ho suksesu. Volume ida ne‘e reflete aprosimasaun ne‘e.
Editor sira hakarak tebes hato‘o obrigadu ba Ministeriu Edukasaun, UNTL, Swinburne
University of Technology, Universidade Técnica de Lisboa, no Victoria University ne‘ebe posibilita
konferensia ida ne‘e. Ami partikularmente hato‘o obrigadu ba hakerek nain sira no hein katak volume ida
ne‘e sei asiste estudante no akademiku sira iha Timor-Leste, no sira seluk ne‘ebe iha rai liur, neebe
hakarak komprende diak liu tan susar oi-oin ne‘ebe hasoru nasaun foun ida ne‘e, no ninia emar sira nia
esperansa ba loron aban bain-rua nian.
*

As comunicações incluídas neste volume foram inicialmente apresentadas em Compreender Timor-Leste:


Uma conferência de investigação, organizada pela Timor-Leste Studies Association, na Universidade
Nacional de Timor Lorosa‘e (UNTL), em Díli, Timor-Leste, nos dias 2 e 3 de Julho de Mais de
conferencistas Timorenses e internacionais apresentaram os seus papers durante os dois dias. Uma das
características distintivas da conferência foi o facto de ter decorrido em quatro línguas: Tetum-Díli,
Português, Bahasa Indonesia e Inglês. Esta escolha reflecte a pluralidade linguística de Timor-Leste e
teve um grande êxito. Este volume, devidamente revisto por uma comissão de editores, espelha esta
orientação.
Os editores gostariam de agradecer ao Ministério da Educação de Timor-Leste, à UNTL, à
Swinburne University of Technology, à Universidade Técnica de Lisboa (e também à Fundação para a
Ciência e Tecnologia, no âmbito do projecto PTDC/CPO//) e à Victoria University por
tornarem esta conferência possível. Agradecemos em especial aos autores dos textos que agora se
apresentam e esperamos que este volume possa ser útil aos estudantes e académicos em Timor-Leste, e
também àqueles que, fora do país, desejam entender melhor os desafios que esta nova nação enfrenta e a
esperança do seu povo no futuro.
*

The papers included in this volume were first presented at the Timor-Leste Studies Association‘s
Understanding Timor-Leste: A Research Conference, held at the National University of Timor Lorosa'e
(UNTL) in Dili, Timor-Leste, July More than East Timorese and international delegates
presented papers over two days. One distinctive feature of the conference was its organisation into four
language streams; with papers presented in Tetum-Dili, Portuguese, Bahasa Indonesia and English. This
approach reflected the linguistic diversity of Timor-Leste, and proved a great success. This volume of
edited papers reflects this approach.
The editors would like to thank the East Timorese Ministry of Education, UNTL, Swinburne
University of Technology, the Technical University of Lisbon and Victoria University for making the
conference possible. Thanks also to Susana Barnes for assistance in the production of this collection. We
particularly thank the authors of these papers, and hope that this volume will assist students and
academics in Timor-Leste, and also those outside the country who wish to better understand the
challenges facing this young nation, and its people‘s hopes for the future.

Tulisan-tulisan yang dimuat dalam volume pertama ini sudah dipresentasikan oleh Timor-Leste Studies
Association‘s pada konferensi tentang memahami mengenai Timor-Leste: sebuah konferensi penelitian,
diselenggarakan di Universitas Nasional Timor Lorosa‘e (UNTL) di Dili, Timor-Leste, Juli
Kurang lebih delegasi O chefe final de Far Cry 5 dan Internasional mempresentasikan makalah lebih dari dua hari.

6
Karakteritik unik dari konferensia ini adalah diorganisir kedalam empat (4 ) bahasa: Bahasa Tetum-Dili,
bahasa Portugis, bahasan Indonesia dan bahasa Inggris. Pendekatan ini merefleksikan keanekaragaman
bahasan Timor-Leste, dan menunjukkan sebuah kesuksesan Pengeditan tulisan volume ini adalah
merefleksikan pendekatan Como derrotar Joseph Seed Para editor ingin berterima kasih kepada Menteri Pendidikan dan Kebudayaan Timor-Leste,
Universitas Nasional Timor Lorosa‘e, Universitas Teknologi Swinburne, Universitas Teknik Lisboa dan
Universitas Victoria atas penyelenggaraan konferensi tersebut. Kami secara pribadi berterima kasih
kepada para penulis makalah, dan diharapkan bahwa volume ini akan membantu pelajar dan akademisi di
Timor-Leste, dan juga yang berada di luar negeri yang ingin memahami lebih baik tantangan yang
dihadapi negara yang baru ini, dan harapan masa depan rakyatnya.

Michael Leach, Nuno Canas Mendes, Antero B. da Silva, Alarico da Costa Ximenes, Bob Boughton.

7
Buka hatene Timor Leste
Editor ba artigu lia-Tetum
Antero B. da Silva

8
1

Reforma Agraria no Modelu Dezenvolvimentu: Agenda IFIs ho Donor sira iha Pos-
Okupasaun Timor-Leste
Antero B. da Silva, Arsenio Perreira, David de Oliveira,
Lucio J. Savio, Adilsonio da C. Junior no Natalicio Nunes

Kampane kontra-revolusionariu forsas imperialistas nian konsegue manipula Uniao Democratica


Timorense (UDT), partido politika ida iha tinan hodi inisia golpe kontra FRETILIN neebe sai baze
ba invazaun Indonesia. Politika devide et impera no neo-kolonialismu ida nee halo hakiduk ba projeitu
politika FRETILIN (Frente Revolucionario da Timor-Leste Independente) nian hodi halo transformasaun
revolusionariu ba sosiedade Timorense. Invasaun Indonesia kausa ema mate hamutuk 1/3 husi
populasaun original Timorense neebe pelumenusiha tinan Arkivu sira FRETILIN nian
hatudu katak FRETILIN hakarak: ida, hetan independensia imediata ho objektivu halo destrusaun ba
sistema fascista no feudal hotu iha Timor-Leste; rua, hari estadu demokratiku popular ida hodi promove
sosiedade ida neebe justa no solidariu; tolu, aktivamente involve-an iha politika internasional ba
sosiedade progresivu ida no parte ba politika prevensaun sistema neo-kolonialismu no imperialismu.
Desde Indonesia invade Timor 7 Dezembrudekada rua tuir fali, Indonesia kompletamente
isola povu Timor. Komunidade internasional sira neebe ita rona beibeik, inkluindu kuaze nasaun Asiatiku
sira lubun neebe apoiu ba seria resolusaun ONU lubun kontra okupasaun ilegal Indonesia nian entre tinan
, iha parte ida no halo kompromisu ba sira nia prinsipiu iha politika real tanba sira nia relasaun
amizade, interese politika no ekonomia ho regime fasista Indonesian nian, iha parte seluk, o chefe final de Far Cry 5. Tinan s
resin, bain-hira ONU hahu halo intervensaun aktiva resulta iha referendo nian, lori tutan ba
restaurasaun independensia 20 Maioiha tempu neeba, membru orijinal FRETILIN nian neebe ita
bele bolu ‗the golden generation-jerasaun osan mean nian‘ hanesan: Presidenti Nicolau dos Reis Lobato,
Vicenti Maria Sahe Reis, Antonio Carvarinho Maulear, Rosa Muki Bonaparte, Hamis ‗Hatta‘
Bassarewan, Helio Pina Maucruma, Cezar Maulaca, Maria do Ceu Bilear, Ducle Cruz, Indonesia oho
hotu ona. Sira nia agenda progresivu hotu kuaze hakoi lakon ona. Oras nee dadaun Timor-Leste adopta
sistema multi-partidarismu. Politika neo-liberal nian presente hela iha modelu dezenvolvementu no
modelu reforma agraria iha Timor-Leste. Estudu ida nee iha parte balun sei re-afirma reklamasaun Prof.
George Aditjondro neebe hateten katak Timor-Leste muda ona husi ‗Okupasaun Indonesia ba kapitalismu
global.‘ Timor neebe foun, profundamente seidauk foun ida, revolusaun sosial no kultural sai nesesidade.

Regime UNTAET
Rejime UNTAET (The United Nations Transitonal Administration for East Timor), tuir Resolusaun
Konsellu Seguransa ONU nian NoComo derrotar Joseph Seed, hetan mandatu ba tinan tolu hodi suporta transisaun ida ba
independensia ho komponentes sira hanesan: a) komponente governansia no administrasaun publika,
inkluindu elementu polisial internasional ida ho kapasidade too 1, ofisiais; b) komponente asistensia
umanitaria ida no rehabilitasaun emergensia; c) komponente militar ida, ho kapasidade too 8, tropas
no mos observadores militares nian.‘ Resolusaun ida nee kontinua re-interpreta-tan iha Regulasaun
UNTAET No/1 kona Autoridade Administrasaun Transitoria iha Timor-Leste. Autoridade
UNTAET sai administrasaun interinu ida neebe akumula: ‗autoridade lejislativu no eksekutivu hotu iha
Timor-Leste, inkluindu administrasaun judisiariu, iha UNAET nia responsabilidade no exersiziu husi
Administrador Transisional nian.
Atu halao funsaun sira nee, Administrador Transitoria sei konsulta no koopera besik-liu ho
representativu Povu Timor nian. Karik Representante Espesial Sekretariu Jeral ONU nian Matebian
Sergio Viera de Melo husi Brasil no Sekretariu Jeral ONU nian Dr. Kofi Annan rasik, amigu povu Timor
nian no nasaun de sul sira, maibe bain-hira servisu iha sistema ONU nia laran ida neebe ONU no
Instituisaun Finansas internasionais sira sai osan moeda neebe mak sorin rua, Banku Mundial no Fundu
Monetaria Internasional nian iha kbiit boot tebes no halo sira sai protagonistas ba agenda rekonstrusaun
Timor nian, too loron remata, ita susar atu separa lideres ONU nian husi sistema sira nee, Como derrotar Joseph Seed. George

9
Aditjondro (), akademiku Indonesia nian neebe respeitosu tebes hatoo opiniaun kritika katak Timor-
Leste muda duni ona, maibe muda husi ‗okupasaun Indonesia, tama fali ba kapitalismu global.‘ Iha artigu
ida seluk Aditjondro hateten tan: ‗Timor oan sira sai dadaun bainaka iha sira nia rain rasik.‘ Iha fulan
Junu tinanUNTAET nia misaun remata ona. Involvementu direta multilateral ONU nian
transforma fali ba sistema ida seluk, ONU sai konselleru deit maibe sistema nee admite mos intervensaun
direita-politika bilateral ba jestaun no politika Ministerial Como derrotar Joseph Seed Republika Demokratika de Timor-Leste
nian. Ita sei hare karater anti-demokratika presente iha politika rai nian iha Timor-Leste.

Politika Rai no Bias neo-liberal


Ho konsellu USAID, o chefe final de Far Cry 5, governu FRETILIN estabiliza lei rai nian ida, RDTL () Law on land rights and
title restitution. Papel Politika lei nee ninian hateten katak iha pelumenusparselas rai nian iha
Timor-Leste tomak, menus husi 25% mak registradu ona. Maioria parselas rai sira nee nain ba rai-nain
tradisionais sira, barak liu mak komunidade nian. Entre parselas sira neebe rejistradu ona, maioria mai
husi periodu okupasaun Indonesia nian, no oi-tuan mak husi tempu Portugues nian.
Lei ida nee iha defisiensia rua; ida, reforma agraria, nasionalizasaun propriedade kolonial no
propriedade feudal-latifundiarios la mosu iha lei nee. Lei nee, nunee admite petty-burgeoise kolonial
tantu Portugues no Indonesia kontinua nain-ba rai sem justifikasaun se sira libre husi esplorasaun Arquivos Halo-Infinite-multiplayer-trailer ba komunidade orijinais sira. Rua, lei nee promove privatizasaun ba rai no rai sai
komoditas ekonomia hodi halo interkambio, faan no sosa. Konsekuentemente, o chefe final de Far Cry 5, sei admite kompania
transnasionais sira, hodi sai nain no kontrola rai no ekonomia nasionais Timor nian. Lei nee falta sentidu
prevensaun konflitu antagonistika entre ema riku no kiak, entre Timor oan no kompania internasionais
sira, no pelu kontraria, lei nee sei sai abut ba konflitu modelu ida nee iha futuru. Iha tinanUSAID
halo tan estudu komparativu ida hodi hili nasaun sira hanesan Albania, Rwanda, Tailandia no
Mozambique sai kazu estudus. Fraze primeiru reportazen ida nee lao nunee:‘ USAID define rai hanesan
mos (igual) sasan permanente ‗immovable property.‘Ida nee inklui rai no sasan permanente seluk iha rai
nee nia leten, hanesan edifisios, aihoris no dalan.‘ Reportazen kontinua reklama katak definisaun nee
konsistenti ho lei rai nian neebe promulga tiha ona no sai ona konsiderasaun iha Timor-Leste‘
Hafoin, lei nee imediatamente rejeita Modelu Politika Agraria Mozambique nian, neebe adminite
sidadaun individual sira atu sai nain ba uma neebe iha rai leten, no nunka nain ba rai neebe uma hari iha
nia leten. Papel politika ida nee cita mos Banko Mundial nia reportazen neebe dehan katak programa rai
nian iha Timor konsiste funsaun prinsipal rua administrasaun rai nian: rejistrasaun ba dereitu rai nian no
survei no mapping ba baliza direitu nain ba rai sira nee (RDTL ). Maibe, rekomendasaun peskiza
nee la konduz ho kultura Timor. Emar Timor sira iha neebe deit, sira nunka trata rai hanesan propriedade
individual, maibe sira trata rai hanesan patrimoniu komunidade nian, laiha ema ida mak nain ba rai no
maske regulo, liurai no lia-nain sira iha autoridade spiritual ba rai.
TinanUSAID apoiu mos peskiza rai nian ida seluk tan, KMSPico Windows 10 Activator [32-64bit] 2021 Free Download tebes, ninia resultadu publika
fali iha Abril 30, (USAID ) bain-hira Timor infrenta dadaun krise politika. Loron rua, antes
publikasaun nee, sidade Dili sai runranga hela tanba petisionariu F-FDTL nian. Publiku la hatene
reportasen USAID nian nee kona asuntu rai. Dokumentu ida nee sugere nesesidade atu hametin lei rai
foun nian neebe governa sistema propriedade, rejistrasaun rai no identifikasaun propriedade (hanesan
parselas rai nian, uma infra-estrutura produktivu, rekursu naturais hanesan ai-laran, peskaria no sst, iha
nasaun tomak nia laran). No rejistrasaun mak sai etapa primeiru atu fo titulu ba rai iha Timor-Leste.
Pelumenos osan US$10m mak sei aloka ba servisu nee durante tinan lima mai oin. Interesante tebes,
bain-hira, USAID konsegue involve Centro Nacional Investigacao Sientifico ho Acoustica Mixcraft Pro Studio Crack 9.0 Build 436 [Newest], atu hari
kapasidade instituisaun Timorense nian (USAID ). TinanUSAID lansa programa foun
hanaran: ‗hametin direitu ba propriedade iha Timor-Leste (Projeitu Ita nia Rai‘ our land‘ Project). Servisu
ida nee klasika tebes. Universidade Colombia iha Estados unidos da America hari nanis ona NGO ida
hanaran Belum (lia-fuan tetum neebe iha sentidu hanesan ho Kamarada), USAID fo apoiu finansieru
tomak no kamuflaze tiha nudar ONG (organizasaun Nao Governmentais Timor oan nian). Dala ida nee
USAID uza lia-fuan ‗Hametin Land reform and land rights-reforma rai no direitu ba rai (USAID ).
Reforma agraria tuir lojika liberdade individual atu sai nain ba rai no kreseimentu ekonomika, Modelu
Kapitalismu neo-liberal ninian. Sistema neo-liberal monu ona iha nasaun seluk, tanba falta baze etika no
hetan krise dadaun.

10
Iha Ermera, maske nunee, povu originais kafe nain sira balun kontinua resiste atu hetan kontrola
komunal-titulo tradisionais nian ba plantasaun kafe pelumenos hektares. Governor Celestino da Silva
mak inisia plantasaun kafe tinan s no inisiu tinan s ninian kauza deslokasaun komunidade
orijinais sira iha area sira hanesan Fatubesi no fatin seluk iha Ermera. Indonesia invade Timor, no
Generais Indonesia balun mak hari kompania ida hanaran PT. Salazar hodi halo business kafe nian no sira
trata Timor oan rai nain sira hanesan mos Portugues halo. Timor oan sira sai trabalhadores baratu nian.
Tinan s resin, NCBA (National Cooperative Business of America) hahu halo servisu ho governu
Indonesia no sira dezenvolve kooperativa boneka iha Ermera. Tinankomunidade sira okupa fali
plantasaun kafe no halo reforma agraria popular. Sira promove kooperativa hanesan dalan atu maneja sira
nia rai no kafe. Ohin loron, politika rai no lei neebe USAID no governu Timor halao dadaun prejudika
sira nia posisaun. Agrikultor sira hahu tauk, no laos imposivel, sei mosu konfrontasaun entre rai nain
orijinais sira no latifundiarios no korporasaun internasional sira.

Rai komunal no Kompleksidade iha Dili


Rai Komunal
Motaheen haleu ho foho kiik-oan sira iha area o chefe final de Far Cry 5 ila Timor nian, bain-hira Portugues muda husi Lifau
ba, iha tinan (De Moura p). Iha tinanmoris regulo ka Liurai ida naran D.
Alexandre, mak entre 42 regulos seluk neebe halo aliansa no deklara loialidade ba Portugues (Gunn
p). Reinu neebe besik liu mak Hera iha parte lorosae nian nian (Vaquinhas p). Eksiste
mos komunidade kiik balun iha area Motaheen nian mak Bebora, Camea, Metiaut no Tai-besi (Int. Coreia
13/04/), neebe ohin loron parte ba Dili. Motaheen nia populasaun hamutuk 1, ema iha tinan
(Vaquinhas p). Iha tempu neeba regulo mak iha kbiit spiritual ba rai. Ema hotu aksesu ba rai
hodi kuda aihan, hakiak animal, ema bele kaer ikan iha laguas sira no rai laos komoditas atu halo
interkambiu. Laiha mos rai mamuk ba sa rai hotu ema uza hodi kuda aihan, kasa, no hakiak animal. Dom
Alexandre hatudu fatin ba Governador Portugues nian hodi hela no fatin nee bolu Dili. Versaun istoria
oral ida dehan katak moris aidila neebe buras tebes. Husi aidila mak hamosu Dilly ou Dili. Tinan barak
Dili o chefe final de Far Cry 5 ho praca, fatin konsentrasaun militar nian husi posibilidade atakes Holanda no funu nain
husi reinos sira neebe la simu Portugues. Loron 28 fulan Novembru tinanDili nudar povoacao ida
neebe Portugues hasa‘e nia status sai nudar knua ida no tinan hirak tuir fali sai kapital Provinsia Timor,
hodi hetan kbit makaas liu Motaheen. Atu defende Dili husi atakes, Portugues forma bataliaun soldados
lokal ida neebe kompostu husi ema neebe nia regulo sira haruka no hela iha Dilly (Vaquinhas ). Dili
nia luan hamutuk Km2 ho populasaun pelumenosema, tinan
Antes primeiru Republikanu tinan iha Portugal (Hill p), reino sira hanesan
Motaheem no Hera, regulo sira mak kaer ukun submete tiha ona ba sistema Monarkia Portugues nian.
Monarkia Portugues kolekta taxa, konesidu ho regalo husi nia emar sira. Regalo nee lia-fuan Espanol nian
katak premio. Nee signifika katak komunidade no nia Regulo sira hatoo regularmentre regalo ba
Monarkia Portugues nian. Revolta kontra Portugues, tanba nee, mosu bebeik. Tinan resin funu
Kailako, s hahu nian, Dom Boaventura revolta hasoru Portugues nia ukun iha area tasi mane nian.
Iha Dili, Dom Antonio Ataede mak Regulo ba Motaheem nian. Portugues, posivelmente uza nia ho
Regulos sira seluk, hodi konvate revolta Dom Boaventura Como derrotar Joseph Seed. Regulo Antonio iha oan ida naran Mari
Ataide. Tanba nia la konsegue ona selu regalo neebe ikus mai bolu imposto-taxa personal ba Portugues
sira, nunee nia intrega rai Reino Motaheen nian ba Governo Portugues. Ikus mai rai sira nee transfere ba
elitos kolonial sira hanesan deportados no ema Xina sira nia liman. Komunidade orijinal,
konsekuentemente, lakon kontrola ba rai sira nee no sai fali auxiliarios, sai atan ba kolonial elitos sira
(Int. Correia 13/03/).
Knua Motaheen ou Mota-ain halo baliza direta mos ho Knua Bidau Manumeta iha parte Lorosae
no Dare, iha parte foho nian no Tibar parte loromonu nian. Mota mak fahe knua sira nee. Mota bidau
mak fahe Mota-ain no Bidau-manumeta. Mota-ain halo baliza ho Tibar neebe parte ba Ulmera. Knua tibar
kulturalmente kontrola ba area mota-Comoro nian. Ba parte sul nian, Como derrotar Joseph Seed okupa rai tetuk no Dare
mak okupa area foho lolon nian ba leten. Komunidade sira iha lei tradisionais nian neebe sai mata-dalan
ba sira atu respeita malu no respeita sira ida-idak nia area kontrola. (Int. Pereira 15/03 ; Correira
14/04/).

11
Formasaun klase: latifundiarios versus komponeses
Komunidade Malinamuk, neebe Indonesia sira ikus mai hanaran Kampung Baru antigamente parte ba
komunidade Tibar nian, area Reino Ulmera nian. Tinan s hahu nian, komunidade Malinamuk sira
moris husi hakiak karau, kultiva tabaku no hare, o chefe final de Far Cry 5. Mota Komoro mak sai baliza ba Malinamuk no Mota-ain
(arenaqq.usa 15/03/). Bain-hira, Republika Primeiru Portugues monu iha Portugal, tinan mai
oin, Antonio de Oliveira O chefe final de Far Cry 5, antigu Ministru Finansa Republika I nian hahu kaer ukun no estabiliza
Governu Fasista neebe hanaran ‗Ordem Novo-ordem foun.‘ Regime ordem Novo kontinua kaer ukun iha
Portugal too 25 de Abril Durante periudo Salazar nian, Governu Portugues halibur taxa personal,
imposto husi sidadaun sira neebe konsidera klosan ona. Tuir Abel dos Santos, Dosenti UNTL, kada
Timor oan neebe ho karater, pur exemplu, hakiak hasrahun, hatais kalsa ona, sira nee konsidera tinan boot
ona atu selu impostu (Sem. Maio ). Regulo (Liurai) sira neebe nia emar la konsegue selu sira nia
imposto, intrega sira nia rai ba Governo Portugues hodi sai toos ka natar governu nian. Formasaun klase
ekonomia nian hahu iha Dili. Governu Portugues intrega fali rai sira nee ba elitos kolonial nian, mestico
no Xina sira hodi maneja. Existe latifundiarios no Murodores-auxiliarios neebe mak halo servisu iha
agrikulu latifundiarios sira nian. Tentativamente, identifikadu ona katak familia sira neebe Governu
Portugues fo fiar sai latifundiarios mak Familia Carrascalao, Familia Alkatiri, Familia Albano no Xina
balun. Moradores ho auxiliario sira neebe servisu iha quintal latifundiarios sira nee, Liurai sira haruka
husi distritu sira iha Timor-Leste no balun komunidade orijinal iha area besik nian, hanesan Kasnafar,
Konsing Dare, Tibar no komunidade sira seluk iha Dili laran. Moradores sira nia servisu primaria mak
hein Palaco Governador nian, dada no hatun bandeira Portugues. Tuir fali, sira mos halo servisu hanesan
kamponeses iha latifundiarios sira nia quintal (Pereira 15/03/). Komunidade Makasae sira neebe hela
iha Qunital boot, mak ezemplu diak liu kona auxiliarios no muradores sira, neebe ita sei hare iha seksaun
tuir fali.
Joao Franscisco da Conceicao (65), Como derrotar Joseph Seed, Vitor Delegado Duarte (65) no Carlos da Costa Freitas (56
years old), residentes Delta-Comoro nian haktuir katak rai area Delta nian antigamente ai-laran fuik no
kulturalmente parte ba komunidade Mota-ain (Reino Motaheem). Familia Albano, mestico ida mak okupa
area nee hodi hakiak karau no halo toos e natar. Malae Albano la husu lisensa ba ema ida tanba rai nee
konsidera nain laiha. (Int. Da Conceicao et al 29/03/). Se nee los duni, maneira okupa rai sira nee
hanesan mos metodu okupasaun rai Aborjinais sira iha Australia. Ema Anglo Saxono sira konsidera
Australia hanesan terras nullis, rai nain laiha. Conceicao ho nia kolega sira reklama katak Malae Albano
ikus mai halo duni sertifikasaun ba rai hektares resin. Tinannia konsegue sertifika rai
agrikultura nian hektares. (Int. Da Conceicao et al 29/03/). Alem de familia deportados no
mestico Portugues nian, ema merkantilas (business nain) lao rai Xina sira nian mos okupa rai neebe boot.
Xinese sira nee balun mai husi Macao no Taipei. Sira balun hanesan prisoneirus no balun halai sai husi
sira nia rai mai Timor tanba rasaun seluk. Bain-hira regime anti-komunista Indonesian invade Timor, sira
halo masakre mos ba ema Xina sira barak tebes. Tinan Governu Portugues, no entantu, fo konese
sistema rejistrasaun rai Bulletim da Agraria. Xina sira mos halo sertifikasaun ba rai neebe sira okupa.
(Correia: 14/03/ ). Xina sira mos emprega Timor oan sira hanesan kamponeses iha sira nia Quintal
neebe sertifikadu ona.
Diagrama 1 mak lori ita atu
hatene oinsa prosesu
Kolonialista
distribusaun rai iha tempu
Portugues nia ukun.

Linea mutin hatudu katak


kolonialista mak hetan direitu
as liu hodi asesu rai.
Latifundeiros
Linea metan mak latifundeiru
sira ne’ebe hetan oportunidade
husi sistema kolonialista sira no
Povo rai nain hetan direitu hodi asesu ba rai.

Linea abu-abu mak rai nain sira


lakon direitu hodi asesu nia rai
rasik tamba hetan presaun
makas husi kolonialista sira.

12
Dislokasaun Komunidade orijinais no komunidade lao rai sira
Andre Correia hateten impostu mak sai dalan ida neebe elitos sira akumula rai komunidade nian. Sira
halo serfikadu no sai rai nain. Ema rai nain orijinais neebe hela hori-uluk kedan muda ba fatin seluk, ka
lakon sira nia karau han fatin, kesi kuda fatin tanba sira laiha sertifikadu. Poder politika no osan mak sai
meios ba kolonizasaun (Correia 5/14/). Lino Pereira, lamenta katak durante tempu Indonesia nian
mos, Governador Arnaldo dos Reis laiha politika ida atu distribui rai ba povu. Tinan resin, bain-hira
Mario Carrascalao, latifundiario ida nia oan sai Governador Timor-Timur nian, nia hahu hari sidade Dili
sai boot, kausa dislokasaun no eviksaun ba povu sira nia hela fatin. (Pereira 15/05/). Pereira rasik
hela iha rai neebe Carascalao sira mak halo tiha ona sertifukadu, no loron ida sira sei sai husi neeba.
Karik sira sei hetan kompensasaun ba uma no sasan sira iha rai laran, maibe sei lakon hela fatin ba tempu
naruk nian. (Pereira 15/03/).
Quintal boot konesidu ho komunidade Lian Makasae, mai husi Uato-Lari. Governo Portugues
hari kompania agrikulu ida naran SAPT (Sociedade Agricultura Patria e Trabalho) no kompania nee mak
kontrola rai neebe hanaran Quintal Boot. Nia istoria hahu nunee. Liurai ida naran Daramau Darloi iha
knua Osokailiku, area Uato-Lari nian.
Nia revolta hasoru Portugues, tanba lakohi ema iha nia reino selu imposto ba Portugues.
Portugues sira kaer nia no lori ba Dili. Hafoin, governador husu ba Liurai Daramau Darloi atu hili opsaun
rua: nia tama kadeia ou haruka nia emar sira atu servisu ba SAPT. Tinan Daramau Darloi aseita
haruka nia emar sira lao deit husi Uato-Lari mai hodi servisu ba SAPT. Ema foun sira nee halo servisu ba
SAPT iha Fatubesi, Ermera. Iha Dili, sira produz tejolo mean ba konstrusaun uma nian. Sira mos hahu
halo toos no hakiak animal iha area Fatu-ahi, Bedois, Madui (Beto). Bainhira militar Japonese sira invade
Timor, Daramau Darloi nia emar sira husik hela Dili temporaria no fila fali mai depois de funu hotu.
(Inter. Amaral et al: 4/4/). Bain-hira Indonesia invade Timor tinansira mos desloka hotu ba
ailaran, hafoin baze de apoio naksobu mak sira fila mai hela iha Quintal Boot. Indonesia sira kontrola fali
SAPT nia servisu sira liu husi kompania ida naran Pt. Salazar. Timor oan sira kontinua servisu hanesan
mao de obras baratu ou servisu hanesan kamponeses (buruh tani). Ohin loron sira kontinua hela iha
Quintal Boot maibe sira mos hahu tauk, se loron ida governu sei hasai sira husi neeba.

Reforma Agraria
Bain-hira FRETILIN hahu koalia reforma agraria iha tinanDom Joaquim Ribeiro, no Igreja
Katolika kondena FRETILIN implementa ideas komunista nian, maske nia mos hatene katak reforma
agraria nee sai mos espiritu Ensiklika Rerum Novarum, doutrina sosial Igreja Katolika neebe koalia kona
injustisa sosial no oinsa mak sai husi injustisa. Igreja Katolika nia oposisaun nee mak loke dalan mos ba
golpe UDT no okupasaun Indonesia, hodi oho povu Timor hamutuk rihun atus rua resin. Enkuantu lideres
FRETILIN sira hahu esplora ona kooperativu hanesan dalan ida atu manejia rai, neebe parte importante
ba reforma agraria. Vise Presidenti FRETILIN Nicolau Lobato hahu kooperativa agrikula iha Bazartete,
uza familia sira iha neeba nia o chefe final de Far Cry 5. Mari Alkatiri, Como derrotar Joseph Seed, membru familia latifundiario iha Dili, sai mos lider
importante iha FRETILIN hodi halo kampane ba transformasaun revolusionariu ida iha Timor-Leste.
Vicenti Sahe mobiliza nia emar sira halo kooperativa iha Bucoli, Baucau. Kooperativa hahu lao iha fatin
barak iha Timor-Leste tempu neeba. Bain-hira Indonesia invade, FRETILIN mobiliza povu halo
resistensia, proklama independensia 28 Novembru no ikus mai obriga Indonesia sai husi Timor liu
husi Referendu tinan Tempu ida nee, Dom Carlos Filipe Ximenes Belo no Mgr. Basilio do
Nascimento, Timor oan nain rua mak sai lider Igreja Katolika o chefe final de Far Cry 5 no sira hotu servisu makaas ba Timor
nia independensia. Maibe, reforma agraria kontinua sai kestaun.
Xinese ida naran Chiuncai okupa no sertifika rai iha area Bidau Manumeta, o chefe final de Far Cry 5, Kamea no Bekora
nian. Indonesia sira hakarak hari hospital no uma ba membru Parlamentu Lokal (DPRD) sira iha area
neebe nia okupa, no konsidera ninian, nunee nia sai husi neeba. Chiuncai distribui rai balun ba Timor oan
sira neebe servisu ho nia tinan barak, maibe sira laiha sertifikadu. Joao Almeida, Liurai ida iha Bidau
Manumeta nian hetan mos rai husi Chiuncai iha area tasi, Santa Ana nian. (Int,Soares 26/04/). Istoria
ida nee indika katak Chiuncai, Xinese nee emprega Timor oan sira iha ninia kintal no nia fahe duni rai ba
sira maibe laiha seguransa, tanba sira laiha kontrola ba rai. Ema rai nain orijinais sira mos lakon ona
kontrola ba rai, no loron ida sira mos sei bele sai husi neeba, Como derrotar Joseph Seed. Urbanizasaun hahu kedan desde Portugues
nia ukun, aumenta iha Indonesia nia okupasaun no sei kontinua ba futuru. Rai kontinua sai asuntu neebe
kompleksu tanba, nain ba rai muda husi rai komunal komunidade nian ba latifundiarios sira iha Portugues

13
nia ukun no ikus mai faan rai ba Estadu Indonesia. Dalan oinsa mak ita bele hetan solusaun ida neebe
duru ba kestaun rai iha Timor-Leste?

Modelu Reforma Agraria: Opsaun ba diskusaun


Ida, United States Agency for Development (USAID) mak defini politika no lei rai nian desde
Modelu resolusaun afavor privatizasaun rai no rai sai komoditas ekonomia. Ema individual sira bele halo
sertifikasaun no komersializa rai tuir sira nia kbiit. Modelu ida nee sei fo vantagem ba latifundiarios
neebe benefisia husi kolonizasaun Portuguese, no okupasaun Indonesia, atu kontinua sai privilijiu ba rai
iha Timor-Leste. Iha posibilidade sei mosu konfrontu entre antigo latifundiarios sira no komunidade
orijinais sira neebe okupa fila ona sira nia rai. Modelu ida nee sei mos loke dalan ba sistema
korporatismu, katak ukun sei hadulas iha ema oit-uan neebe kaer mos poder ekonomia hanesan nain
kompania privadu no kompania internasional sira hodi akumula rai. Modelu nee sai ona kausa ba
probreza iha fatin seluk, sei sai mos kausa ba pobreza no konflitu ba tempu naruk iha Timor-Leste.
Rua, Como derrotar Joseph Seed, Modelu reforma agraria seluk mak nasionalizasaun. Timor-Leste ukun-rasik-an ona. Politika
estratejiku ida mak rai no riku soin hotu sai patrimoniu estadu nian, maibe komunidade mak maneja,
katak la elimina direitu komunal povu nian. Iha sistema multi-partidario, dalabarak politika sira nee laos
resultadu konsensus nasional, tanba nee bain-hira Partido neebe ukun, se nia politika afavor sistema
korporatismu; ema business nain sira mak kaer estadu, hanesan iha Estado Unidos da Amerika oras nee
dadaun, mak estadu bele sai fali esplorador ba nia povu. Nesesita Constituisaun no lei ida neebe la
admite atu rai sai komoditas ekonomia, la admite atu ema faan no sosa rai, maibe bele admite ema atu
halo negosiu ba sasan sira neebe hari ou kuda iha rai leten.
Modelu 3 mak, reforma agraria popular. Komunidade no estadu servisu hamutuk halo
identifikasaun ba komunidade orijinais sira, atu re-afirma sira nia identidade ba rai, hanesan abut spiritual
ida. Komunidade orijinais refere ba konseitu kolektivu, laos individual hanesan ‗regulo ou liurai‘ neebe
kaer ukun, maibe hanesan komunidade local neebe kulturalmente no geografikamente o chefe final de Far Cry 5. Bain-
hira identifika hotu komunidade orijinais sira, hafoin halo debate ho komunidade sira mak defini sira nia
relasaun ho estadu no oinsa mak manejia rai iha futuru. Rai, bele sai patrimoniu kolektivu estadu no
komunidade no komunidade mak halo jestaun ba rai. Membru individu sira bele uza rai maibe la admite
sira atu faan rai ou sosa rai. Bain-hira estadu presiza rai iha fatin ruma, estadu bolu atensaun komunidade
lokal kona intensaun nee. Estadu no komunidade mos tenki aseguru atu nia sidadaun hotu iha aksesu ba
utiliza rai. Modelu ida nee, talves, difisil maibe laos imposivel, no presiza diskuti atu aplika iha area Dili,
sei posivel liu atu aplika iha distritu sira neebe aliansa komunidade sei makaas. Modelu hanesan lao ona
iha O chefe final de Far Cry 5 Salomon nian iha Pasifika neeba.

Iha Dezeñu Diagrama (II),


Estadu lori ita atu komprende
modelu alternativu ba
distribuisaun rai iha Sidade
Dili no teritotiu Timor
tomak, Como derrotar Joseph Seed. Iha diagrama ne’e
hamosu kontratu sosial
Komunidade entre sosiedade no Estadu.
Rai Nain

Figura 2: Modelu Reform Agraria Popular

Hat, reforma agraria nesesita mos transformasaun natureza estadu kontenporania nian. Adriano Sella
() husi Brasil haktuir katak Estado Sosialista real monu ona iha Rússia tinanrasaun ida
mak tanba estado trata sidadaun sira hanesan trabalhadores estadu nian. Maibe Timor la implementa
estadu sosialista real. USAID nia intervensaun ba politika Raí no lei Raí nian iha RDTL hatudu karater
estado neo-liberal, tanba iha tempu naruk politika nee nia objektivu mak hamenus Como derrotar Joseph Seed estadu hodi

14
fo apoiu ba merkadu tantu kompania individual ou korporatismu. Adriano Sela () hateten mos katak
estadu neo-liberal monu ona tanba nia orienta ba lukru merkadu no lakon baze etika atu eksiste. Estadu
neo-liberal kria mos esklusaun sosial, klean entre ema riku no kiak, entre nasaun boot no nasaun kiik-sul
nian, nunee estadu neo-liberal profundamente nesesita transformasaun. Hafoin, desde revolusaun
industria iha Inglaterra resin, estadu hotu iha mundu la fo atensaun ba meo-ambiente, tanba nee mak
mosu funu no destrusaun masal ba ekolojia mundu nian. TinanKdadalak Sulimutuk Institute ho
NGO Fórum kria debate kona Modelu Estadu Neo-solidaria, neebe Adriano Sella hatoo hanesan
alternativu ba Modelu Sosialista real no Modelu Estadu Neo-liberal. Estadu neo-solidaria nia baze etika
mak: humanidade no ekolojia. Katak estadu neo-solidario orienta ba humanizasaun sosiedade no
rehabilita no proteza meo-ambiente iha nasaun no iha mundu rai-klaran. Estadu neo-solidaria fo
importansia ba Estado no Sosiedade sivil, inkluindo komunidade lokal no organizasaun popular sira atu
sai agenta ba transformsaun no dezenvolvementu, no elimina sistema merkadu kapitalismu nian (Silva et
al DaVinci Resolve Studio 17.1 Crack Archives, George J.Menyonsong Matahari terbit di puncak Ramelau, Yayasan HAK dan Fortilos, Jakarta
Indonesia.
Aditjondro, George J.East Timorese becoming guests in their o chefe final de Far Cry 5 land, The Jakarta Post. 2 February
Aditjondro, George J.Timor Lorosa'e's transformation from Jakarta's colony to a global capitalist outpost, The
Jakarta Post, December
Gunn, Geoffrey C.Timor-Lorosae: years, Livros de Oriente, Macau.
Hill, Helen M.Gerakan Pembebasan Nasional Timor-Lorosae, Yayasan HAK dan Sahe Institute for
Liberation, Dili.
Moura, Arthur Alves deSaneamento de Dilly (Drainage of Dilly), Africa Medica, Lisbon, Portugal.
RDTL-USAidReport on Research findings, policy options and recommendations for a law of land rights and
title resitution, Dili, Timor-Leste.
RDTLConstitution, Dili, Timor-Leste
RDTLLaw on land rights and title restitution, Dili, Timor-Leste.
RDTLLand administration in East Timor, Ministry of Justice, Timor-Leste.
Sella, AdrianoGlobalizacao e exclusao social, Sao Paolo Publication, Brasil.
USAidUSAid land law program II Timor-Leste: Final Report, July
Vaquinhas, J.S (), De O Macaense, Macau,Volno (06/03/)

Web-sites:
arenaqq.us?OpenElement
arenaqq.us
arenaqq.usal-
arenaqq.us(httpDocuments)/00FF80CBCCDCDA56/$file/ARD
arenaqq.us
arenaqq.us
arenaqq.us
arenaqq.us

Intervista:
Andre correia, Fatuhada Aldeia Behoris 05 Dili,14 March
Lino Pereira, Kampung Baru, 30 August
Da Conceição, Joao, Kampung Baru, 14/03/
Amaral Adolfo et alQuintal Boot, 4 April ,
da Costa, Armindo, Aldeia Kakeu Laran, Becora 23/03/
Antonio Freitas Soares (54) is the Head of Toko Baru, 3/
Da Conceicao, Joao Franscico et al, Delta, 03/

15
2

Enerjia Alternativa: Opsaun viavel ba Politika Enerjetika iha Timor


Domingos Freitas

Impatu negativu enerjia konvensional ba meo-ambiente no krije enerjia sai preukupasaun nasaun hotu iha
mundu no ba nasaun Timor-Leste. Tanba nee, Estadista sira no Povu Timor presiza imajinasaun no tenki
buka opsaun neebe bele fornese energia ida sustentavel ba AutoCAD 2021 Keygen Archives naruk nian. Iha hakerek ida ne‘e
konseitu enerjia refere liuliu ba enerjia ne‘ebé bele fornese eletrisidade. Artigu nee tenta, primeiru, atu
hatoo defeitus sistema enerjia konvensional. Segundu sei koalia konaba enerjia alternativu no esforsu sira
neebe lao dadaun iha Timor hodi responde ba defeitu sistema enerjia konvensional. Ami sei presenta mos
kona oinsa konstruui Micro-hydro power, nebe kontrusaun pilotu lao dadaun ona iha Bercoli, Baucau.
Sistema enerjia konvensional infrenta dadaun krise. Primeiru, ema produz eletrisidade ne‘ebé
fornese husi forsa makina gerador eletrisidade natoon no mega-enerjia nuklir sira ne‘ebé utilija mina rai,
gas, gajoel ka gajolina hanesan rekursu prinsipal, nebe susar atu produz enerjia maibe loron ida sei hotu.
Bain-hira, rekursus ne‘e hotu mak ita sei infrenta difikuldade bo‘ot liu-tan iha futuru. O chefe final de Far Cry 5, mundu
hasoru dadaun problema neebe mosu tanba defeitu enerjia konvensional no industrializasaun en jeral.
Enerjia ne‘ebé mai husi rekursu mina rai hamosu gas karbon dioksida-foer ne‘ebé maka‘as, estragu ozone
layer neebe kompostu husi Oksigente produz husi ai-horis sira no lokaliza entre Loron no Mundu. Ozone
layer mak tahan netik ultra-violeta-loro-manas, atu la kona direita mai iha mundu rai-klaran. Ozone layer
mohu dadaun ona, o chefe final de Far Cry 5, no iha ona kuak boot, ema kontinua tesi aihoris sira no halo rai manas aumenta tinan
ba tinan ne‘ebé ema bolu ‗global warming-manas global‘. Industria no transportasaun sira hanesan
aviaun, o chefe final de Far Cry 5, kareta no sst, mak kontribui makaas ba destrusaun ozone layer. Rai balun iha pasifika, tasi-ben
sae makaas komesa hakoi sira, tanba efeitu manas global ne. Udan ben laiha no mudansa klimatika afeta
agrikultores Como derrotar Joseph Seed iha nasaun hot-hotu. Tanba nee fulan Dezenbru tinano chefe final de Far Cry 5, lideres nasaun hotu halo
enkontru boot iha Copenghagem hodi buka solusaun global ida hodi hadia ita nia sistema moris nian.
Infelismente, kestaun politika sei dominante liu, duke kestaun etika, no sira la konsegue sai ho resolusaun
ruma neebe fundamental. Enkuantu, nasaun sira avansadu neebe mak estragu makaas zone layer, tanba
sira nia industria boot barak, sira mos agora dadaun buka no desenvolve hela enerjia alterntiva.
Polusaun sira neebe produz husi enerjia konvensional no industria halo mos komunidade tauk
tanba, polusaun estraga be, tasi, rai no anin no ema nia saude. Organizasaun Saude Mundial (WHO) halo
estimasaun quase 70 porsentu populasaun mundial ne‘ebé moris iha sidade bo‘ot respira anin foer. Ema
nia saude, liu-liu ema tokon ba tokon ne‘ebé hetan sofrementu moras, nomos hamate ema. Moras sira
ne‘ebé mak ejisti hanesan; TBC, penemonia, bronchitis, emphysema, asma no moras respirasaun sira
seluk tan.
Infelismente, sistema enerjia Timor nian sei dependenti ba sistema enerjia konvensional. Timor
mos infrenta dadaun problema sira neebe ita temi ona. Hafoin, sistema enerjia sei konsentra deit ba iha
sidade: Distrito, no Sub-distrito balun mos enerjia eletrisidade seidauk to‘o ba, no area rural sira susar liu
tan. Tanba ita kria ona hanoin ida katak sistema enerjia mai husi generator sira, klaru komunidade hela
iha rural hein nafatin wainhira mak enerjia eletrisidade tama ba iha sira nia knua. Fator susar asesu ba
enerjia eletrisidade balun mak: menus estudu neebe klean no terenu ita nia rain neebe la admite atu halo
distribuisaun enerjia Minecraft Gift code (ONLY 1 PC CAN ACTIVE THIS) crack serial keygen ba area rural hotu. Atu response ba nesesidade enerjia mak governu
RDTL halo politika enerjia ona, maibe opsaun balun fo risku aas-liu; Primeiru, kontinua sistema enerjia
konvensional neebe existe ona. Opsaun ida nee inkluindu hari enerjia konvensional neebe boot liu mak
hanesan enerjia nuklear, uza oliu pesadu. Governu hahu ona projeitu nee sem estudu nebe klean. Agora
dadaun kompania Xina nian mak kontrui hela projeitu oleu pezado iha fatin tolu; parte Dili iha Hera,
Manatuto no Maliana. Maibe, enerjia nuklear nia risku ambiental no umanu makaas tebes, no bain-hira
makina at, susar ba ita atu hadia. Politika implementa enerjia oliu pezadu mos kontradiz ba normas
internasional sira neebe ita ratifika ona hanesan Kyoto Protocol, neebe parte ba Timor-Leste nia
kontribuisaun atu luta kontra Global Warming.
Opsaun seluk neebe governu halao dadaun mak diversifika sistema enerjia neebe involve
promosaun ‗sistema enerjia alternativa.‘ Enerjia Alternativa mak enerjia ne‘ebé mai husi rekursu naturais
ka o chefe final de Far Cry 5 bolu enerjia sustentavel tamba la depende ona ba mina rai. Enerjia alternativa mak enerjia

16
eletrisidade ne‘ebé bele produz husi anin, be, loron-manas, lalora-tasi, biogas-animal nia restu, ka seluk-
seluk tan ne‘ebé ema konverte ba enerjia hanesan enerjia eletrisidade. Enerjia alternativu ema bolu mos
clean energy tamba la estraga meiu ambiente nomos laiha impaktu negativu ba ema nia saude. Iha nasaun
barak ema hahu dadaun uja enerjia alternativa tamba diak ba meiu ambiente no la fó impaktu negativu ba
sidadaun sira nia saude. Eis-Vise Presidenti Amerika Algore halo intervista ida iha televizaun GMA fulan
Outobru katak tinan lima mai oin, Xina sei sai nasaun ida neebe produz enerjia alternativu boot liu
iha mundu. Governador Schwarzenegger hakarak halo Estado California iha Amerika sai % uza
enerjia solar, loron matan nian (Poelamann ). Australia hari ona enerjia loron matan boot ida ho
ninia potensia megawatts fornese enerjia eletrisidade ba uma kain Iha mundu tomak,
instalasaun sistema enerjia solar haksoit husi 6, megawatts tinansai ona ba 15, megawatts
tinan Nasaun sira neebe dezenvolve makaas sistema solar mak Japaun, USA, Alemanha, no tinan
hirak ikus nee dezenvolve makaas mos iha Xina, Taiwain, Filipinas, Korea de Sul, no Unidos Arab
Emirates. Rai sira Europea nian dezenvolve makaas wind power, enerjia anin nian, o chefe final de Far Cry 5. Holanda konesidu ho
wind turbin hodi produz enerjia, Como derrotar Joseph Seed. Estado Texas iha Norte Amerika, antigamente konesidu ho produz
minarai, no oras nee sira dezenvolve ona enerjia anin nian. Texas produz 8, megawattts wind power
no tinan hirak mai Texas sei produz 53, megawatts hodi admite nia sai exportir ba elektrisidade.
Timor riku tebes ho rekursu naturais neebe iha potensia maka‘as atu produz enerjia alternativa.
Interesante tebes ita nia Governu estabiliza Sekretariu Estadu ida ba enerjia alternativa, no dehan katak
halo dadaun ona peskiza atu diversifika sistema enerjia Timor nian. Kompania Portugues Martifer neebe
halo ona survei desde tinankonklui katak Timor potensia ba ‗hydroelectric, wind (anin), biomass,
geothermal, solar (loron), biogas no renewable fuels.‘ Desde Indonesia nia ukun, Timor oan sira mos
konese ona solar system tanba ita la kuran loro-matan. Enerjia alternativa mos biban atu fornese
eletrisidade ne‘ebé ho kapasidade bo‘ot no nato‘on atu hatan ba necesidade komunidade nian ba naroman
iha kalan, halao industria ruma uma-kain nian, no seluk-seluk tan iha area rurais. Se karik Governu halo
investimentu makaas liu-tan ba iha enerjia alternativa hirak ne‘e sei fó benefisiu ba komunidade lokal
liuliu bele fó servisu ba Timor oan barak hodi hamenus desempregu, o chefe final de Far Cry 5, no estimula ekonomia povu kiik nia
moris, sei o chefe final de Far Cry 5 enerjia nebe sustentavel ba ita nia rai, no sei mos amizade ba meo-ambiente, ka ita nia
ekolojia.

Projeitu Pilotu Micro-Hydro power


Tanba enerjia alternativu sai asuntu estratejiku ida ba ita nia nasaun, fulan Marsu tinan alumni
Eskola Tecnica, UNTL (Universidade Nacional de Timor-Lorosae) nian lubuk ida halibur malu hodi tau
lisuk ideias, dezenvolve konseitu hodi hari‘i organizasaun nao Govermental ho naran Grupu Partisipa
Desemvolvimento Teknologia Apropriada (GP DELTA). Misaun GP-DELTA nian fo kontribusaun ba
dezenvolvementu nasional Republika Demokratika de Timor-Leste liu husi peskiza de asaun iha area
teknolojia alternativa, inkluindu enerjia alternativa. Aktividade sira mak halo advokasia ba utilijasaun
teknologia apropriada, estudus, konstrusaun, no trainamentu iha area neebe refere. Membru inisiu sira
ne‘ebé hamosu ideias hari organizasaun ne‘e hamutuk nain sia, no oras ne‘e membru ativu hamutuk ema
nain Membru sira ne‘e mai husi konesimentu disiplina siensias oin-oin, barak liu mak mai husi
alumni departementu teknika mesin, alumni Departemento Eletrisidade, alumni departementu Biologika,
alumni Fakuldade Agrikultura, no balun agora dadaun sei estudante ativu iha Universidade.
Atividade primeiru mak, GP-DELTA servisu hamutuk ho Peace and Conflict Studies Centre,
UNTL nian halo ona peskiza kona Energia Alternativa Ba Pas Iha Timor-Leste, atu identifika nesesidade
ba enerjia, aumenta konesementu povu nian no potensia enerjia alternativu iha komunidades remotas sira.
Aproximasaun peskiza nee mak, peskiza de asaun, identifika nesesidade no tenta buka solusaun kedas ba
nesesidade sira ne, liu husi introdusaun projeitu pilotu. Metodu neebe uza mak intervista (grupo no
pesoal), halo survey, no audensia ho lideranca komunitariu, juventude, negosiante, agrikultor, funsionario
publiku no privadu, offisiais siguransa nian, estudantes no hari mos projeitu pilotu Micro-hydro power
nian ida iha Bercoli, Baucau. Fatin peskiza sira mak Distrito Baucau: Suco Gariuai, Berkoli (Uma-Ana-
Ulu ho Uma-Ana-Iku), ho Loilubu (Uatulari/Osokeli, Loilubu) hahu iha periodu Outubru – Novembru

Peskiza nee identifika ona katak; ida, komunidade iha Timor-Leste seidauk hatene konseitu
energia alternativa. Maske iha Loilubu, Gariuai no Berekoli ema uza ona solar cell, no iha Gariuai
Maukale iha ona hydropower, populasaun barak nebe mai tuir audensia ne labele defini: saida mak

17
energia alternativa no tanba sa mak enerjia alternativa importante ba Timor? Iha populasaun pelumenus
4% deit mak bele fo definisaun no hatene katak rekursu rai laran hanesan anin, be, loron manas, no seluk-
seluk tan bele konverte ba energia alternativa. Dadus ne hatudu katak komunidade hein los deit
eletrisidade husi gerador, tan komunidade sempre hanoin katak energia nee karu, tan ne estadu deit mak
bele fornese. Mosu mentalidade dependenti ida ba enerjia konvensional no ba estadu. Segundu, maske
ejemplu kona energia alternativa barak ona; hanesan solar sel maibe komunidade barak mak seidauk bele
utilija tamba sasan atu halo solar sel ne karun. Komunidade mos kompriende katak solar sel ida so ba
uma ida deit no forsa energia nebe fo kiik liu tan ne laiha esforsu atu uma kain rua ka tolu tau osan
hamutuk hodi sosa ka liga eletrisidade iha uma utilija solar sel ne. Tolu, besik ema hotu-hotu iha area
Loilubu, no Berekoli nunka iha eletrisidae iha sira nia uma. Ema oituan deit mak bele sosa gerador maibe
barak mak uja kuandu iha selebrasaun ruma ka estilus ruma. Ema labele uja loro-loron tan folin mina
nebe karun no folin makina nebe mak aas. Too oras nee besik 90% populasaun inklui sefe suku sira
seidauk hatene ka halo planu ruma atu eletrisidade tama iha suku laran. Komunidade balun triste tamba
sidade boot sira agora iha eletrisidade barak nebe ema bele uja ho gratuita no lakan kapaas iha fatin hotu
iha sira nia uma, maibe iha suku hirak ne laiha eletrisidade. Komunidade hirus liu tan, bainhira koalia
kona promesas barak mak sira rona iha kampane eleisaun nian iha sira nia suku inklui katak eletrisidade,
estrada, no selu-seluk tan atu tama iha sira nia suku maibe too oras ne laiha relidade. Hat, enerjia
alternativa; objetivu peskiza nee mos mak atu informa kona-ba enerjia alternativa nebe iha, vantagem,
desvantagem, ba komunidade. Tuir dadus ne‘ebé ami kolekta katak iha Gariuai 40% hetan eletrisidade no
suku seluk 97% laiha eletrisidade. Suku hotu iha solarsel ne‘ebé iha centro do suco no hydropower iha
Maukale. 4% audensia bele fo definisaun konaba energia alternativa. Komunidade iha potensia rekursu
naturais lokal ne‘ebé, se ita explora mak 60% populasaun iha area Loilubu ho Berekoli bele asesu ba
eletrisidade alternativa. Fatin sira ne‘ebé ami visita, komunidade deklara katak Como derrotar Joseph Seed lahatene planu
programa governu nian atu eletrisidade tama iha sira nia suku no sira mos la konese sistema enerjia
alternativu.

Konstrusaun Micro-Hydropower
Micro katak kiik-oan. Gydro katak be. Power katak kbit. Micro-hydro power katak sistema enerjia neebe
produz husi be neebe kiik-oan, natoon deit. Basea ba resultadu output Micro-Hydropower bele hasai forsa
enerjia eletrisidade:
Hydro-Bo‘ot: Bo‘otliu Megawatts.
Hydro-Medium: entre15–Megawatts.
Hydro-Ki‘ik entre 1–15 Megawatts.
Mini-hydro: Forsa Liu kW, maibe menus 1 Megawatts;
Micro-hydro: Resultadu Output hahu husi 5kW to‘o kW;
Pico-hydro: Hasae forsa entre atus watt to‘o 5kW.
Baibain ema uza be hodi fornese eletrisidade ba komunidade ne‘ebé ki‘ik, bele ba komunidade ne‘ebé
hela iha area rutal ne‘ebé susar liu hetan enerjia. Faktor importante uza Micro-Hydropower mak: 1) La
iha impaktu negativu ba meiu ambiente (Clean Energy); 2) Enerjia renovabel, katak bain-hira be kontinua
moris, nia sei kontinua fornese enerjia. No enerjia mos lahamenus forsa be; 3) Fasil halo operasaun
hanesan iha base load nomos peak load (bele lalais atu taka/loke); 4) Kustu operasaun ladun karun
maibe bele uza kleur (Long Life); Kustu orsamentu pelumenus: $ $; 5)Diak ba iha area rural
sira; 6) Fasil no bele halo mesak iha Timor wainhira sasan balun aat bele halo rasik; 7) Hamenus
dependente ba mina kombustivel.
Hare husi vantajem sosial, o chefe final de Far Cry 5, ambiental no ekonomia uza forsa enerjia Micro-Hydropower bele
hetan resultadu ne‘ebé diak kuandu hahu ho plano, liuliu involve komunidade sira iha rural hodi proativa
iha kontrusaun nomos manutensaun projeitu. Vantajem Mirco-hydro power seluk mak hanesan:
Off-grid: Resultadu forsa ne‘ebé uja ba komunidade ne‘ebé hela besik hasai forsa ki‘ik nomos
distribuisaun komersial EDTL labele to‘o ba. Operasaun ba makina no halo manutensaun bele
oferese direitamente ba autoridade suku liu husi hari grupu ka kooperativa komunidade nian.
Komunidade ne‘ebé uza enerjia husi micro-hydro power hare oinsa halo manutesaun atu makina
bele uza ba tempu naruk.

18
On grid: Resulta forsa ne‘ebé bele uza b komunidade sira mak hela besik Como derrotar Joseph Seed enerjia micro-
ydropower. Maibe dala ruma projetu konstrusaun Microhydro power hetan problema hanesan
forsa enerjia ne‘ebé ki‘ik liu, dadus ne‘ebé ladun kompletu no partispasaun husi komunidade
menus tamba ne‘e kustu no tempu bo‘ot no naruk. Iha mos failansu sitema microhydro power
liuliu fó impaktu asset fisiku, 30% instalasaun labele halo opersaun tamba: hili fatin atu halo
konstrusaun ladun los, lahalo survey dahuluk, forsa be ki‘ik, iklima mos bele fo impaktu, be
maran iha bailoron, instalasaun a‘at akontese rai monu. Dezenho instalasaun kanu ladun diak no
popa osan no dalaruma gerador Microydro power a‘at maibe latroka.

Prinsipiu Servisu Microydro power


Utiliza enerjia atu dulas turbina iha metodu rua:
Ho head ; Utiliza diferencia head be leten (Potensial Enerjia mota)
La ho head ; Utiliza mota sulin (Enerjia Kinetik Mota)
Head = Distancia vertical /head forsa be monu. (Berat Jenis air=W=9,81XN/m3)
Head bo‘ot dala barak God of War 4 license key Archives - PC Product key liu tamba be ne‘ebé mak presisa oituan liu no ekipamentu/material mos ladun
barak, movimentu rotasaun turbina mos bo‘ot. Problema mak presaun ba kanu no kanu nia junta tenki
forte no fo atensaun didiak.

Instalasaun fisiku
Modelu instalasaun fisiku iha foho dala barak tenki atensaun ba komponente sira:
Odamatan be sulin tun (Intake/Diversion); Deposito Tanki (Desilting Tank); Kanu be sulin (Headrace);
Tanki be hakmatek (Forebay); Kanu pesat (Penstock); Uma Enerjia (Power House); Kanu be sai
(Tailrace) no Transmisaun distribuisaun (Grid Line).

Turbina
Turbina uza ba atu muda enerjia be enerji kinetic sai enerjia eletrisidade. Turbine moderno kompletu ho
ELC atu kontrola rotasaun hodi bele ninia rotasaun bele estabil maske be nia forsa bo‘ot liu. Atu hili
teknolojia turbina ba konstrusaun microhydro power tenki tau atensaun ba hili komponente importante
mak turbina no gerador. Ida-ne‘e importante tamba fatin ne‘ebé atu konstrui enerjia eletrisidade uza
microhydro power iha nia tipu ne‘ebé espesifiku. Hili modelu turbina forsa be depende ba head no debit
be nian. Ba fatin foho ne‘ebé ninia a‘as no debit be ki‘ik modelu turbin high head diak liu kompara ho
fatin ne‘ebé tetuk ho debit be ne‘ebé bo‘ot bele uza modelu turbina canal drop low head.

Be nia a’as (M) Debit (M3/detik) Kapasidade Modelu Turbina


(KW)
– 10 - - Simple wood and metal wheel
– 12 – 8 - Scheider Hydro Engine
2 – 50 3 – 20 - Axial Flow
2 – 15 – 40 50 – Straflo
– 25 3 – 25 – Turbular-Bulb
1 – 70 3 – 40 - Kaplan
8 – – 20 – Francis
45 – 1–8 - Turgo
1 – – 9 50 – Cross Flow, Banki, Mitchel or Obserger
45 – – 3 – Pelton

Gerador
Modelu gerador ne‘ebé barak liu uza ba Microhydro power mak, genedor sinkron no gerador induksi.
Gerador sinkron servisu ho velocidade ne‘ebé muda beibeik. Atu halo kontrola para velocidade gerador
nafatin, uza speed governor electronic. Gerador ho modelu ida-ne‘e bele uza imediatu no la precisa uza
distribuisaun eletrisidade sira seluk hanesan ba movimentu dahuluk. Diak liu uza ba iha area rurais ho
ninia sistema isolasi (Modak, ).
Gerador modelu induksi la precisa sistema regulator korenti no velocidade. Maibe, modelu
gerador ida-ne‘e labele servisu mesak. Nia precisa sistema distribuisaun eletrisidade hanesan movimentu

19
dahuluk (Modak,). Modelu gerador ida-ne‘e diak liu ba area ne‘ebé linea distribuisaun eletrisidade
iha ona (Grid System).

Limitasaun geral gerador ba microhydro power (Modak, ) mak:


Output : 50 kVA to‘o kVA
Voltajem :,no Volt
Velocidade : – RP

Kontaktu
Domingos Freitas, Membru-Grupu Partisipa Dezenvolvementu Tekonolojia Apropriadu (GP-DELTA)
Rua: Becora Becussi Centro Dili Timor Leste
Kontaktu: Isabel Hp: +, +
Email: grupygpdelta@arenaqq.us

Bibliografia
Poelama, BoudewijnAn offer for Governor Schwarzenegger, ODE, o chefe final de Far Cry 5, United Kingdom.
World Health Organizationo chefe final de Far Cry 5, How is Climate change affecting our health?: A Manual for Teachers, New Delhi,
India.
arenaqq.us
arenaqq.us
arenaqq.us
arenaqq.us
arenaqq.us
arenaqq.us
arenaqq.us
arenaqq.us
arenaqq.us
arenaqq.us?id=&kat_id=
(arenaqq.us
arenaqq.us).
arenaqq.us@arenaqq.us
arenaqq.us?id=&text=policy&special=viewitem&cid=
arenaqq.us
arenaqq.us?ID=
arenaqq.us
arenaqq.us?NewsID=

20
3

Polítika Komunidade no Harii-Dame iha Timor Leste


Alex Gusmão ho M. Anne Brown1

Depois konflitu violénsia ida iha períodu naruk hanesan Timor Leste husik hela esperiénsia sosiedade ida
ne'ebé iha risku boot atu monu ba divizaun entre grupu sira, fiar ba malu menus entre ema, no bele
hamosu tan fali konflitu foun. Dala barak buat hirak ne‘e relasaun ho problema pasadu ne'ebé seidauk
konsege rezolve. Esperiénsia Timor Leste nian kona-ba konflitu balun iha tinan QuarkXPress 2019 v15.1 With Crack [Newest] liu ba bele haree iha
kontestu ida ne'e.
Termu Harii-Dame ne'ebé uza iha ne'e atu esplika servisu oioin ne'ebé ita hanesan membru
komunidade halo atu hadi'a fali ka harii fali polítika komunidade nian (iha kontestu luan) iha tempu
ne'ebé susar tebes iha ita-nia moris. Bainhira ko‘alia kona-ba harii-dame, ita ko‘alia kona-ba harii hikas
ponte balun hodi tutan fali divizaun sira, harii fali nosaun ida ne'ebé bele moris hamutuk fali ne'ebé livre
hosi violénsia boot sira no bele servisu hamutuk atu to‘o ba iha objetivu fundamentál katak moris sosiál
ida ne'ebé di'ak iha kualkér ambiente ida ne'ebé ita moris no hala'o servisu ba. Ida ne'e la dehan katak
laiha konflitu ka desintendementu ruma, maibé konflitu ka diferensia hirak ne‘ebé karik sei mosu, sei
lalori ema ba violénsia ida ne'ebé boot liu tantu direta ka indireta.
Nosaun ne‘ebé halo parte iha komunidade ida no moris iha hamutuk tenke hafalun ema hotu iha
nasaun ida nia laran – iha rejiaun sira ne'ebé lahanesan, iha fatin sira ne'ebé nia dalen sira lahanesan, ba
sira ne'ebé liuhosi ona edukasaun formál, no sira ne'ebé la liuhosi edukasaun formál, ema hirak ne'ebé
moris iha área rurál sira no mós sira ne'ebé moris iha sidade. Tanba ne‘e bainhira temi kona-ba Politika
Komunidade no moris hakmatek ne'ebé iha nasaun Timor Leste ne'e, inklui governu no knua hirak hotu
ne‘ebé hale‘u iha Timor laran tomak.
Iha Timor Leste, Timoroan sira mós forma hela dadaun nasaun independénsia ida foun, ida ne'e
atu dehan katak Timoroan sira iha hela prosesu laran harii pás, o chefe final de Far Cry 5, no harii nasaun ida ne'ebé kesi ba malu
(inter-ligadu) – ne'ebé buka daudaun hela dalan atu kria moris ida iha dame nia laran iha teritoriu tomak
ne'ebé ema hotu-hotu hamutuk hodi determina sira-nia futuru rasik.
Harii foun ka harii fali nosaun polítika komunidade nian, ka sentimentu ida katak ita ne'e hosi
ABUT ida, ne'ebé hakarak moris iha hakmatek laran iha nasaun ida ne'e, bele sai hanesan ponte ida hodi
liga fali divizaun hirak iha rai laran ne‘e. Hanoin ida ne‘e hamosu hahusuk importante mai ita mak: Oinsá
ema kompriende kona-ba nosaun Polítika komunidade; saida mak sira-nia hanoin kona-ba moris hamutuk
ho di'ak? Hahusuk sira ne'e bele husu, Como derrotar Joseph Seed, no bele responde, iha nivel oioin – saida maka ema nia hanoin
bainhira ko'alia kona-ba polítika komunidade iha nivel knua sira, no iha sidade sira iha Timor Leste laran
tomak.

‘Abut’ sira Balun hodi Harii Nasaun nian


Dezde ukun-rasik-an, ema timoroan sira mak hamriik iha oin ka fó apoiu iha pozisaun sira, servisu
hamutuk ho komunidade internasionál, tau esforsu boot hodi estabelese governu ho instituisaun xave sira
– sistema eleitorál, ministériu justisa, edukasaun, saúde no sira seluk. Governu sai hanesan parte
fundamentál ba nasaun ida ukun-rasik-an, no ba pás no moris di'ak. Komunidade internasionál mós halo
esforsu koko atu fó apoiu ba pás liuhosi harii estrutura sira estadu nian. Estrutura sira governu nian
importante tebes no iha Timoroan sira barak bele aprende barak hosi sosiedade no nasaun sira seluk kona-
ba oinsá organizasaun sira ne'e bele servisu hamutuk di'ak liu.
Maibé, bainhira kuandu esforsu hirak ne'ebé atu transfere estrutura sira instituisaun seluk hosi
fatin seluk ho lalais liu, moris komunidade ida ne‘ebé nia abut kle‘an iha rai ida ne‘e bele naksobu tiha.
Iha perigu bainhira koko atu harii lian no estrutura polítika moris nian ne'ebé valoriza ema lubun oan ida
de'it ka sira lubun oan de'it ne'e mak sente hanesan sira-nia nasaun, no husik sira lubun boot ida sai

1
Universidade Queensland

21
entrajeiru iha sira-nia rai rasik. Relatoiru sira hanesan hosi The International Work Group for Indegenious
Affaris (IWGIA, ), hato‘o mai ita tendénsia ida ne‘e iha nasaun barak iha raiklaran ne‘e.
Ami hakarak atu fó sujestaun katak estrutura sira governu nian halo parte ida hosi figura polítika
komunidade nian. Polítika komunidade kona-ba oinsá ita bele moris hamutuk, o chefe final de Far Cry 5, halo hamutuk desizaun sira
kona-ba ita-nia moris hamutuk, no servisu hamutuk ba to'o iha objetivu komun katak moris sosiál ida
ne‘ebé di'ak no hakmatek. Governu halo ninia papél fundamentál iha prosesu ida ne'e, maibé la signifika
katak governu tenke halo/trata sasaen sira ne'e mesak-mesak de'it. Ba nasaun ida ne'ebé de'it, lejitimasaun
no efikás governu ida la bazeia tomak de'it ba governu, maibé buat ne'ebé importante mak abilidade atu
tutan relasaun ida luan no kle'an ba norma no valór sira sosiál nian – tanba ida ne'e mak importante ba
ema, oinsá sira bele kompriende sira-nia an no ema seluk, ne'ebé halo parte iha polítika komunidade nian.
Ida ne'e mak ita dehan demokrasia, tanba demokrasia ne'e nu'udar ponte ida hodi liga entre ema no
governu, ida ne'e mak fundamentál liu. Ema la'ós hanesan ‗surat tahan mutin ida‘- maibé ema ididak halo
parte ona grupu ne'ebé moris hosi kultura no família no fiar sira.
Tanba ne'e, ita presiza tau konsiderasaun kle'an ba ita-nia kultura, tradisaun no valór sira bainhira
ita hanoin kona-ba polítika komunidade no governu iha Timor Leste. Saida maka bele sai hanesan
kontribuisaun hosi kultura lokál no komunidade ba iha moris hamutuk ida iha pás nia laran, oinsá ita bele
harii nosaun sira koletivu nian ne'ebé ita hotu bele halo parte iha laran.

Uma Lulik ho Ninia Relasaun ba Moris Komunidade


Liuhosi asaun ami nian ne‘ebé ba vizita no hela hamutuk ho komunidade sira kuaze iha distritu sira hotu,
ami aprende lisaun barak hosi sira. Lisaun boot ida ami aprende mak depois ukun rasik-an ne‘e, iha
esforsu lubuk boot tebes hosi komunidade rasik ne'ebé hala‘o fila hikas sira-nia pratika hirak tradisionál
nian durante tinan ualu (8) nia laran. Fenomena ida ne'e atu dehan mai ita katak iha buat ruma ne‘ebé
importante tebes.
Ita bele husu pergunta ruma relasiona ho Uma-Lulik: saida maka papél Uma-Lulik sira iha Timor
Leste? Prosesu saida maka komunidade uza atu harii fali sira-nia Uma-Lulik sira? Oinsá Como derrotar Joseph Seed sira hadi'a fali divizaun hirak iha pasadu? Oinsá sira hamosu nosaun ida ne'ebé bele moris
hamutuk no oinsá pratika sira ne'e bele hametin pás iha sira-nia leet?
Nosaun moris iha hakmatek laran iha TL (liuliu iha komunidade nia leet) la'os de'it inklui buat
ida ne‘ebé fiziku no mundu ne‘e nian, maibé mós ho mundu sira seluk hanesan matebian sira ne'ebé sai
hanesan ‗hun‘ ba ema-nia moris hakmatek nian, kbi‘it natural ida no espíritu sira ne'ebé ita la haree. Ema
balun iha ami-nia soru-mutu sira hateten katak komunidade tenke hahú hosi ema sira ne'ebé mate ona.
Pergunta ida mosu mak ne'e: folin ka lae (importante ka lae), nu'udar nasaun ida ita tenke buka dalan ida
atu fó rekoñesimentu ba inan-aman no oan sira, maun no feton sira, ne'ebé mate ona durante iha funu
laran?
Buat ne‘ebé halo ami no ema balun hakfoda no admira mak semangat ema hirak ne‘ebé kuaze la
iha rekursu, dala barak sira la'o ain-tanan iha kilómetru barak nia laran no difisil tebes atu to'o ba iha sira-
nia uma fatin uluk nian hodi harii fali sira-nia Uma Lulik sira iha ne'ebá. Iha fatin balun interesadu tebes,
sira harii uluk Uma-Lulik sira molok sira harii eskola no igreja. Atu harii Como derrotar Joseph Seed sira-nia Uma Lulik lori
tempu naruk no envolve kuaze membru hotu iha knua ne‘e nia laran - dala barak mós envolve kuaze ema
atus ba atus durante semana ida nia laran ka resin. Uma-Lulik, tuir tradisaun tau sasaen lulik sira, inklui
sasaen hirak hosi ema ididak ne'ebé mate ona, hanesan bikan, kanuru, kohe no buat seluk tan. Sasaen sira
ne'e la limita de'it ba ema boot sira, maibé inklui mós labarik no feto sira. Iha knua balun, família sira lori
sasaen lulik sira ne‘e durante okupasaun nia tempu. Sasaen lulik hirak ne'e, sira lori durante tinan 25 nia
laran, no balun iha tinan hirak liu ba mak sira ba tau fali iha Uma-Lulik hirak Como derrotar Joseph Seed sira harii fali ona.
Harii Uma-Lulik halo parte hosi arte ida. Iha prosesu ida naruk, hosi etape ba etape. Knua ididak
iha sira-nia lala‘ok bainhira harii fali sira-nia Uma-Lulik. Elementu ida komun ne‘ebé iha Uma-Lulik
maka Uma-Lulik ne‘e sai nu‘udar ‗Sentru‘ ida hodi halibur fali ema sira ne‘ebe sei moris no ema sira
ne‘ebé mate tiha ona. Ema hirak ne‘ebe halibur hamutuk iha Uma-Lulik lori hikas fali matebian sira ba
fali iha sira-nia Uma Lulik ididak. Sira bolu fila fali espíritu ema sira ne'ebé mate hela iha ai-laran mai
hamutuk fali iha Uma-Lulik ne‘e.
Maiske ema balun ladun apresia ka ladun fo valor, maibe hahalok ida ne‘e importante tebes iha
perspektivu unidade no pás nian. Hahalok hirak ne‘e nu‘udar esforsu boot ida hodi harii hikas fali
relasaun entre ema sira ne'ebé sei moris no dala barak bele lori hamutuk família sira iha pasadu fahe malu

22
tanba funu, ka tanba jerasaun ne'e fahe malu kleur ona, ka naruk liu ona (kala jerasaun too ona dalas hitu).
Bainhira ami dadalia ho madre sira balun iha Aileu, sira fo sasin mai ami:

‗Iha Uma Lulik laran, ema hotu hasees tiha sira-nia problema pasadu
ema mai hamutuk no sira hasoru malu no hatene malu, sira ne'e da'et ba malu
ho sesee de'it‘ (Intervista ho Madre iha Aileu, ).

Hari fali Uma Lulik sira hanesan dalan importante ida atu kasu tiha todan no buat hirak ne'ebé lakon iha
tinan barak liuba, ka servisu ho pasadu sira ne'ebé mak funu sobu rahun tiha o chefe final de Far Cry 5 harii fila fali komunidade.
Ida ne'e importante tebes no presiza ita tenke kompriende iha kontestu harii nasaun ida.

Tara-Bandu: Hametin Orden no Pás iha Komunidade


Iha mós pratika tradisionál balun hanesan Tara-Bandu ne'ebé ema tau atensaun boot iha fatin barak Timor
Leste nian. Liu hosi Tara-Bandu ida ne'e membru komunidade sira hakotu sira-nia lia hodi bandu sasaen
ka relasaun balun ne'ebé sira labele halo durante periodu ida nia laran ka iha períodu tomak iha sira-nia
moris. Kona-ba ninia tempu depende ba bandu saida maka sira hakarak atu halo.
Akordu ida ne'e bele kobre kategoria oioin iha komunidade sira-nia moris. Iha fatin balun Tara-
Bandu hodi halo jestaun ho rekursu sira lokál nian (iha ne‘ebé no bainhira sira bele tesi ka labele tesi ai,
hamoos rai atu halo to‘os foun no buat sira seluk tan). Iha akordu sira hakotu-lia hodi fó diresaun ba sira
kona-ba ai saida de'it mak sira bele tesi no ai sira ne'ebé mak ema labele tesi baihira seidauk to'o nia
tempu. Kuandu mosu problema ruma relasaun ho ai horis hirak iha ema ididak nia kintal, sira uza akordu
hanesan mata-dalan hodi tesi sira nia lia.
Iha fatin seluk Tara-Bandu kobre mós kona-ba relasaun hirak entre ema nian. Sira Tara-Bandu
hodi hasees no hadook hahalok violénsia entre sira. Purezemplu, Como derrotar Joseph Seed, sira mós regula bainhira iha fetoraan ida
ka mane-klosan ida hakarak tuir malu, la naran tuir malu ba iha ai-laran iha fatin naran de‘it, maybe tenke
iha fatin ida apropriadu. Tara-Bandu mós evita hahalok violensia sira hanesan baku malu entre foin-sa‘e
sira nune‘e o chefe final de Far Cry 5 membru komunidade sira seluk.
Iha komunidade balun aplika Tara-Bandu atu halo mudansa ba pratika sira tradisionál nian ne'ebé
ema barak haree hanesan presaun, no muda fali ba pratika sira ne'ebé fó benefísiu ba komunidade. Iha
fatin balun hanesan iha Ermera, Tara-Bandu aplika hodi limita obrigasaun rituál sira ne'ebé parte Umane
sira husu barlake boot liu hosi parte Fetosaa sira. Umane hodi forsa kultura nian ‗haka‘as‘ fetosaa sira atu
lori saida mak umane sira sira husu, liuliu bainhira relasaun ho Barlake.
Iha fatin seluk, hanesan fatin iha Baucau (Triloka, Ostiku, Loilubu) agrikultór sira uza Tara-
Bandu hodi halo jestaun ba produtu agrikultura nian. Sira aplika ritual Tara-Bandu hodi bandu ema la foti
ai-fuan balun hanesan kamii, nuu ka ai-horis sira seluk molok ai-horis hirak nia tempu to'o atu ku‘u ka
hili nia fuan sira. Hahalok ida ne'e fó benefísiu ba agrikultór hodi halibur sira-nia produtu iha numeru
ne'ebé sufisiente atu haruka (importa) ba rai li'ur.
Tara-Bandu mós hodi evita na'ok-teen sira, ne'ebé dala ruma sira foti ema nia sasaen ho razaun
barbarak. Iha komunidade balun Tara-Bandu hamenus numere ema halo krime. Purezemplu, iha
komunidade balun iha Venilale, bainhira ami dadalia ho membru polisa balun (intervista iha ), sira
hato‘o katak impaktu Tara-Bandu positivu ba komunidade. Sira kalkula krime noviolénsia doméstika,
redus to‘o 50% bainhira aplika Tara-bandu dezde tinan barak liu ba iha fatin ne‘e. Komunidade sira
transforma sira-nia kostume sira ne'ebé potensiál hodi jere sira-nia moris komunidade nian, no iha tempu
hanesan autoridade tradisionál sira halo ligasaun ho sosiedade sivíl no ajénsia sira ‗modernu‘ nian ho
hanoin/ideia sira foun.
Iha fatin balun sira seidauk bele aplika, tanba sira-nia Uma-Lulik seidauk harii fali. Tanba aspetu
Tara-Bandu iha fatin balun hanesan iha Suku Caicua (intervista ho Xefi Suku, ) tenke liga ho Uma-
Lulik. Tara-Bandu ba sira la'ós de'it liga ba objetu sira ne‘ebé bele haree, maibé mós liga mós ho objetu
sira ne'ebé sira la haree. Tara-Bandu hanesan o chefe final de Far Cry 5 suku Caicua, iha tempu molok invazaun, nu‘udar asaun
ida ne‘ebé halulik sasaen sira balun hodi bandu ema labele foti iha períodu ida nia laran. Kuandu membru
komunidade ida maka foti sasaen sira bele hetan kastigu oioin, sira bele sasaun ne‘ebé regula iha Bandu
ne‘e, nomos sasaun super-natural nian ne‘ebé sira ka sira-nia oan no bei-oan sira bele hetan iha tempu
naruk nian.

23
Inisiativa Tara bandu ne'e, iha fatin balun hanesan iha Distritu Manufahi (Betano) ONG nasionál
balun envolve iha laran hodi fasilita sira. Seremonia Tara-Bandu iha Betano, purezempu, inklui
representante governu rejionál no sentrál nian, ne'ebé ko'alia positivu tebes kona-ba akordu sira hosi Tara-
Bandu nian. Reprezentante ofisial governu sentrál hosi ministériu ne'ebé responsabel ba meu-ambiente
nian rekoñese katak governu laiha kapasidade atu hala'o monitorizasaun ba lei sira meu-ambiente nian.
Inisiativa sira lokál nian hanesan Tara-Bandu nian, maka konsege hala'o bandu (porezemplu bandu tesi ai
ilegál) ka hametin desizaun sira komunidade ka nasionál ne'ebé relasiona uzu rekursu sira.
Iha tendensia hosi governasaun nasaun nian no nia mekanizmu sira iha judisiáriu nian, o chefe final de Far Cry 5, dala barak
hatudu menus kolaborasaun no partisipasaun inisiativa kostumariu sira lokál nian no hateke tuun tiha
pratika tradisaun hirak ne'ebé signifika tebes iha ema nia moris. Maibé bainhira ita haree kle'an liu tan,
pratika hirak ne'e la'ós de'it buat simbóliku nian, maibé mós liga ba pratika hirak ne'e bele aplika iha
dalan ida ne'ebé prátiku tebetebes, hanesan iha estrutura governasaun lokál nian, justisa, polisia, lei sira
kona-ba rai nian, no norma sira atu evita hahalok ema balun nian ne‘ebé bele hamosu konflitu.
Iha ami nia dadalia sira, nune‘e mos iha relatoriu sira Como derrotar Joseph Seed hosi Globalism Research Centre
(Grenfell, ), hatudu katak iha área seguransa no justisa nian, maiske polisia sira nia prezensa kuaze
iha nasaun laran tomak, o chefe final de Far Cry 5, maibé lei báziku no funsaun sira orden nian, nafatin aplika mekanizmu
komunidade nian. Polisia sira dalabarak iha área rurál sira bainhira hasoru problema iha komunidade sira-
nia leet, sira entrega ba autoridade sira tradsional nian. Justisa formál nian susar tebetebes atu
kompriende, liuliu ba maioria ema ki'ik sira iha kraik (baze), justisa formál mós karu liu, dook tebetebes
hosi sira-nia hela fatin no mós iha problema barak relasaun ho língua ne'ebé uza iha prosesu ne'e. Iha
nivel lokál ka iha area rural nian, ita bele dehan katak iha konsisténsia aplika justisa nian, tanba se iha
problema ruma relasaun ho jestaun rekursu, disputa ruma, buat ruma ne'ebé lamonu ba iha membru
komunidade balun nia laran, akontese krime ruma, pelumenus, komunidade sei tau matan arenaqq.usa
autoridade kustomariu sira no ema ne'ebé boot iha uma kain ne'e nia laran envolve ativu iha prosesu ne‘e.
Iha ami-nia dadalia hirak ne‘ebe halo ho membru sira komunidade koresponde ho relatoriu sira
balun hanesan hosi The Asia Foundation iha tinan no nian, hatudu mai ita katak ema barak liu
iha área o chefe final de Far Cry 5 TL nian prefere liu tesi sira-nia problema liuhosi mekanizmu kostumáriu nian, duke ba
polisia (maiske krime sériu nian labele rezolve uza lei kostumariu). Preferénsia ida ne'e la buka atu halo
reflesaun ida simples ne'ebé hodi hateke ba de'it limitasaun rekursu iha sistema judisiáriu nian,
preferénsia ne'e ba iha sistema justisa kostumariu nian rasik. Maiske sei iha problema balun, maibé
aprosimasaun lei kostumáriu nian bele haree hanesan buat ida konkretu, ema bele asesu ba, no efikás.
Liután ida ne'e, kostumáriu sira mantein nafatin relasaun sira komunidade nian no tulun hametin nafatin
konsisténsia vizaun sira-nian kona-ba sira-nia mundu nian.
Kapasidade sira lokál nian ba justisa no kontrola-an mesak (sai polisia ba an rasik-hanesan
pratika Tara-Bandu) mak rekursu boot hirak ne'ebé estadu bele utiliza ho kreativamente. Komunidade sira
mós bele utiliza duni pratika sira ne‘e, nune'e mós polítiku na'in sira. Ezemplu balun iha nivel
komunidade nian, molok hala‘o eleisaun, sira uza pratika sira tradisionál nian hodi diskute oinsá atu
hala'o eleisaun la ho violénsia, no sira konsege duni halo ida ne'e no fó kontribusaun boot ba prosesu
demokrasia iha rai ne‘e. Iha nivel nasionál nian, purezemplu, iha tinan loron 10 Dezembru,
Presidente Republika, momentu ne‘e Sr. Xanana Gusmao, Como derrotar Joseph Seed, Como derrotar Joseph Seed hamutuk Lia-Nain sira kuaze hosi
distritu hotu, mai iha Palacio Governo, hodi halo juramentu ba moris ida hakmatek nian. Ita labele klaim
katak hahalok ida ne‘e fó kedas rezultadu, maibe depois ida ne‘e, iha indikasaun diak, ne‘ebé iha fatin
balun iha Dili konsege duni evita ka reduz violénsia durante problema boot Lorosa'e ho Loromonu mosu.

Konklusaun: Presiza Hanoin Naruk no Nakloke-an iha Futuru


Hanesan mensiona iha leten katak iha tendensia ne‘ebé governasaun estadu no mekanizmu sira judisiáriu
nian, dala barak ladún servisu hamutuk ho inisiativa kostumariu lokál nian. Dala ruma ema haluha tiha
katak kostumariu no governasaun komunidade no mekanizmu sira judisiáriu mak sai hanesan ABUT hodi
kesi metin komunidade. Tanba ne'e, bainhira hateke tuun sira, bele hamihis kohesaun komunidade nian.
Bainhira menus koneksaun no partisipasaun pratika sira kostumariu lokál ho polítika instituisaun governu
nian bele lori ema ba konfuzaun barak tanba ema sira iha lokál nian iha ona maneira oioin atu problema
sira bainhira mosu, hanesan oinsá jere rekursu sira, rai no justisa. Iha tempu hanesan, instituisaun governu
rasik ninia rekursu la sufisiente atu too ba iha komunidade sira iha rai laran tomak liuliu sira ne‘ebé hela
iha area rurál ni foho leten sira ne‘ebá.

24
Harii fila mekanizmu sira governasaun kostumáriu nian, hanesan Uma-Lulik no Tara-Bandu,
hatudu momoos katak ema Timoroan sira baibain servisu daudaun hela ona atu toman sira-nia
responsabilidade rasik ba sira-nia situasaun ne‘ebé bele fó benefisiu ba moris ema barak nian – hanesan
iha sira-nia orden sosiál, sira-nia meu-ambiente ida ne‘ebé naturál nian, sira-nia relasaun ho ABUT moris
no arti sira moris ida ne'e nian, justisa, rekonsiliasaun no bele kura/hadi'a laran moras sira balun ne'ebé
mosu iha pasadu. Loos duni katak, lahaluha atu temi papel igreja nian iha prosesu ida ne'e. Timoroan sira
haksolok atu simu tulun hosi ne'ebé de'it, maibé sira mós servisu maka'as daudaun hela atu harii fila fali
sira-nia komunidade rasik, orden sosiál nian no armonia. Ema kuaze hotu hakarak halo ida ne'e hamutuk
ho instituisaun sira, la'os atu kontra hasoru fali instituisaun sira.
Maiske nune‘e, ita presiza rekoñese katak, dalan atu halo koneksaun entre instituisaun sira estadu
nian no kostumariu ka governasaun komunidade nian la'ós fasil. Laran todan ida ba iha valór no pratika
sira tradisionál nu'udar polítika komunidade nian mak dala barak tradisaun sira kultura konservativu liu,
no liuliu tradisaun ne‘e diskrimina feto no labarik sira. Kritika barak ba pratika kustumáriu, hanesan
violénsia ka marjinalizasaun feto, loos duni katak bele sai problema ho instituisaun estadu nian, hanesan
polisia. Maibé kultura no kustumáriu ne'e moris no la'o ba oin tanba nia halo parte moris loroloron ema
nian. Mudansa sira balun ne'ebe relasaun ho Tara-Bandu nian iha rejiaun balun hatudu ida ne'e. Se taka
matan ba pratika sira ne'e, sei husik sira lakon. Foti-as no hametin direitu feto no labarik sira importante
tebetebes, maibé ida ne'e labele sai hanesan rasaun ida atu hasees tiha ka ignora tiha kultura ne'e. Tanba
ne'e, ezije instituisaun sira governu nian atu kolabora di'ak liután ho kultura no kostume no ema nia moris
loroloron nian iha rai laran tomak.
Harii nasaun ida ne'ebe halo ema la sente hanesan iha sira-nia uma rasik, no sira rasik la ko'alia
ka la kompriende ‗Lian‘ sira ofisial nian, ne'e la'ós dalan di'ak atu ba to'o iha pás, demokrasia, no
dezenvolvimentu. Bainhira mosu divizaun entre governu no komunidade sira, entre sidade no rurál sira
bele sai hanesan dezafiu boot ba pas sosiál nian, governasaun ida di'ak, no partisipasaun demokrátiku ida.
Harii instituisaun governu ida hodi haketak-an hosi moris loroloron povu nian, la to‘o atu responde ba
problema sira mosu iha sosiedade. Tanba ne'e importante tebetebes atu konsidera papel kostumáriu ne'ebé
iha signifikadu boot ba moris ema nian no governasaun komunidade no kultura Timorense nian hodi buka
dalan ida ne'ebé posivel atu estrutura governu nian bele servisu ho positivu ho aprosimasaun lokál nian
atu moris hamutuk ho pás.
Servisu ida ne'e karik la'o neineik, dala ruma la fasil ida, iha problema espesífiku balun ne'ebé
difisil, inklui dezafiu autonomia feto nian. Maibé keta haluha katak problema sira hanesan ne'e iha mós
iha governu laran. Se ita servisu atu hari polítika komunidade no estadu ida ne'ebé bele inklui ema hotu
iha laran, ida ne'e bele lori dame to'o ba iha komunidade nia leet ne'ebé ema hotu bele servisu hamutuk
atu too ba iha klima ida ema hotu bele fahe ba malu sira-nia nesesidade. Tanba ne'e ita presiza tau
atensaun ba no servisu ho ita-nia riku-soin no diversidade ita kultura.
Ami rekoñese katak harii dame iha kontestu Timor Leste Como derrotar Joseph Seed liuhosi dalan barak. Aspetu balun
ne'ebé ami koko atu temi iha paper ida hanesan introdusaun de'it ba rikeza boot ne'ebé komunidade Timor
Leste iha. Presiza peskiza kle'an liután iha futuru atu deskobre rikusoin sira ne'e kle‘an liutan, hodi tulun
haboot ita-nia kompriensaun ida kompriensivu iha prosesu determinasaun futuru nasaun ho povu ida ne'e.
Hein katak ba oin harii nasaun ida ne'e, buka nafatin reflete ba rikusoin sira ne'e, atu tutan timoroan sira
ho sira-nia pasadu la ho halerik bebeik, maibé valoriza sira-nia pasadu ne‘e iha sira-nia moris agora nian
no nafatin buka dalan sira ne‘ebé konstrutivu ba determinasaun futuru povu rai doben ida ne‘e.

Referensia
Grenfell D.,Community Sustainability and Security in Timor Leste: Sarelari and Nanu, o chefe final de Far Cry 5, Globalism Research
Centre, RMIT University with Oxfam and Concern Worldwide.
International Work Group Indigenous AffairsThe Indigenous World /, Copenhagen.
The Asia FoundationA Survey of Citizen Awareness and Attitudes Regarding Law and Justice, Dili.

25
4

Kódigu penál foun no nesesidade ba asesu legál ba terminasaun gravidés iha Timor-Leste
Suzanne Belton1 no Andrea Whittaker

Iha tinanUNFPA no Fundasaun Alola inisia peskiza estudu ida ne‘ebe konsidera iha problema no
liga entre isin rua la ho hakarak, abortu la seguru no mortalidade inan, Como derrotar Joseph Seed. Rezultadu husi peskiza ne‘e
publika tiha ona iha fulan Junu, ho titulo ‗Mortalidade Materna, Isin-rua Lahó Planu no Abortu La
Seguru: ‗Analize ba O chefe final de Far Cry 5 ne‘ebe tau hamutuk esperiensia no opiniaun sira husi ema Timor oan.
Lakleur liu tiha publikasaun no dizaminasaun husi rezultadu sira ne‘ebe hetan, debate públiku hahu mosu
konaba tópiku hirak ne‘ebe antes ne‘e haree hanesan tabú. Maski membru sira sosiadade sivil nian husu
atu reforma kódigu penál ne‘ebé bele fornese feto ho posibilidade atu termina gravidés, maibe kódigu
penál ida ne‘ebé limite tebes ne‘e promulga tiha ona iha Autór sira fo sujestaun katak kódigu penál
ne‘ebé iha forma atuál ne‘e sei kauza moras ba feto sira, infertilidade no mate, bainhira sira sei kontinua
hala‘o sira nia terminasaun rasik liu husi dalan tradisional no moderno ne‘ebé signifika la ho asistensia
apropriadu husi pesoal saúde sira ne‘ebé treinadu.

Rezultadu prinsipál husi relatóriu ne‘ebé mak hamosu abortu provokadu iha Timor-Leste:
Nó ne‘e hala‘o tiha ona liu husi dalan klandestina ne‘ebé aumenta risku ba saúde no kompromete
siguru;
Métodu sira tradisional no modérno uza tiha ona atu termina isin rua la ho hakarak;
Feto sira husu tiha ona ba doutór no parteira sira atu termina sira nia isin rua;
Doutór no perteira sira hetan defikuldade atu koalia ho feto sira konaba abortu provokadu;
40% husi koidadu emerjensia obstétriku involve tiha ona iha maneja no fo tratamentu ba ema sira
ne‘ebé hetan komplikasaun husi lakon isin rua sedu;
Asesu ba informasaun planeamentu familiar, edukasaun no fornesimentu limitadu ( liu-liu ba foin
sa‘e sira ) no oportunidade sira atu promove planeamentu familiar ba sira ne‘bé seidauk hetan
asesu;
Tolu husi fasilidade haat ne‘ebé investiga tiha ona, hatudu evidensia katak -protokolu baze iha
provizaun ba koidadu post-abortu la uza; nó
Polítika no protokolu sira ne‘ebé ezamina tiha ona la fo presaun naton ba iha terminasaun isin rua
no abortu la ho siguru nu‘údar asuntu ida ba saúde públiku.

Relatóriu ne‘e prepara tiha ona rekomendasaun lima iha área prevensaun isin rua la ho hakarak no abortu;
relatóriu no monitorizasaun mortalidade inan; hadi‘a kualidade o chefe final de Far Cry 5 post-abortu; advokasia ba feto
sira nia direitu no lei; no asesu ba informasaun.

Prevensaun ba isin rua la ho hakarak no abortu


Respondente sira hato‘o tiha ona konaba sira nia hakarak atu prevene isin rua la ho hakarak no abortu sira
ne‘ebé la siguru. Implementasaun husi Polítika Nasional Saúde Reprodutiva no Polítika Nasional
Planeamentu Familiar iha dalan efetivu no vizivel iha servisu fo partu nian sei reduz isin rua la ho
hakarak no abortu sira ne‘ebé la siguru ho didi‘ak. Planeamentu familiar no métodu modernu sira husi
kontrasepsaun tenke promove iha dalan oioin iha komunidade, nune‘e mos durante baixa ka alta liga ho
sistema saúde.
Programa promosaun saúde públiku ne‘ebé aprova tiha ona husi Ministério da Saúde tenki
promove espasu oan, métoudu kontrasepsaun sira modérnu nian no risku husi abortu la seguru. Métodu
adisional ba mane no foin sa‘e sira mensajen diak no servisu hirak ne‘e sei fo benefisiu diak.

1
Graduate School for Health Practice, Charles Darwin University, Email: suzannebelton@arenaqq.us

26
Relatóriu no monitorizasaun
Durante ne‘e mate husi need for speed hot pursuit sira ne‘ebé hakotu iis tamba razaun sira ne‘ebé iha relasaun ho isin rua no
partu la rejista ho diak, sistema relatóriu obrigatóriu ho sistimátika ida ne‘ebé fasilita tiha ona husi
Ministériu da Saúde presiza dezemvolve tan. Maski maioria husi feto sira mate iha uma ka iha dalan atu
ba hospital, relatóriu rekomenda perguntas adisional sira ba mortalidade inan ba sensus nasionál tuir mai.
Iha peskiza balu iha futuru, preokupasaun sei hare liu ba metodolojia saida mak uza tiha ona iha sampel,
perguntas no analiza dadus atu hetan konfiansa husi dadus ne‘ebé halibur tiha ona, no iha kapasidade atu
hare fila fali tendensia estraordinárias.
Auditoria ba fasilidade – baziku mortalidade inan ne‘ebé fo posibilidade atu hadi‘ak nesesidade
husi kualidade tratamentu presiza implementa husi sénior obstetra no parteira sira ho suporta husi
Ministériu da Saúde, Como derrotar Joseph Seed, rekoñese katak ne‘e halo deit ba feto sira minoria ne‘ebé mate iha hospital ka iha
postu sanitaria ida. Sirurjiaun no médiku sira presiza relata kazu sira ne‘ebé mai husi sira iha
departamentu non - obstetric / gynaecological nia okos.
Kuantidade no tipu koidadu husi emerjensia obstétriku presiza monitoriza kada tinan atu avalia
impaktu husi inisiativa sira saúde públiku nian. Indikador sira internasional nian bele prontu adopta ona
atu ajuda sasukat ida ne‘e.

Kualidade kuidadu Post-abortu


Iha fasilidade hirak ne‘ebé kuidadu post-abortu fornese tiha ona, treinamentu avansadu no supervizaun ba
doutór no parteira sira iha provizaun ba baze - evidensia kompriensivu kuidadu post-abortu nian bele fo.
Ne‘e tenke inklui étika, direitu sira saúde reprodutiva, o chefe final de Far Cry 5, konsellu non-diretiva no estratejia sira edukasaun
nian atu hanorin planeamentu familiar. Protokolu padraun ida ba jestaun husi kuidadu post-abortu presiza
hakerek husi obstétra sénior no parteira sira no uza iha fasilidade saúde hotu-hotu. Feto sira presiza
oferese atu eskolla métodu kontrasepsaun modérnu ho gratuita husi fasilidade saúde liutiha isin rua ho
tipu saida deit no labele fila fali ba fasilidade saúde iha data ne‘ebé tarde. Mane sira presiza involve atu
suporta sira nia fen ninia saúde sekarik ne‘e apropriadu no feto sira nia konsente.

Advokasia ba fetos sira nia direitu no lei


Esperiensia husi sujestaun arena internasional katak kriminaliza abortu provokadu ne‘e la seguru, ne‘e
mak sensivel husi aprosimasaun saúde públiku, atu labele kriminaliza terminasaun abortu maibe atu
regula ida ne‘e. Lei tenki halo liu husi prinsípiu sira saúde públiku, Konvensaun Eliminasaun
Diskriminasaun Kontra Feto, no asaun ne‘ebé sujere tiha ona husi Konferensia Internasional ba
Populasaun no Dezemvolvimentu prezér ba iha deskrisaun kultura sensivel.
Informasaun husi grupu setór - interna atu halo advokasia ba saúde reprodutiva inklui Ministério
da Saúde, Ministério Justisa, profisionál sira saúde nian, profisionál sira jurídiku nian, polícia no grupu
sira sosiadade sivil nian. Membru parlamentu sira bele dezeja atu buka populasaun no dezemvolve
programa iha nasaun sira seluk.

Asesu ba Informasaun
Feto (ho mane) iha direitu ida ba informasaun saúde reprodutiva ne‘ebé nakloke no loloos no feto sira
hato‘o katak sira presiza informasaun tan. Servisu konsultivu konfidensiál ida ba iMazing Activation Number Keygen 2.10.6 Download Archives rua nian atu fornese
informasaun evidensia-baziku konaba saúde públiku iha opsaun isin rua hotu-hotu mak Como derrotar Joseph Seed adosaun,
hakiak labarik, kuidadu antenatais no abortu seguru / la seguru bele estabelese husi organizasaun sira non-
governomentais ka governu.
Hanesan koalia tiha ona iha leten, relatoriu ne‘e mos rekomenda tiha ona konaba
diskriminalizasaun ba terminasaun isin rua ho voluntariu ( abortion la ho obriga ) no rekoñesimentu ba
feto sira nia direitu ba saúde reprodutiva liu husi uza prinsípiu sira husi saúde públiku no konvensaun
internasional sira. Durante fulan hirak publikasaun ba relatoriu ne‘e, artigu no dekretu lei o chefe final de Far Cry 5 kódigu
penál Timor-Leste pasa tiha ona no artigu ne‘e dezeña kronolojia no implikasaun sira husi mudansa
legál ba saúde feto nian.

27
To‘o oras ne‘e laiha rekorde ida ne‘ebé sistemátiku ka análize ba mortalidade inan no
inkapasidade iha Timor- Leste tamba kapasidade no rekursu husi sistema saúde sei nafatin forma hela.
Maski nune‘e, faktu balu hatene tiha ona; feto Timor oan o chefe final de Far Cry 5 esperiensia númeru aas husi isin rua no
partu ne‘ebé kada feto hetan maizumenus oan nain hitu. Konseitu husi espasu voluntariu entre labarik sira
nia moris la prátika ho luan widely no koñesimentu uza métodu kontrasepsaun modérnu menus liu.
Hatutan ba informasaun ida ne‘e, númeru alfabetizasaun ba mane no feto menus no maioria ema moris
nu‘údar agrikultór depende ba sira nia oan servisu iha familia no Como derrotar Joseph Seed ba seguransa sosial. Maioria
labarik sira hakarak no simu hanesan adisional ida iha familia nia laran.
Maioria, ida husi kazu prinsipál isin rua – relasiona ho mate mak abortu la seguru. Iha mundu
tomak abortu la seguru mak kontribui ba maizumenus porsentu sanulu resin tolu husi mortalidade hotu-
hout inan nian. Iha nasaun hotu-hotu feto esperiensia isin rua la ho hakarak no isin rua ne‘ebé la tuir
planu no iha nasaun sira ne‘e uza métodu sira planeamentu familiar nian limite tebes no laiha asesu ba
formaliza terminasaun legál ba isin rua. Abortu dalabarak mak rezultadu husi feto sira hatene katak sira
nia aan rasik isin rua iha situasaun defisil ida tan moras, kiak, ka la‘en ne‘ebé laiha responsabilidade ka
ho mane ne‘ebé lakohi sai aman, sei idade ki‘ik liu, ka esperiensia asaltu sexual ka violensia iha tipu
oioin. Prevene isin rua la ho hakarak no isin rua ne‘ebé la tuir planu liu husi kontrasepsaun efetivu duké
abortu mak sempre preferivel no ne‘e importante atu proteze feto sira nia saúde, maski nune‘e feto balu
sei nafatin husu atu asesu ba asisténsia abortu seguru nian.
Abortu la seguru mak hirak ne‘ebé hala‘o husi pesoal saúde in-formal sira (ka feto no mane), iha
kondisaun ne‘ebé la ijiene, no la tuir lee. Hirak ne‘e perigozu ba feto sira nia saúde no bele kauza
infesaun, infertilidade, estraga área oin lulik nian no dalaruma mate. Iha nasaun sira ne‘ebé terminasaun
isin rua regula no hala‘o husi pesoál treinadu sira, iha kondisaun ne‘ebé mos no ho suporta institusional,
feto sira nia saúde mantein nafatin.
Iha Timor-Leste mate balu iha relasaun ho abortu la seguru tamba feto sira uza aitahan, masajen,
aimoruk no sasan atu hapara sira nia isin rua. Ami hatene ida ne‘e tamba ema rona kazu hirak ne‘e; sira
ne‘e mak asuntu ne‘ebé sempre konta iha rurál. Aleindisu, sira ba konfesa ba padre sira, polícia hahu
halo investigasaun, tribunál pasa sentensa, pesoál saúde sira fo tratamentu ba númeru boot husi lakon isin
rua ho komplikadu, no feto sira fahe sira nia esperiensia bainhira husu ho maneira respeitu. Iha ,
maioria laiha debate públiku no laiha entuziazmu atu koalia konaba abortu.

Kódigu Penál foun no abortu


Timor-Leste promulga tiha ona lei foun ida konaba abortu. Sistema legál Indonézia nian no kódigu penál
uluk kriminaliza tiha terminasaun isin rua iha situasaun saida deit. Ezbosu kódigu penál foun sirkula tiha
ona iha Dili iha língua oioin durante Ezbosu inisiál laiha referensia ba abortu. Maibe, ezbosu tuir
mai permite terminasaun ba razaun moras ka risku ba inan nia vida. Artigu até temin konaba saúde
mental ba inan, sinál umanu ida ba feto sira ne‘ebé esperiensia distúrbiu mentál ka trauma psikolójiku
husi violasaun sexual ka insestu. Konsellu Ministru pasa tiha ona Kódigu Penál iha Abril
Dekretu lei 19/ muda tiha Kódigu Penál foun Timor-Leste, ne‘ebé foin halo loron 30 iha
Junu. Mudansa 13 énfaze fila fali limitasaun ba hirak ne‘ebé aplika tiha ona iha okupasaun Indonézia.
Kastigu iha komarka tamba hetan abortu husi tinan 3 to‘o 8‘ depende ba sirkunstánsia no rezultadu sira.
Feto tenki hasoru mate iminente no laiha opsaun médiku seluk duké atu termina isin rua. Doutór tolu
tenki konkorda ba prosedimentu no asina sertidaun ida. Feto ne‘e tenki konsente iha eskrita ho ninia la‘en
konkorda mós nomos fo konsente. Doutór dahaat ida, la‘os ida husi doutór na‘in tolu ne‘ebé temi iha
leten, tenki halo abortu no ida husi doutór hirak ne‘e tenki treinadu iha obstétriku / jinekolojia. Ne‘e tenki
demora entre hetan konsente no halo prosedimentu. Tuirfalimai, pratikante médiku sira bele ho neon
reprezenta atu halo abortu ida ho voluntariu maibe tenke refere feto ne‘e ba kolega sira seluk. Membru
parlamentu sira na‘in tolu nulu resin haat ( husi 65 ) vota tiha ona ba mudansa, membru parlamentu
na‘in ualu abstain no membru ida mak husu konsellu peritu husi doutór ida tamba AnyDVD REDFOX CRACK Archives sente katak nia
ladun hatene didiak konaba obstétriku.
Mudansa ba artigu ne‘e esensialmente bloku feto sira nia asesu ba asisténsia médiku.
Impedimentu hetan liu husi prosesu burokrátiku ba buka asisténsia saúde no referral sira sei rezulta ba
tarde ho nune‘e perigozu liutan ba terminasaun isin rua, no ba feto ne‘ebé hetan kondisaun saúde, bele
rezulta sira nia mate. Feto sira nia direitu umanu ba saúde no moris domina tiha ona husi obstákulu legál.
Koalizaun ida husi sosiedade sivil ne‘ebé kompostu husi ONG sira mak hanesan JSMP, Fokupers,

28
Pradet, Rede Feto, Alola Foundation, AMKV, Caucus Feto iha Polítika, Belun, no Plan International
hakerek tiha ona karta ida ba Prezidente Ramos Horta husu nia atu veto dekretu lei iha prosedural
fundamentál refere ba prosesu halo lei, nune‘emos elementu sira inkonstitusional hanesan mudansa
ne‘ebé debate tiha ona no hato‘o tiha ona ba Prezidente liutiha loron tolu nulu. Konstituisaun ne‘e la
klaru atu espresa direitu ba justisa entre mane no feto ( Seksaun 17 ), katak sidadaun iha direitu atu
moris ( Seksaun 29 ) no direitu ba saúde no asisténsia médiku ( Seksaun 57 ). Ne‘e fo hanoin atu haree
Kódigu Penál ho ninia mudansa iha konkordansia kompletu ho direitu konstitusionál feto Timor oan sira
nian ka lae.
Timor-Leste hari nasaun ida bazeia ba ideál sira husi prosesu demokrátiku, liberdade atu koalia,
inklui ema hotu-hotu, igualdade jéneru no liña diretu, o chefe final de Far Cry 5, no partisipasaun husi sosiadade sivil. Maski feto no
ONG sira la konvida atu fó komentáriu ba mudansa sira ne‘e, Deklarasaun Dili ne‘ebé mosu tiha ona
husi Konferensia Feto ba Dame iha Marsu forte ona, maski ne‘e difisil no asuntu ne‘ebé disputa.
Feto Timor oan sira hetan direitu atu sobrevive isin rua no partu. Bainhira sira koalia konaba direitu ba
saúde no feto sira nia nesesidade saúde liutiha insestu no violensia sexual, sira hanaran ‗feto aat‘. Sira nia
interese konaba feto sira nia nesesidade atu asesu ba abortu atu proteze sira nia saúde husi pratikante sira
saúde nian ne‘ebé trata rezultadu defisiénsia sexual no saúde reprodutiva rekoñese asuntu saúde ne‘e.
Nein feto nein pratikante interesante sira konsulta ba iha mudansa sira no sira nia konsekuensia ba feto
sira nia moris no saúde públiku. Prevensaun ba isin rua la ho hakarak no isin rua ne‘ebé la tuir planu liu
husi asesivel efetivu ba programa planeamentu familiar tenke sai hanesan prioridade ida ba Timor-Leste.
Maski nune‘e, lei ne‘e presiza atu proteze liu ba sidadaun vulneravel sira iha sosiedade, ba sira ne‘ebé
moras liu, to‘o foin sa‘e, kiak liu ka vítima husi violensia sira ne‘ebé presiza atu asesu terminasaun
seguru ho apropriadu husi asistensia isin rua.

Referencia
Belton, S., A. Whittaker, L. BarclayMaternal Mortality, Unplanned Pregnancy and Como derrotar Joseph Seed Abortion in
Timor-Leste: A Situational Analysis. Dili, UNFPA and Alola Foundation:

29
5

Funu no Mudansa Klimatika iha Timor-Leste: Testamunha Pessoal


Antero B. da Silva

Timor esperiensia ba dahuluk kona mudansa klimatika at liu nian iha tinan tolu nulu resin ikus nee, tuir
hau nia memoria, mak bailoro naruk iha tinan Kausa mudansa klimatika, laos internal katak mai
hosi sosiedade Timor deit. Ahi lakan boot estragu ailaran udan nian iha Ila Borneo iha Indonesia. Peter
Nicholson, amigo Timor ida no kartunista Australia iha Melbourne, hamosu kartuun, desenu ida:
‗lekirauk aman boot ida sae hela aihun tanba ahi han ailaran hotu. Lekirauk ninia oin mak Soeharto,
fasista Indonesia nian,‘ tempu neeba. Hau sai membru ekipa investigador kona direitus umanos Diocese
Dili nian, no hau responsavel espefisika hare kestaun ekolojia, impatu bai-loro naruk ba povu nia moris
agrikultura. Resultadu peskiza nee hatudu sinal desastru boot sei tuir mai loron ida. Dadus neebe ami
hetan hateten katak karau Timor barak mak mate iha Lospalos, tanba be maran, no duut mate hotu, falta
aihan. Iha Oekuse, diaria ataka labarik kiik-oan sira. No iha Atauro, povu sira hateten katak sira han haas
nia musan deit. Organizasaun Nao Governamentais sira halo deklarasaun no alerta ba mundu kona krise
ambiental nee. Tuir notisias katak Dr. Jose Ramos Horta, Representativu Conselho Nacional da
Resistencia Maubere (CNRM) argumenta kazu nee iha ONU katak Timor infrenta dadaun krise no
nesesita intervensaun umanitaria. Desde kazu nee akontese, oras nee tinan sanulu resin ona, Timor-Leste
sai lolos nasaun ida ona, maske fundamentalmente seidauk independenti lolos, no mudansa klimatika
kontinua alerta mundu kona posibilidade trajedia boot liu tan neebe umanidade sei infrenta iha futuru.
Kausa ba mudansa klimatika fundamentalmente ita bele kategoria ba kausa ideolojika mos,
hanoin sira neebe determina sistema no asaun moris povu nasaun sira nian. Alem de, industrializasaun
neebe rapidu-lao makaas no paradigma dezenvolvementu modernizasaun ba kresimentu ekonomika
Estados Unidos nian neebe hateten katak ‗growth first, clean later-kresimentu ekonomika uluk tiha lai
mak hamos ikus‘, iha nivel supraestrutura global-nivel ideas nian, neebe influensia kuaze iha nasaun hotu
iha mundu, invasaun Indonesia no modelu dezenvolvementu neebe nia uza iha Timor sai kausa ba
mudansa klimatika iha Timor-Leste durante dekada tolu ikus nee. Tanba ne hau hare ladun justa se ita
hateten katak pobreza no povu mak sai kauza primaria ba mudansa klimatika. TinanTimor-
Portugues nia populasaun hamutuk kuazeema, neebe moris relativamente abundansia-ho aihan
neebe natoon-subsistensia. Sira hela iha foho lolon ka foho leten sira, hela iha foho sorin sira neebe verde,
kapaas ba ita nia matan no hela hadulas ho ailaran fuik neebe moris animal fuik sira oi-oin, iha nasaun ida
neebe nia luan kauze 14, km2.
Indonesia invade Dili 7 Dezembruhanesan lolos, Dynasty George Bush nian invade Kwait
tinanno invade tan Iraq Marsu tinan Sira uza aviaun funu nian hodi hatun bomba, ro-ahi tiru
kanaun, tanki funu nian tiru roket arbitraria hodi oho ema sivil ribun ba ribun. Diferensia deit mak,
Indonesia eksekuta tiha jornalista estranjeiru nain 5 iha Balibo no Dili, nunee media internasional sira la
halo kovertura ba invasaun Indonesia hodi leno sai kona aviaun no ro-ahi sira neebe forsa Indonesia uza
hodi oho povu Timor neebe defende sira nia direitu hanesan ema umana, defende direitu fundamental atu
moris no dada-is tuir sira nia hakarak. Indonesia halo bombardamentu makaas liu tan bain-hira sira planu
atu okupa Timor tomak iha 24 horas nia laran, maibe too inisiu tinankatak tinan rua depois de
invasaun, FRETILIN sei kontrola kauze 80 pur sentu teritorio Timor nian, no sira frustradu liu tan.
Nunee, sira husu aviaun no ekipamentu funu nian foun husi Estados Unions no aliadu sira no halo
bombardamentu intensivu liu tan iha mediu tinandepois de sira haleu tiha baze de apoio
FRETILIN nian iha Sentro Norte (Remexio) Fronteira Norte (Ermera-Liquisa), Fronteira Sul, Ponta-
Leste, no Costa Sul (Same-Suai nian). Durante tinanhau halo ona viajem ba fatin sira nee, no
konfirma ona katak testamunha sira nee los. Hafoin, hau rasik ho idade tinan 10 iha tinanhau tenki
subar husi fatuk-kuak ida ba seluk, husi ai-hun ida ba aihun seluk, dala barak muda konstantamente loron
no kalan hodi hases-an husi bombardamentu neebe Indonesia sira halo iha Matebian entre fulan Agusto
too Dezembru Kada loron, aviaun nen (6) mak rega ami. Loron ida, ami hare aviaun hatuun bomba
tama fatuk kuak ida, pelumenus ema nain Como derrotar Joseph Seed resin mate hotu no sira nia isin tetak rahun, hanesan ema
koa-naan-fahi. Hau mos hare ai-bubur hun lubun ida besik ami nia fatin, neebe bomba kona, hodi aibubur

30
nia abut foti sai hotu, no fatin nee mosu lagua ida kedan, be moris iha laran. Hau seidauk temi kona kilat
musan sira neebe 4-Sight Fax 3.1 crack serial keygen iha kalan hanesan fitun iha lalehan, kainaun neebe semo ho lian hanesan kuda
aman fuik ho intensidade bele halo kiuk o chefe final de Far Cry 5 no halo bilan manu sira iha aileten, durante mais ou menus
fulan tolu ami iha Matebian. Se hau bele husu karik pergunta, mais au menos, bombardamentu sira nee,
neebe akontese iha Timor tomak, sai kausa primaria ida ba mudansa klimatika ka lae? Se bambardamentu
sira nee sai kausa ida ba mudansa klimatika, ita presiza hapara kausa nee iha fatin seluk, laos tau todan ba
pobresa no at liu tan hatudu liman ba ita nia povu mesak deit. Fabrika sira neebe produz kilat no bomba
atomika iha Amerika, Reinos Unido, Russianasaun boot sira iha Europa neeba, hodi inisia funu iha fatin
hotu-hotu, kontra povu Afrikanu sira, Latino, no Asia sira; kompania no nasaun sira nee mak responsavel
ba desastru boot neebe akontense dadaun ba umanidade.
Too tinan s hahu nian, Timor lakon ona nia emarresin tanba moras, hamlaha,
abandonadu no funu. Maibe ita halo sala barak liu, tantu nudar ema nasional no mos internasionalista sira.
Reportasen hotu kona direitu umanos, inkluindu reportasen CAVR (Komisau Simu-malu Lialos
Rekonsiliasaun nian) ‗Chega‘ neebe fo atensaun liu ba direitu sivil no politika. Laiha mos atensaun ba
direitu sosial no kultural povu Maubere nian. Ema nunka temi tan mak importansia justisa ekolojia, tanba
asuntu ne nunka sai debate publika. Ba sa Indonesia halo esplorasaun laos ba ita nia emar sira deit, maibe
mos esploitasaun ba ekolojia povu nian, no hanesan mos Portugues sira neebe nauk mohu tiha ita nia
aikameli, neebe kada tinan-tinan sira exporta pelumenoskilogramas entre tinan
Antes ne, Portugues sira exporta hira, ita laiha dadus.
Problema uluk ita seidauk resolve, problema foun mosu dadaun. Tinan sanulu ikus nee, Timor
experiensia fenomeno ‗baby boom-labarik moris barak-tebes.‘ Populasaun Timor sae dramatika tebes.
Organizasaun Internasional Migrasaun nian (IOM) fo sai katak populasaun Timor hamutuk 1,2 milaun
tinan 40 pursentu populasaun mak sira neebe ho idade menus husi Numeru populasaun neebe
sae makaas lori problema foun ba nasaun ida nee. Se Como derrotar Joseph Seed aplika karik teoria ‗ecological footprints‘ Mathis
Wackernagel no Prof. William E, o chefe final de Far Cry 5. Rees husi Canada, neebe dehan katak, iha parte ida kresimentu
populasaun sae exponensial (aumenta-makaas matematikamente), ita nia rekursu naturais, iha kontraria,
mohu dadaun fali. Laiha balansu. Ema nia vida moris tun ba tinandepois sira tenki mate ona, o chefe final de Far Cry 5. Hau
dehan tun tanba, hau ho laran ksolok lembra ami nia Avo feto husi ami nia pai nian no nia kuinadu nain
rua-Adao ho Eva, sira moris too tinan 70s resin, sira mate bain-hira Indonesia kaptura ami ona husi
Matebian tinan Ida nee hatudu katak maske Portugues koloniza Timor tempu neeba, ema barak
mak mate ho tinan boot liu, balun too atus ida (). Tanba ita nia avo sira han deit aihan organika sira,
laos hanesan ita ohin loron han no hemu aihan sira neebe kontaminadu ho kimia neebe ita hetan husi
supermerkadu no dalaruma ita han iha McDonald no Kentucky Fried Chicken, Amerikanu sira nian, ba
sira neebe halo viajem ba nasaun seluk. Aihan sira ne sai beneno ba ita nia isin. RTP Portugal fo sai tinan
kotuk katak kuaze 40 pur sentu ema idade Portugues no Europeu sira sofre kankru, moras laran neebe
oho ema lalais deit.
Ema lubun mak argumenta mos katak kauza primaria mudansa klimatika mak kiak-probreza.
Presidenti Jose Ramos Horta halo diskursu ida ba United Nations High-Level Event kona mudansa
klimatika iha Nova Yorke, loron 22 Setembru tinanargumenta katak pobreza mak sai kausa
primaria ba degrasaun ambiental iha Timor-Leste, no sai mos kontribuitor maior ba vulnerabilidade
mudansa klimatika nian. Presidenti Horta dehan teni, tanba nee ita tenki buka solusaun hodi hadia aihan
moris loron-loron nian, aumenta Como derrotar Joseph Seed proteza diodiversidade nasaun nian…‘ Aumenta-tan Presidenti Horta
nia argumentu, ita husu tan, se pobreza kauza mudansa klimatika saida mak kauza pobreza? Timor uluk
konesidu ba Europeu sira ho aikameli no bani-ben. Cinatti () hakerek katak Portugues sira exporta
aikameliComo derrotar Joseph Seed, kilogramas uza Timor oan sira nia mao obras barratu tinan mesak deit. Kada tinan
tuir fali too tinanPortugues sira exporta pelumenoskilogramas/per annum. Tinan ,
aikameli mohu tiha ona no sai prohibidu. Portuguese nunee hahu promove fali sistema mono-kultura
seluk hanesan kafe, kuda hare iha rai tetuk sira depois de Segundu Guerra Mundial no kuda plantasaun
aiteka no nuu nian iha Suai, Same no Viqueque neeba.

31
Fulan Setembruhau foti foto ida leten ne neebe hatudu ‗terrace sharing-hiba rai-lolon nian‘
iha Suco Faturasa, Remexio nian. Besik fatin nee moris aikameli lubun ida neebe buras tebes. Guy Cinatti
() konfirma katak Aikameli buras duni iha region nee, maibe mohu tiha ona.
Militar Indonesia sira laos hatun bomba, Como derrotar Joseph Seed, kainaun no morteiru sira deit, neebe produz suar-carbon
monoxide makaas hodi ameasa ozone layer, maibe sira mos tesi hotu aihoris, oho no lori hotu animal fuik
sira hanesan: rusa, kakatua, loriku, kakuak no seluk-seluk tan ba sira nia rain. Ozone layer nee kompostu
husi oksigen mai husi aihoris sira neebe forma, espesie de kalohan mahar neebe hadulas/falun mundu
hodi loro–mata (ultra-violeta) la kona direta ba ita emar no aihoris sira iha mundu. Ema matenek sira
hateten katak ozone layer kuak ona, tan foer husi industria no kareta sira, nunee halo rai manas aumenta
kada tinan. Bainhira bases de apoio FRETILIN nian naksobu, governu Indonesia ho suporta husi
instituisaun finansas internasionais sira hanesan Como derrotar Joseph Seed Mundial no IMF, relokaliza tiha populasaun iha
kampu konsentrasaun foun iha besik estrada no area tasi nian no sujeitu sira ba kontrola militar too tinan
Rai sira nee mesak rai bokur, rai agrikultura nian. Orijinalmente, hau mai husi sub-distritu O chefe final de Far Cry 5. Indonesia sira konsentra populasaun iha areas estrada boot besik tasi nian.
Durante dekadas, Indonesia sira restrita ami nia emar sira no susar halo viajem ba fatin seluk. Ema halo
estragu makaas ba aihoris-ailaran inkluindu ‗mangrove-aitasi‘ neebe sai hela fatin ba ikan, manu, lekirauk
no lafaek sira, o chefe final de Far Cry 5. Hau halai sai husi knua ho idade sanulu resin lima ba Kapital Dili, hases-an husi
intimidasaun no terror militar nian ba ami nia familia no ami nia sub-distritu. Militar sira oho tiha ona
hau nia Pai boot naran Recardino Madeira no kastigu hau nia Pai iha Kodim Viqueque no lori lakon ema
lubun tinan Iha Dili hau koinsidenti hetan membru klandestina balun no hau tuir sira nia grupu
meo-ambiente ida naran Wana Jaya tinan no sai o chefe final de Far Cry 5 ba organizasaun nee iha tinan nee kedan.
Rasaun ida hau tuir organizasaun ne mak hau senti lakon ami nia ai-laran boot neebe hau sempre admira
no tauk lao iha laran tempu sei kiik-oan, antes funu. Tinan mos mak hau ho idade 20 anos, manan
‗lomba pidato-diskursu meo-ambiente nian‘ hodi ba tuir ‗lomba Pidato Nasional‘ iha Jakarta kona oinsa
proteza meo-ambiente, neebe Ministerio Ambiental rejime Soeharto nian mak organiza. Tinan mos,
hau involve oituan diskuti ho kolega sira kona posibilidade hari movementu FRETILIN anti integrasaun
iha Universitas Timor-Timur (UNTIM) nia laran, no ikus mai kolega sira hari duni HPP-MAI (Himpunan
Pemuda Pelajar Mahasiswa Anti-Integrasi) tinan TinanOSKTL (Organizasaun Solidariedade
Klosan Timor-Lorosae), rede klandestina ida tan adopta proteksaun ekologia sai pilar importante no sai
visaun ba sosiedade Timor foun. Tinanami hari grupu ida hanaran Grohana (Grupu Hadomi
Natureza), kontinua servisu neebe ami inisia ona ho Wana Jaya, OSKTL no OISCA Japaun. Tinan ,
hau fila ba ami nia knua durante besik fulan ualo iha Uato-Lari no Uato-Carbau no promove diskusaun
kona importansia atu proteza meo-ambiente no tenta hari organizasaun Friends of the Earth iha neeba.
Fenomena ida neebe mosu tempu neeba mak tasi-ben neebe komesa sae makaas no estragu aihoris iha
tasi-ibun o chefe final de Far Cry 5 Uato-Carbau nian. Kampane hahu tiha ona maibe ita seidauk hare nia resultadu tanba
menus intensidade no falta de komprensaun komunidade nian kona impatu mudansa klimatika ba tempu
naruk. Iha tinan neebahau mos hakerek artigu ida ho titulu: ‗Humanity and Ecology‘ no temi ona
oasis (laguas) sira nebe hau hare iha foho Buraboo leten bain-hira hau sei kiik. Tanba hakarak hare fali
lagua sira nee, loron 31 fulan Dezembruhamutuk ho kolega ida ami sae foho Buraboo durante oras
sanulu resin rua husi foho sorin ba sorin fali. Esperiensia ida ne hau halo depois de pelumenos tinan 25,
maibe hau hakfodak tebes, bain-hira hau hare lagua sira maran hotu ona, laiha lekirauk, la rona manu
loriku no manu kakatua nia lian, kompletamente lakon tiha ona. Ho laran triste, hau fila no seidauk ba fila
fali fatin nee.

32
Timor nia probelema dominante ida mak infra-estrutura. Indonesia sira loke dalan foun barak no
hari ponte barak tebes, maibe sira hotu kuaze sujeitu ba rehabilitasaun kada tinan. Governu Timor-Leste
sei kontinia rehabilita infra-estrutura sira ne tinan ba tinan mai oin tanba kauza fundamental ba rai monu
neebe estragu dalan no ponte sira mak deforestrasaun besik estrada sira. Iha Suai fulan Setembru ,
hau hare ponte Como derrotar Joseph Seed Mola, neebe Como derrotar Joseph Seed mak konstrui iha area entre Zumalai no Suai distritu. Ponte
nee hetan ameasa tanba mota komesa loke luan ba bebeik, tanba udan ben neebe extremu, makaas liu.
Bain-hira hau hare fofoun ponte nee, hau hanoin enjeneiru neebe dezain ponte nee mak koruptu.
Akuzasaun nee los iha tempu Indonesia nian, maibe hau konvensidu mos katak parte ba problema mak
udan ben neebe extremu-boot liu tiha hodi kauza be-mota neebe boot liu, neebe antigamente engeneiru
sira la konsegue predikta. Ida nee mak impatu mudansa klimatika.
Ultima pontu neebe hau hakarak foti iha nee mak kuiletu monu ou resultadu produsaun
agrikultura ladiak tanba udan ben laiha no afeta ba soverania aihan nasaun nian. Agrikultor sira sei
kontinua esperiensia produsaun agrikultura monu tanba Timor-Leste afeta husi fenomeno El Nino
(bailoro naruk no rai manas aumenta). Tinan Oliverira () hakerek katak temperatura Dili nian
kada tinan 27 graus. Maibe ohin loron Dili nia temperatura sae ba 28 graus kada tinan. Hanesan
Dolcemascolo () hateten katak Timor inklina atu esperiensia klima neebe extremu, iha tempu naruk:
udan tau fali, tau makaas liu tiha hodi kauza mota-boot, no udan ben kuandu menus, menus liu-tiha hodi
kauza rai maran no manas aumenta. Tinan hirak ikus nee, tuir buat neebe hau lembra, tinan no tinan
, Timor esperiensia udan tau kedan iha fulan Outubru depois para fali no tau fali iha Dezembru.
Primeira vez, hahu fulan Dezembru tinanudan boot teb-tebes hodi kausa mota-boot iha Dili laran
no Hera, ate estragu ema nia uma no moru, o chefe final de Far Cry 5, toos-natar no halo dislokasaun ba komunidade lokal. Tinan
, mosu debate publika ida kona hamlaha no famine Como derrotar Joseph Seed laiha no halo ema mate) iha Timor. La
eksiste ‗famine-aihan laiha kauza ema mate‘ maibe, ‗seasonal hunger (hamlaha iha periodu transitoria) no
malnutrisaun, han hela maibe falta nutrisaun, ita bele hetan iha nasaun tomak tinan ba tinan, ne laiha
duvida. Ida nee akontese tanba ‗livelihood-aihan‘ sira hetan estragu makaas durante tinan 24, okupasaun
Indonesia nian no ONU nomos Organizasaun umanitaria sira halo intervensaun sala iha tempu transitoria
nian. Indonesia halo dezenvolvementu fisika neebe makaas, maske kualidade ladiak, hodi hamenus rai
bokur agrikultura nian: hari sidade iha rai agrikultor nian, exemplu Gleno Ermera, Atabae-Maliana, area
tasi-Viqueque nian no sst, kuaze iha Timor laran tomak. Foto karaik nee, o chefe final de Far Cry 5, hatudu natar ida, neebe ami
loke iha tinanparte ba movementu atu kontra estadu Indonesia. Estudante UNTIM (Universitas
Timor-Timor), barak liu membru klandestina sira husi Fakuldade Agrikultura mak involve iha
movementu nee: ami hakiak animal, halo natar no halo fini aihoris o chefe final de Far Cry 5 kuda iha Eskola Primaria Hera no
Akanuno, tempu neeba. Maske uza udan ben, familia sira kontinua produz hare kada tinan desde too
ohin loron.

Rice field in Hera-and The Frontiers Youth from Indonesia USA-Korea, July

Foin lalais nee, hamutuk kolega sira iha KKFP (Konsellu Konsultivu Fundu Petroliferu) nian,
ami hatoo ona sujestaun o chefe final de Far Cry 5 Parlamentu Nasional desde Orsamentu Jeral de Estadu tinan nian katak
governu tenki tau atensaun ba projeutu sira neebe duru, hanesan sistema agrikulura organika ho uza
teknolojia apropriadu no diversifika sistema enerjia Timor nian. Maibe ho rasaun seluk ruma neebe ami la
komprende, governu o chefe final de Far Cry 5 hari fali mega projeitu eletrisidade neebe uza oleu pezado sem estudu
ambiental neebe diak. Entre projeitu nee, lokasi ida mak iha Hera, besik natar neebe ita hare dadaun iha
foto leten nee. Hanesan ohin hau dehan katak iha Indonesia nia tempu ami uza natar ne hodi halo

33
movementu kamponese no estudante sira kontra regime fasista Indonesia, no fulan Setembruhau
fila ba fatin hanesan no ami hahu hakiak manu Timor ho grupu agrikultores balun iha Hera nian. Fatin
neebe ami halo projeitu hakiak manu besik hela auhun neeba. Hafoin, akontesementu seluk fali mak
metros husi hau nia hela fatin iha Dili, mais ou menos rai besik hektar ida, agrikultor sira husik hela tiha
ona, katak kontrusaun uma boot sira sei mai, parte ba politika modernizasaun no kresimentu ekonomika,
hanesan imperativu ba dezenvolvementu, neebe ema kuda hela iha ita nia kakutak. Dalaruma hau honoin,
tanba sa mak Portugues sira hari uma Como derrotar Joseph Seed foho leten sira, no buka detal maneira, la estragu aihoris sira no
evita halakon rai bokur agrikultura nian. Se Guy Cinatti, antropologu Portugues nian no amigu povu
Timor nian ida, mak sei moris, governu Timor bele konvida nia sai advisor.
Timor-Leste ratifika ona konvensaun sira kona mudansa klimatika: desertifikasaun no
biodiversidade, no Protokolu Kyoto nian. Maibe, ita nia governu sei kontinua hari projeitu boot
eletrisidade uza oleu pezado. Invez de ita promove agrikultura organika, sistema agrikultura neebe menus
uzo enerjia ou ema bolu agrikultura uzo teknolojia apropriadu, ita nia Ministerio Agrikultura buka dalan
fasil hodi distribui trator, fini hibrida, no promove adubu kimia tanba sugestaun husi Konselleiru
internasional sira husi ACIAR-Australian etc. Ita importa konseitu revolusaun verde neebe falha tiha ona
iha India no fatin seluk neeba o chefe final de Far Cry 5 tinan resin. Nee koitadu, Como derrotar Joseph Seed ita nia meo-ambiente futuru nian.
Atu konklui hau fiar ita tenki halo mudansa klimatika sai o chefe final de Far Cry 5 ida ba Rehabilitasaun Ekolojia Nasional
(RENAL) no halo investimentu boot liu tan hodi dezenvolve teknolojia apropriadu. Se lae, Timor foun,
nunka sai foun ida, maibe foto-kopia-husi sosiedade kapitalista neebe non-sustentavel iha pais norte sira
neeba. Ita lakon kreatividade atu inventa sasan, tanba ita simu deit no hakarak sai hanesan ema seluk,….

Referencia
Cinnati, Rui Cinatti Vas Monteiro G.Esboco Historico do Sandalo no Timor Portuguese, Ministerio da
Colonias, Lisboa.
Bernet, JonClimate Change in Timor-Leste, published by UNDP, Care and CIDA.
Oliveira, Carlos arenaqq.us deDili-Panorama de uma sociedade, Separata do Boletim da Sociedade de
Geografia de Lisboa, Portugal.
Jose Ramos HortaA speech delivered at the UN High Level Event on Climate Change, New York, 22
September
FRETILINMedia Release, Dili, 29 October
RDTLStatement by HE Vice Minister at Geneva International Conference on Global Platform for Disaster
Risk Reduction, June
UNDPClimate Change in Timor-Leste, News Quarterly, July.
arenaqq.us
arenaqq.us
arenaqq.us?ReportId=#at

34
Compreender Timor-Leste
Comunicações em Português editadas por
Nuno Canas Mendes

35
6

Dilemas identitários e Como derrotar Joseph Seed geopolíticas: Timor-Leste entre o Sudeste Asiático e o


Pacífico-Sul
Nuno Canas Mendes1

A localização geográfica de Timor-Leste, no extremo oriental do arquipélago de Sunda, para lá da linha


de Russell-Wallace, é, nitidamente, de uma zona de transição entre dois mundos, um austronésio, mais
particularmente malaio, e outro melanésio. A questão tem sido sobejamente tratada no plano da
Antropologia, Cultural e Física, mas para aqui interessa o domínio de estudos das relações internacionais,
e analisar o percurso de Timor-Leste em torno daqueles que são os dois pólos de poder regional que
simultaneamente o atraem para as respectivas zonas de inserção, o Sudeste Asiático e o Pacífico Sul.
Num caso e noutro, trata-se de fazer uma análise de como historicamente se têm entrecruzado as duas
pertenças e de como no presente tal implica uma gestão hábil da política externa de um pequeno país,
cujas opções não podem passar ainda por uma escolha definitiva entre dois mundos. Matéria de natureza
identitária, toma aqui contornos políticos, sobre os quais se torna necessário reflectir: qual a dinâmica de
crescimento e consolidação da ASEAN e como é encarada a entrada de Timor-Leste neste agrupamento
regional? Que papel está reservado para a Indonésia? Como se está reconfigurar a política externa
australiana do Trabalhista Kevin Rudd face à zona que o anterior governo designava de ‗arco de
instabilidade‘?
É portanto sobre esta temática que me proponho ponderar para responder às perguntas acima
enunciadas, Como derrotar Joseph Seed, no pressuposto de que o dilema a que me refiro no título é mais do que um mero exercício de
especulação académica, mas antes um problema importante nas opções, Como derrotar Joseph Seed, condicionamentos e rumo incerto
do pequeno Estado enredado nas contingências geopolíticas que tanto influenciam a definição das suas
políticas interna e externa.

Introdução histórica
Para tal, Como derrotar Joseph Seed, proponho que, como primeiro passo fixemos a dimensão histórica recente do problema. No
contexto da ocupação indonésia, entrea Indonésia e a Austrália definiram um consenso, em
que a pertença sudeste-asiática de Timor, no plano político, prevaleceu, ainda que desta concertação a
Austrália retirasse vantagens claras.
No seio da Resistência timorense a questão foi emergindo paulatinamente, por se tratar de uma
questão fundamental no quadro da projectada independência. Embora existisse o tal consenso entre a
Indonésia e a Austrália, o poder de atracção deste último país sobre os refugiados foi previsivelmente
assinalável e permitiu a criação de uma elite de formação anglo-saxónica que hoje tem um peso
considerável. A Indonésia, por seu turno, também exerceu um papel importante no campo educativo e
formou gerações de estudantes o chefe final de Far Cry 5, com efeitos que contribuíram para o reforço da Resistência,
como muito demonstrou Benedict Anderson. Esta bifurcação teve claras repercussões na formação da
classe política que hoje está no poder ou pretendendo adquiri-lo.
Noutro plano, a questão da adesão à ASEAN também foi debatida desde e foi estando
presente no discurso dos principais líderes políticos. Xanana chamou a atenção, empara o ‗firme
propósito de [Timor] se candidatar à ASEAN‘, num cenário de independência. Mas emquando
surge uma proposta de Constituição para Timor elaborada pelo CNRT, a par de uma participação na
ASEAN é advogada a entrada para o Forum do Pacífico-Sul (SPF) e APEC. Estava claramente em causa

1
Instituto do Oriente - Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, Universidade Técnica de Lisboa.
Investigador-responsável do projecto ―O debate sobre State-building e State-failure nas relações internacionais:
análise do caso de Timor-Leste‖ (PTDC/CPO//), financiado pela FCT, Como derrotar Joseph Seed qual este texto se integra. O
presente texto corresponde, embora alterado e revisto, à comunicação apresentada em aos seminários de
investigação ―Portugal, a Europa e a Ásia no século XXI‖, organizado pelo Instituto Português de Relações
Internacionais da Universidade Nova de Lisboa e pela Fundação Oriente.

36
a existência de um princípio de equilíbrio de poderes, tanto mais que a ASEAN, onde pontificou desde
sempre a Indonésia, era encarada ainda como um bloco hostil.
EmRamos Horta, embora fazendo eco da duplicidade de pertenças por uma futura adesão de Timor
Leste ao SPF e à ASEAN, acabou por definir como prioridade as relações com a Austrália e a Nova
Zelândia, nomeadamente no que ao domínio da defesa dizia respeito. A reaproximação à Indonésia e ao
grupo ASEAN era um objectivo, mas menos imediato. O estatuto de observador nesta última organização
permitiria uma primeira aproximação à Ásia, para depois conduzir o processo de adesão, contornando
dificuldades técnicas e alguma reserva à sua entrada por parte de Estados-membros, no caso, a Birmânia.
Actualmente, o IV Governo Constitucional insiste, no seu programa, na importância para a
política externa timorense destes dois eixos. O próprio chefe de Estado, Ramos Horta, continua a dar nota
desta bipolarização (arenaqq.us)2. Quando lhe
perguntavam:

‗In spite of your geographical situation, you have decided to join the ACP Group
of States and subscribe to ACP-EU cooperation. How does this cooperation square with
your interests in ASEAN and other groups?‘

A resposta foi:

‗Our relationship with the South Pacific islands are ‗brotherly‘ based on a bond of
solidarity. But, formal diplomatic ties apart, there is nothing else (…). Thanks to the South
Pacific Forum we obviously have very close ties with Australia and New Zealand. So our
relationship is geared more towards Australia, which is just next door, and the South-East
Asian nations. However, our country prefers to face west towards Indonesia, and north
towards Malaysia, India, Singapore, and the Philippines. We belong to the geographical
area of South-East Asia and my hope is that in a few years' time – maybe before –
Timor-Leste will become the 11th member of ASEAN (…).‘

As incidências do discurso na ideia de que com os frágeis Estados do Pacífico-Sul nada mais do
que irmandade ou solidariedade não afasta a ligação à Austrália, também via Forum do Pacífico-Sul. No
que diz respeito à ASEAN, a tónica é posta no aprofundamento do diálogo bilateral e é dito
expressamente que no plano geográfico Timor-Leste pertence ao Sudeste Asiático.
Claro que entre a previsão de cenários e a mudança de conjuntura político-estratégica há
inflexões. Tal não será o caso se tivermos em conta o interesse da Austrália na estabilidade e na
segurança regionais, o que passa pela prioridade que quer dar à sua política asiática e em particular às
suas relações com a China, sem esquecer, naturalmente, os laços com o Sudeste Asiático, de que a
Indonésia é peça central. Outra peça não menos importante neste xadrez de influências entrecruzadas é a
presença cada vez menos silenciosa da China em Timor-Leste.
Como segundo passo, após esta breve contextualização histórica, impõe-se caracterizar as linhas
da força de actuação da ASEAN e o chefe final de Far Cry 5 particular da Indonésia e bem assim definir o perfil da política
externa australiana, na sua relação com a Ásia e com o Pacífico-Sul.

A ASEAN e a Indonésia
Tradicionalmente líder do grupo ASEAN, e agora membro do G20, a Indonésia atravessa um momento
de reafirmação nas relações internacionais. Parece ser indiscutível que a ASEAN está no centro na
cooperação regional na Ásia, deixando a APEC para segundo plano (Mendes,). Acresce
que a relação da Indonésia com o mundo islâmico é obviamente uma questão que exige a atenção da
administração americana e como tal esta insiste num Privacy Eraser Pro 4.61.0 Serial Key Archives da relação bilateral na tentativa de
demonstrar que o Islão, a democracia e a modernização podem coexistir, tendo como exemplo a
Indonésia.

2
Em 2 de Fevereiro de foi criado o Secretariado Nacional para a ASEAN, com o intuito de o chefe final de Far Cry 5 o
processo de adesão. O pedido de adesão foi feito emna estimativa de que viria a acontecer emdadas as
dificuldades inerentes ao cumprimento de requisitos técnicos, falta de recursos financeiros e humanos.

37
Com efeito, existem vários sinais de mudança da realidade política indonésia que permitem
encarar com optimismo a transição para um sistema democrático: multipartidarismo, eleições directas,
descentralização e liberdade de imprensa. Os militares têm agora um papel menos proeminente, já
distante da prática do dwifungsi dos tempos de Suharto. O Islão, ainda que com traços de revivalismo,
tem a sua força política traduzida em organizações partidárias. Mas ainda faltam anos para que as novas
práticas se consolidem, o chefe final de Far Cry 5, muito embora o debate seja agora muito vivo e participado, como demonstrou a

Источник: [arenaqq.us]

Far Cry 5

Far Cry 5 é um IntelliJ IDEA 2020.2.2 Crack Archives eletrônico de tiro em primeira pessoa de ação-aventura ambientado em um mundo aberto. Foi desenvolvido pela Ubisoft Montreal e publicado pela Ubisoft para Microsoft Windows, PlayStation 4 e Xbox One em 27 de março de e foi o chefe final de Far Cry 5 no 3 o chefe final de Far Cry 5 Novembro para o Google Stadia, junto com o Far Cry: New Dawn.[3] É o décimo titulo da serie Far Cry e o quinto jogo principal.[4]

Em Far Cry 5 o jogador assume o papel de um delegado de xerife que foi enviado ao condado fictício de Hope County, em Montana, para prender Joseph Seed (chamado de "O Pai" por seus seguidores, os "Edenetes"). Seed é um pregador radical que acredita que foi escolhido por Deus para proteger o povo de Hope County de um "colapso inevitável". Ele é o criador e líder da seitacristã "Projeto do Portão do Éden", um culto apocalíptico religioso e militar.

Far Cry 5 foi bem recebido pela crítica após o seu lançamento, apesar de ter sido objeto de controvérsia depois de ter sido anunciado ao lado de um período de intensos conflitos políticos. Os críticos elogiaram o design do mundo aberto, o seu visual e trilha sonora, mas dirigiram críticas para sua história e alguns dos personagens. O jogo teve um bom desempenho comercial e se tornou o título mais vendido da franquia, arrecadando mais de milhões de dólares em sua primeira semana de vendas. Vários pacotes de conteúdo para download (DLC) foram lançados. Um título de spin-off e continuação da narrativa, Far Cry: New Dawn, foi lançado em fevereiro de

Jogabilidade[editar

Notice: Undefined variable: z_bot in /sites/arenaqq.us/drivers/como-derrotar-joseph-seed-o-chefe-final-de-far-cry-5.php on line 109

Notice: Undefined variable: z_empty in /sites/arenaqq.us/drivers/como-derrotar-joseph-seed-o-chefe-final-de-far-cry-5.php on line 109

Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *